O Comunicador

E o salário oh! Câmara aprova medida que fixa salário mínimo de R$ 1.212

Crédito: Arquivo/TV Globo. Humorista Chico Anysio em cena do programa Escolinha do Professor Raimundo.

O texto-base da Medida Provisória (MP) que fixou o salário mínimo de 2022, em R$ 1.212, foi aprovado nesta terça-feira (24), pela Câmara dos Deputados. 

O valor é definido pela correção monetária estimada pelo Ministério da Economia, com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de janeiro a novembro de 2021 e na projeção de inflação de dezembro. 

O reajuste de 10,18% em relação ao salário de R$ 1.100 do ano anterior, foi oficializado em dezembro, após assinatura do presidente Jair Bolsonaro, e precisava de ser validada em sessão do Congresso Nacional. 

*msn

Postado em 24 de maio de 2022 - 22:22h

0 comentário

MPF abre investigação sobre ação policial na Vila Cruzeiro, no RJ, que deixou 22 mortos


Foto: Reprodução/TV Globo

O Ministério Público Federal (MPF) instaurou procedimento de investigação criminal para apurar a legalidade da operação policial realizada na Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro, nesta terça-feira (24/5), que deixou ao menos 22 pessoas mortas. O número pode subir.

O MPF informou que foi avisado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) que a operação ocorreria, em conjunto com a Polícia Militar, com o objetivo de capturar criminosos do Comando Vermelho atuantes nas comunidades do Rio.

Agora, entretanto, o órgão quer saber detalhes de como se deu a ação, como as mortes ocorreram, quantos e quais agentes participaram e se os mandados de prisão foram cumpridos. O MPF notificou os superintendentes da Polícia Federal e da PRF, e também pediu informações sobre a ação penal e os inquéritos policiais que motivaram os pedidos de prisão dos suspeitos.

Ao abrir a investigação, o procurador da República Eduardo Benones, do Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial no Rio de Janeiro, relembrou outras operações que deixaram mortos e destacou que é preciso investigar violações de direitos humanos.

“Em 11 de fevereiro deste ano, no mesmo lugar, houve oito vítimas fatais em operação com participação da PRF. O Brasil é signatário de tratados e acordos internacionais que nos obrigam a investigar e punir violações de direitos humanos. E 21 mortos, até agora, em menos de três meses, não podem ser investigados como se fossem simples saldo de operações policiais”, afirmou.

Na tarde desta terça, o coronel da PM Luiz Henrique Pires pontuou que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de limitar operações nas favelas durante a pandemia da Covid-19 acentuou a migração de bandidos para a capital fluminense.“A gente começou a reparar essa movimentação, essa tendência deles de migração para o Rio, a partir da decisão do STF”, afirmou. “A tendência do esconderijo deles é fruto dessa decisão do STF, que limitou a ação das forças policias.”O MPF também informou ter solicitado “com urgência” aos superintendentes da Polícia Federal e da PRF as seguintes informações:

  • número de agentes que participaram da operação conjunta;
  • qualificação completa dos agentes, com cópia das respectivas fichas funcionais;
  • relatório final da operação e informações detalhadas sobre o cumprimento dos mandados de prisão expedidos pela 1ª Vara Criminal da Regional Madureira;
  • local da realização do resumo e cópia da ordem de serviço relacionada a operação policial.

*Metrópoles

Postado em 24 de maio de 2022 - 22:10h

0 comentário

Sobe para 21 número de mortos em ação policial no Rio de Janeiro

Imagem: reprodução/UOL

Subiu para 21 o número de mortos em uma operação conjunta entre Bope (Batalhão de Operações Especiais) e PRF (Polícia Rodoviária Federal), na manhã de hoje, na Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha (zona norte do Rio). Ao menos sete pessoas ficaram feridas, entre elas um policial civil, que foi baleado no rosto — ele participava da perícia em um dos locais.

A informação sobre o número de mortos e feridos está sendo passada pela assessoria de imprensa do Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, para onde eles estão sendo levados. Segundo a unidade, 20 pessoas morreram. A 21º morte é uma moradora da região identificada como Gabriela atingida por uma bala perdida, segundo informou a PM. O corpo dela não foi levado ao hospital.

Após uma madrugada tensa, a Vila Cruzeiro registrou novamente tiroteio no final da manhã de hoje e na metade da tarde. Ao meio-dia, a reportagem esteve perto de uma das entradas da comunidade e constatou que o tiroteio havia recomeçado. Era possível ouvir rajadas de diferentes calibres. Reforços do Batalhão de Choque se deslocaram para a área. Por volta das 16h, houve novo tiroteio, que durou não mais de cinco minutos.

O policial civil baleado, identificado como Sérgio Silva do Rosário, deu entrada no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, e foi levado por uma viatura da PRF. Segundo a unidade de saúde, ele teria sido atingido no nariz, mas chegou lúcido ao chegar ao hospital. Ele passaria por cirurgia para retirar a bala, que ficou alojada.

O chefe da Delegacia de Homicídios, delegado Alexandre Herdy, afirmou que a equipe que fazia a perícia foi encurralada por traficantes. O UOL apurou que os policiais civis tiveram que abandonar uma viatura no local do confronto.

Foto: Marcos Porto/O Dia

“Ao chegar lá as equipes foram encurraladas e surpreendidas por disparos vindos da mata, do alto do morro. Não houve possibilidade de reação. Eles ficaram cercados durante um tempo, mas conseguiram aos poucos retrair e socorrer o colega”.

Por conta do tiroteio, a perícia de local foi suspensa. A DH pediu reforços para tentar completar o trabalho.

Moradora está entre mortas em operação
Inicialmente, a Polícia Militar e o Hospital Estadual Getúlio Vargas informaram que 11 pessoas morreram durante a ação policial. Porém, ao longo da tarde, o número foi atualizado para 21. O número de feridos também foi revisado para sete.

Pela manhã, quando o número de mortos era de 11 mortos, a PM disse que entre as vítimas mortas na operação estava uma moradora do Complexo da Penha e outras dez pessoas que seriam suspeitas de atividade criminosa, mas não tiveram a identidade revelada.

Houve apreensão de sete fuzis e quatro pistolas na operação. O Ministério Público disse que a ação policial foi autorizada após movimentação de criminosos do CV (Comando Vermelho) da Vila Cruzeiro para a Rocinha. Já a Defensoria Pública criticou a operação que “jamais seria tolerada em bairros nobres” do Rio. Já o MPF (Ministério Público Federal) anunciou a abertura de procedimento investigatório para condutas e possíveis violações cometidas por policiais de forma individual.

Segundo a PM, a moradora — no momento identificada apenas como Gabriela — foi atingida enquanto as equipes do Bope e da PRF estavam se preparando para iniciar a incursão. De acordo com a corporação, “criminosos começaram a fazer disparos de arma de fogo na parte alta da comunidade”.

A mulher morreu na região da Chatuba, uma comunidade fora da área de atuação das forças de segurança, afirmou a Polícia Militar. Os tiros na região da Penha começaram por volta de 4h20 — moradores relatam momentos de terror durante a ação policial.

*UOL

Postado em 24 de maio de 2022 - 22:07h

0 comentário

Vídeo: Forte chuva inunda rua em Assu

s fortes chuvas que caíram nesta terça-feira (24) em Assu deixaram ruas alagadas.

Em um ponto de uma dessas ruas o nível da água passava da altura da cintura dos moradores que tentavam atravessar o ‘rio’ que se formou.

Postado em 24 de maio de 2022 - 22:05h

0 comentário

Anvisa desmente recomendação de isolamento como prevenção à varíola do macaco

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Em nota divulgada nesta terça-feira (24), a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) desmentiu a informação de que havia recomendado o isolamento social como forma de prevenção à varíola do macaco.

A informação foi divulgada anteriormente pelo R7, por meio da Agência Estado.

“A Anvisa apenas reforçou a adoção das medidas já vigentes em aeroportos e aeronaves destinadas a proteger o indivíduo e a coletividade não apenas contra a Covid-19, mas também contra outras doenças”, diz a nota.

O órgão regulador também destacou que permanece monitorando a evolução do surto de varíola do macaco em constante contato com o Ministério da Saúde.

“Tão logo se justifique, serão propostas as medidas sanitárias, quando cabíveis, em aditamento às regras existentes e vigentes no Brasil”, completa a nota.

*R7

Postado em 24 de maio de 2022 - 20:52h

0 comentário

Bebê com suspeita de hepatite aguda de causa desconhecida morre no RN, diz secretaria

Hepatite é uma doença que afeta o funcionamento do fígado — Foto: Divulgação

Hepatite é uma doença que afeta o funcionamento do fígado — Foto: Divulgação

O primeiro paciente com com suspeita de hepatite aguda de causa desconhecida no Rio Grande do Norte era um bebê de 4 meses que morreu no dia 17 de maio. A informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde de Mossoró, cidade onde o bebê estava internado.

O primeiro caso suspeito no RN foi divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) na segunda-feira (23). Na ocasião, apesar de questionada, a Sesap não informou o estado de saúde da paciente.

A bebê era de Serra do Mel e foi internada no Hospital Wilson Rosado, em Mossoró, no dia 8 de maio. O óbito ocorreu no dia 17. De acordo com Morgana Dantas, secretária de Saúde Mossoró, o município aguarda o resultado de exames para fechar a causa da morte. “Aguardamos ainda resultados de exames para fechar o diagnóstico. Mas é muito cedo falar em uma hepatite misteriosa ou hepatite de etiologia desconhecida”, disse.

Segundo ela, “a bebê tinha sintomas de desconfortos respiratório, dispnéia, tosse, febre, uma pneumonia. Era também uma criança com síndrome de Down, tinha lesão renal e cardiopatia congênita. Foi feito de tudo para conseguir manter este bebê vivo, porém sem sucesso”.

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) informou que a investigação do caso suspeito de hepatite aguda grave deve ser concluída ainda nesta terça-feira (24).

g1 questionou ao Ministério da Saúde se havia notificação da morte desse caso suspeito, mas não obteve retorno até a última atualização desta matéria.

Casos no Brasil

O Ministério da Saúde informou que, até segunda-feira (23), foram notificados 76 casos suspeitos da hepatite aguda no Brasil. Desses, 12 foram descartados e 64 permanecem em investigação.

Os casos em investigação são em São Paulo (24), Minas Gerais (8), Rio Grande do Sul (5), Pernambuco (5), Rio de Janeiro (4), Mato Grosso do Sul (3), Santa Catarina (3), Paraná (2), Espírito Santo (2), Goiás (2), Ceará (2), Rio Grande do Norte (1), Maranhã (1), Rondônia (1) e Paraíba (1).

*G1 RN

Postado em 24 de maio de 2022 - 20:33h

0 comentário

Governo do RN anuncia para esta terça (24) pagamento da última folha salarial atrasada dos servidores


Foto: Thyago Macedo

O governo do Rio Grande do Norte anunciou nesta segunda-feira (23), em entrevista coletiva, que será paga nesta terça (24) a última parcela da última folha salarial dos servidores que ainda estava atrasada. Vão receber o restante do salário quase 9 mil servidores que recebem acima de R$ 6 mil.

A Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças (SEPLAN) depositou R$ 109,68 milhões, no Banco do Brasil, antecipando a última parcela das quatro folhas de salários deixadas pela administração anterior, cujo pagamento estava previsto para o dia 31. O anúncio foi feito pela governadora Fátima Bezerra no final da tarde. “É um momento de muita felicidade, porque eu sei o quanto os servidores sofreram com isso. Imagine o que era viver sem ter a menor previsão de quando ia receber o seu salário, porque era assim que viviam os servidores públicos do RN”, disse a governador Fátima Bezerra. Ao todo, cerca de 86 mil servidores chegaram a ser afetados com os atrasados relacionados às quatro folhas salariais.

*Portal da 98 FM Natal

Postado em 23 de maio de 2022 - 21:10h

0 comentário

Argentina registra 1º caso suspeito de varíola dos macacos no país

O paciente apresentou pequenas feridas em distintas partes do corpo e febre, além disso, ele acabou de retornar de uma viagem à Espanha, país que identificou um pequeno surto desta infecção.

O Ministério da Saúde da Argentina investiga seu primeiro caso suspeito de varíola dos macacos no país, segundo um comunicado divulgado pelo governo neste domingo (22).

Em nota, a pasta disse que um morador da província de Buenos Aires entrou em contato com o serviço de saúde com sintomas “compatíveis com o da varíola dos macacos”.

O paciente apresentou pequenas feridas em distintas partes do corpo e febre, além disso, ele acabou de retornar de uma viagem à Espanha, país que identificou um pequeno surto desta infecção.

Ainda de acordo com o comunicado da saúde, o infectado se encontra em um bom estado, está em isolamento e recebendo tratamento para os sintomas.https://60b2d5ccf7b530aa8443fac73398f65e.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Mais casos devem aparecer

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse que espera identificar mais casos de varíola dos macacos à medida que países onde a doença normalmente não é encontrada aumentem a vigilância.

Até sábado (21), 94 casos haviam sido confirmados e 28 casos suspeitos de varíola foram relatados em 15 países que não são endêmicos para o vírus, disse a agência de Saúde da ONU.

“As informações disponíveis sugerem que a transmissão de humano para humano está ocorrendo entre pessoas em contato físico próximo com casos sintomáticos”, acrescentou a OMS.

O que é a varíola dos macacos?

A varíola dos macacos é uma doença infecciosa que geralmente é leve e endêmica em partes da África Ocidental e Central.

Ela é espalhada por contato próximo, e pode ser contida com relativa facilidade por meio de medidas como isolamento e higiene.

Os sintomas são:

  • dores de cabeça
  • dores no corpo
  • nódulos linfáticos inchados
  • cansaço
  • erupções cutâneas nas mãos e pés.
  • *G1
Postado em 23 de maio de 2022 - 20:59h

0 comentário

Governo Federal anuncia novo corte de 10% no imposto de importação de arroz, feijão, carne, materiais de construção e outros itens


Foto: Sergio Lima/Poder 360

O Ministério da Economia anunciou nesta segunda-feira (23) um novo corte de 10% no imposto de importação cobrado sobre bens como feijão, carne, massas, biscoitos, arroz e materiais de construção.

Em novembro do ano passado, o governo havia feito uma redução da mesma magnitude no imposto.

Segundo o Ministério da Economia, as duas reduções somadas afetam mais de 87% dos produtos sujeitos a essa tributação. Nesse conjunto de bens, de acordo com a pasta, as alíquotas foram reduzidas a zero ou sofreram um corte total de 20%.

O ministro Paulo Guedes vinha defendendo novas reduções de tarifas cobradas no comércio exterior como maneira de combater a escalada de preços na economia. Ao cortar o imposto, o governo tenta baratear a compra de produtos trazidos do exterior – o que pode ter impacto também nos preços da produção interna.

De acordo com a pasta, a nova redução foi aprovada pelo Comitê-Executivo de Gestão (Gecex) da Câmara de Comércio Exterior (Camex) nesta segunda, com prazo até 31 de dezembro de 2023. A resolução que oficializa a medida, segundo o ministério, será publicada no “Diário Oficial da União” de terça-feira (24).

De acordo com a Secretaria de Comércio Exterior do ministério, as duas reduções somadas provocarão, “no longo prazo” (até 2040), um aumento de R$ 533,1 bilhões no PIB do Brasil, um incremento de R$ 376,8 bilhões em investimentos, uma elevação de R$ 758,4 bilhões nas importações e um acréscimo de R$ 676,1 bilhões nas exportações.

Cortes de imposto

Em meados de maio, o governo também reduziu o imposto de importação cobrado sobre 11 produtos – a exemplo de alimentos e do vergalhão de aço, usado na construção civil para reforçar a resistência do concreto.

Em março, o governo também havia reduzido a alíquota do Imposto de Importação de seis itens da cesta básica: café, margarina, queijo, macarrão, açúcar cristal e óleo de soja.

Na mesma ocasião, cortou em 10% a alíquota cobrada sobre máquinas e equipamentos, importados para intensificar a produção de bens no Brasil. Como uma redução da mesma magnitude já havia sido feita em 2021 na alíquota de bens de capital, o corte total nas tarifas desses produtos chegou a 20%.

Em fevereiro, o governo ainda reduziu em até 25% as alíquotas do Imposto Sobre Produtos Industrializados para a maioria dos produtos e, no fim de abril, ampliou o corte para 35%.

Entretanto, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal Federal (STF), suspendeu na semana passada a redução do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) para produtos de todo o país que também são produzidos pela Zona Franca de Manaus.

Em outubro do ano passado, os governos do Brasil e da Argentina entraram em acordo para reduzir em 10% a Tarifa Externa Comum (TEC) do Mercosul – bloco econômico que também inclui os vizinhos Paraguai e Uruguai. A redução atingiria 87% dos produtos tarifados.

*g1

Postado em 23 de maio de 2022 - 19:32h

0 comentário

Denúncia: governo Bolsonaro compra caminhões de lixo a preços absurdos, veja vídeo

O esquema de superfaturamento com caminhões de lixo também beneficia diretamente a empresa de uma amiga do ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira

Desde 2019, o governo já destinou R$ 381 milhões para essa finalidade. A publicação identificou pagamentos inflados de R$ 109 milhões. A diferença dos preços de compra de modelos idênticos, em alguns casos, chegou a 30%.

De acordo com a publicação, entre 2019 e 2021, o orçamento para a compra de caminhões passou de R$ 24 milhões para atuais R$ 200,2 milhões. O número de veículos comprados também saltou de 85 para 510, em 2020, uma alta de 500%. No ano passado, mais 453 caminhões foram comprados. As aquisições dos veículos são feitas por meio da Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e principalmente pela Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf).

A reportagem revela, contudo, que do jeito que está montada pela governo Bolsonaro, a compra de caminhões não segue nenhuma política pública de saneamento básico e não garante todas as fases da coleta do lixo. O esquema apenas atende sua base no Congresso, beneficiando senadores, deputados e prefeitos em seus redutos eleitorais. Nesse caso, o presidente permite que representantes do centrão controlem as verbas e façam indicações de apadrinhados políticos que, por sua vez, fazem licitações, em muitos casos com preços inflados.

Uso eleitoreiro

Esse é caso de uma cidade do interior de Alagoas em que o governo Bolsonaro aceitou pagar R$ 114 mil a mais pelo mesmo caminhão que ele já havia comprado um mês antes. O “boom” na compra dos veículos também beneficiou empresas cujos donos verdadeiros podem estar ocultos por meio de uso de laranjas. Como a Fibra Distribuição e Logística Eireli. Segundo a publicação, trata-se de uma microempresa sediada em Goiânia e cujo dono, Jair Balduino de Souza, recebeu dinheiro do auxílio emergencial na pandemia de covid-19. Em paralelo, a entrega dos veículos é usada em eventos eleitoreiros pelas cidades. Como fez o ex-presidente, hoje senador, Fernando Collor de Mello (PTB-AL) no município de Minador do Negrão, em Alagoas, em agosto de 2021.

– Na festa de 59 anos da cidade, anunciei a pavimentação asfáltica do centro da cidade até o Povoado Jequiri, um sonho antigo que finalmente sai do papel. Entreguei também um caminhão compactador de lixo, um tratador e anunciei mais de R$ 850 mil para a Saúde – escreveu o senador em suas redes, compartilhando fotos em frente ao caminhão de lixo. Segundo a reportagem, no entanto, caminhões são destinados a pequenas cidades sem qualquer plano para construção de aterros sanitários, como determinado em lei. Em cidades, como Minador do Negrão, o caminhão é muito maior que a capacidade de produção de lixo. Com 15 metros cúbicos, o município leva dois dias para encher a caçamba do veículo, que custou R$ 361,9 mil.

Nada de políticas públicas

Especialistas em gestão de resíduos também não recomendam a utilização desses equipamentos mais potentes em municípios com menos de 17 mil habitantes. Um estudo de auditores do Tribunal de Contas do Rio de Janeiro considera o uso de caminhões compactadores em cidades com menos de 17 mil habitantes “desaconselhado sob a ótica financeira”. Mesmo assim, são várias as pequenas cidades que têm recebido o veículo desse porte.

Esse também é o caso de Barra de São Miguel, em Alagoas. A cidade, governada por Benedito de Lira (PP), pai do presidente da Câmara, Arthur Lira (também do PP), ganhou três caminhões compactadores do modelo grande que ficam, na maior parte do tempo, parados. O município tem 8.434 habitantes. Em paralelo, no Piauí, por exemplo, onde o lixo coletado é jogado em terrenos a céu aberto em 89% das cidades, a prioridade de políticos também foi a aquisição dos caminhões de lixo.

Desde 2019, o governo já destinou R$ 381 milhões para essa finalidade. A publicação identificou pagamentos inflados de R$ 109 milhões. A diferença dos preços de compra de modelos idênticos, em alguns casos, chegou a 30%.

Quem tem amigo

Reportagem desta segunda-feira indica ainda que o esquema de superfaturamento beneficia diretamente a empresa de uma amiga do ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, o presidente do Progressistas que selou a aliança entre Bolsonaro e o Centrão. O ministro teria destinado R$ 240 mil para a compra de um caminhão de lixo fornecido pelo Grupo Mônaco Diesel Caminhões, Ônibus e Tratores Ltda. A empresa pertence à empresária Carla Morgana Denardin, amiga pessoal de Nogueira.

Da liberação dos recursos até a aquisição do veículo, todas as etapas passaram pelas mãos de aliados de Nogueira. A estatal que fez o pregão é comandada por um apadrinhado dele e a prefeitura que efetuou a compra é de uma correligionária também. O esquema permitiu R$ 11,9 milhões com a empresa da amiga em contratos com o governo federal para a venda de caminhões de lixo.

Bolsolão do lixo 

Com as denúncias de superfaturamento na compra de caminhões de lixo, internautas emplacaram ao longo desse domingo a hashtag “Bolsolão do Lixo” entre os assuntos mais comentados do Twitter. Parlamentares da oposição também cobraram explicações sobre as suspeitas de irregularidades denunciadas.

O líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), anunciou que ingressará com uma representação no Tribunal de Conta da União (TCU) nesta segunda. “O Bolsolão do Lixo é o mais novo esquema de corrupção do governo Bolsonaro/Centrão. O superfaturamento passa de R$ 100 milhões. É para isso que serve o orçamento secreto, roubalheira enquanto o povo brasileiro passa fome”, escreveu em suas redes. O senador Humberto Costa (PT-PE) também destacou que “o governo Bolsonaro deve explicações” e apontou o caso como uma “vergonha”.

Desvio para tratores

Parlamentares também estão repercutindo nesta segunda outra denúncia de irregularidade sobre o governo Bolsonaro. De acordo com reportagem da Folha de S. Paulo, também foram desviados R$ 89,8 milhões que deveriam ser direcionados para mitigar o impacto da pandemia de covid-19 em comunidades pobres para a compra de tratores. Os equipamentos foram adquiridos pelo Ministério da Cidadania. A operação envolveu um drible a uma determinação do TCU que cobrava a mecanização do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional.

Ao invés do fomento, a pasta adquiriu 247 tratores no apagar das luzes de 2021. Sem definir a relação de municípios beneficiados, o que denota a ausência de critérios técnicos.  Os equipamentos agrícolas também viraram símbolo de clientelismo político na atual gestão.

*correiodobrasil.com.br

Postado em 23 de maio de 2022 - 18:51h

0 comentário

Lira defende acabar com ‘taxação excessiva’ de bens e serviços essenciais no País

 “Ou o Brasil acaba com a taxação excessiva de bens e serviços essenciais ou a excessiva taxação de bens e serviços acaba com o Brasil.

O Brasil precisa controlar a saúva, mais uma vez!”, escreveu Lira no Twitter.O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), disse, neste domingo, 22, que é preciso “acabar com a taxação excessiva” sobre bens e serviços essenciais que vigora no País.Como mostrou o Broadcast Político, os deputados devem votar na terça-feira, 24, o projeto de lei complementar que define energia, combustíveis, telecomunicações e transporte como bens essenciais e estabelece alíquota máxima de 17% no ICMS sobre tais itens. Economistas calculam que a medida poderia aliviar o IPCA de 2022 em até 1,2 ponto porcentual.”Ou o Brasil acaba com a taxação excessiva de bens e serviços essenciais ou a excessiva taxação de bens e serviços acaba com o Brasil.

O Brasil precisa controlar a saúva, mais uma vez!”, escreveu Lira no Twitter.Lira se reuniu na última quinta-feira, 19, com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), para discutir a proposta e cobrou a costura de uma saída conjunta entre Congresso, governo e Executivo para os aumentos na conta de luz e nos combustíveis.O projeto do ICMS, que será votado nesta semana, é de autoria do deputado Danilo Forte (União-CE) e tramitará em regime de urgência. O parlamentar chegou a classificar os reajustes nas tarifas de energia como “draconianos”.

“O essencial é definir o que é essencial. E o essencial é o Brasil e os brasileiros. O Congresso Nacional, a começar pela Câmara dos Deputados, tenho certeza, sempre ficará – como sempre ficou – a favor do que é essencial para o nosso país. E esta semana isso ficará essencialmente claro”, afirmou o presidente da Câmara.

*msn

Postado em 23 de maio de 2022 - 18:43h

0 comentário

RN sedia I Feira Nordestina da Agricultura Familiar e Economia Solidária

Será o maior evento do setor no país; Centro de Convenções de Natal vai expor produção dos nove estados

O Rio Grande do Norte sedia no período de 15 a 19 de junho próximo a I Feira Nordestina da Agricultura Familiar e Economia Solidária – Fenafes, no Centro de Convenções de Natal, na Via Costeira. O evento é iniciativa da Câmara Temática da Agricultura Familiar do Consórcio Nordeste, coordenada pela governadora Fátima Bezerra, e realizado através das secretárias de Estado do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (Sedraf), Emater-RN e Fundação José Augusto (FJA). O Governo do RN investiu R$ 640 mil em toda a promoção da I Feira Nordeste da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Fenafes). Os recursos foram garantidos pelo empréstimo junto ao Banco Mundial, por meio do Projeto Governo Cidadão, com apoio da Secretaria de Agricultura e Pesca (SAPE).

O objetivo principal é fortalecer iniciativas de integração de políticas públicas em torno do Programa de Alimentos Saudáveis do Nordeste – PAS/NE, principal bandeira dos estados que fazem o Consórcio Nordeste. Além disso, a Feira visa proporcionar o intercâmbio de políticas públicas envolvendo governos e movimentos sociais; fortalecer o cooperativismo solidário e a comercialização; e oferecer formação, com palestras, oficinas e cursos sobre acesso à terra, sistemas agroalimentares, produção de alimentos saudáveis e agroecologia.

A previsão é da participação de 150 cooperativas e associações, 500 expositores e público visitante de mais de 10 mil pessoas durante os cinco dias de evento que tem entrada gratuita.

A feira também será espaço estratégico para reafirmação da identidade cultural da região, divulgação de saberes e sabores que marcam e caracterizam o povo nordestino, e contará com a cozinha “Sabores da Terra” e Festival Gastronômico, além de programação cultural com shows de artistas de destaque regional e nacional.

“A Fenafes vai mostrar a pujança da Agricultura Familiar na região Nordeste e o apoio dos governos estaduais à economia solidária que traz dignidade e cidadania aos homens e mulheres do campo”, afirmou a governadora Fátima Bezerra na manhã desta segunda-feira, 23, na Central de Comercialização da Agricultura Familiar – Cecafes, no ato de lançamento da feira.

A Governadora acrescentou que o evento é resultado da integração de políticas públicas e de ações de vários órgãos da administração estadual. Ela lembrou que no início da atual gestão foi criada a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (Sedraf) e sancionado o projeto de lei de autoria da deputada estadual Isolda Dantas que criou o Programa de Compras Governamentais da Agricultura Familiar do RN (Pecafes), que determina a aquisição de pelo menos 30% das compras do Estado à agricultura familiar. “Desde o início nossa administração mostrou compromisso com a agricultura familiar. São as mulheres e homens do campo que alimentam a nossa população com produtos de qualidade e saudáveis”, declarou.

O titular da Sedraf, Alexandre Lima, disse que “o momento da realização da Fenafes é importante por que é no período da colheita e reúne em Natal toda a expressão que a agricultura familiar representa no Nordeste. “Está é a primeira vez que os estados do Nordeste se associam a um evento para melhor organizar o setor e promover o intercâmbio de políticas públicas para a economia solidária. Quem produz alimento de qualidade e agroecológico é a agricultura familiar e este será o maior evento do setor no Brasil”, informou.

Rosana Lima, coordenadora da Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar no RN – Fetraf/RN, considerou que “a feira é a prova de que homens e mulheres do campo resistem ao retrocesso, produzem e demonstram que a agricultura contribui para o desenvolvimento dos estados e do país. Fomos ouvidos, encaramos o desafio e junto com os governos dos estados vamos fazer este grande evento”. A presidente da Unicafes – União Nacional das Cooperativas de Agricultura Familiar e Economia Solidária, Fátima Torres, tem avaliação semelhante, e pontuou: “construímos junto com Governo do Estado esta feira que é grande oportunidade para fortalecer o setor”.

A perspectiva de ampliação da produção e dos negócios foi ressaltada pelo diretor técnico do Sebrae-RN, João Hélio. Ele disse que o evento vai viabilizar também contatos de compradores à agricultura familiar. “Estaremos presente com stand oferecendo mesas de negócios a cada Estado para viabilizar a comercialização entre o produtor e o comprador em escala”.

Integrante da coordenação nacional do MST, Érica Rodrigues, parabenizou o Governo do RN “pela grande estrutura que será disponibilizada na feira, um evento que dialogada com os movimentos de agricultores e agricultoras. Temos certeza que será sucesso”, declarou.

Representando a Assembleia Legislativa, a deputada estadual Isolda Dantas, afirmou que “a feira diz ao Nordeste e ao Brasil que a agricultura familiar produz, e produz sem veneno, alimentos de qualidade. Ela lembrou também que o Pecafes – programa de compras criado por lei de sua autoria e sancionado pelo Governo do RN – é um sucesso e se tornou modelo para o país. A deputada federal Natália Bonavides ressaltou que a Fenafes “é símbolo do compromisso dos governos do RN e dos estados do Nordeste de apoio a quem produz o alimento que a população brasileira consome.

“A realização da primeira Fenafes é uma ousadia”. A definição é de Bivar Dutra, secretário da agricultura familiar no estado da Paraíba. Ele também considerou que “a feira simboliza a capacidade de produção de alimentos pela agricultura familiar e mostra toda a sua capacidade”.

 No ato de lançamento a Governadora esteve acompanhada também dos secretários de Estado da Infraestrutura, Gustavo Coelho, Ana Maria Costa, Turismo, Comunicação, Daniel Cabral, Agricultura, Pesca e Pecuária, Guilherme Saldanha, adjunto da Sethas, Adriano Gomes, presidente da AGN, Edivane Vilar, presidente da Fundação José Augusto, Crispiniano Neto, diretor da FJA, Fábio Henrique, diretor-geral da Emater, César Oliveira, Carlos  Cerveira, Controlador Geral do Estado, coordenadora de economia solidária da Sethas, Lidiane Freire.

Ainda compareceram Fábio Mendonça, superintendente da Conab, representante do senador Jean-Paul Prates, deputados Francisco Medeiros e Souza Neto, vereadoras em Natal, Divaneide Basílio e Brisa Bracchi, vice-presidente da Ocern, Joseilson Medeiros, Francisca Eliane, da rede Xique-xique de produtores, José Rodrigues, coordenador da Asa Potiguar.

*Fotos: Elisa Elsie – Assecom/RN

Postado em 23 de maio de 2022 - 18:17h

0 comentário

Após 39 dias, Rio Grande do Norte volta a registrar mortes por Covid

Leitos para Covid — Foto: Divulgação

Leitos para Covid — Foto: Divulgação

Após 39 dias seguidos sem nenhuma morte por Covid, o Rio Grande do Norte voltou a registrar novos óbitos pela doença nesta segunda-feira (23).

De acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), duas mortes foram confirmadas nas últimas 24 horas – uma em Angicos e outra em Mossoró – fato que não ocorria desde 14 de abril.

Esse foi o maior período, desde o início da pandemia, em 2020, que o estado passou sem ter novos óbitos por Covid.

No último dia 14 de maio, o estado havia completado um mês sem mortes pela doença.

A melhora nos índices se deve, segundo à Secretaria de Saúde, à ampla adesão à campanha de vacinação contra a Covid.

Com as mortes registradas nas últimas 24 horas, o estado chegou a 8.199 potiguares que perderam a vida para a doença. A primeira morte foi registrada em março de 2020.

O boletim epidemiológico desta segunda apontou ainda que o estado teve 10 novos casos confirmados da doença, totalizando mais de 504 mil desde o início da pandemia.

Ocupação de leitos

O Rio Grande do Norte tem, nesta segunda-feira (23), 24% dos leitos públicos de UTI para Covid ocupados. A maior porcentagem está na Região Oeste, com 30%, enquanto a Região Metropolitana tem 22%.

Os dados estão no Regula RN, plataforma que monitora em tempo real as internações no estado. Não há dados sobre a região Seridó.

Vacinação

De acordo com a plataforma RN+ Vacina, o estado tem nesta segunda 93% das pessoas vacinadas com dose única ou um das doses contra a Covid e 84% das pessoas com a imunização completas, com as duas doses.

A plataforma ainda indica que 48% dos potiguares também já tomaram a dose de reforço, chamada de terceira dose.

Além disso, outros 166.105 potiguares também já receberam a quarta dose da vacina.

*G1 RN

Postado em 23 de maio de 2022 - 17:55h

0 comentário

RN investiga primeiro caso suspeito de hepatite aguda de causa desconhecida

Hepatite é uma doença que afeta o funcionamento do fígado — Foto: Divulgação

Hepatite é uma doença que afeta o funcionamento do fígado — Foto: Divulgação

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) informou nesta segunda-feira (23) que investiga um caso suspeito de hepatite grave em criança no RN, provocados por agente desconhecido. O caso foi registrado em Mossoró. O paciente tem 4 meses.

O estado de saúde do bebê não foi informado pela Sesap. A situação é acompanhada pelo Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde da secretaria.

Até este domingo (22), já eram 614 casos notificados no mundo, sendo 64 deles no Brasil. Dentre os sintomas, estão dores e problemas gastrointestinais, alterações nas substâncias hepáticas e icterícia (pele e olhos amarelados).

“É importante reforçar junto à população a importância de estar atenta aos sinais como: sintomas gastrointestinais, como dor abdominal, diarreia e vômitos, e icterícia (quando a pele e a parte branca dos olhos ficam amareladas). Quando forem identificados tais sintomas, procurar imediatamente assistência médica”, reforça a Sesap.

Hepatite aguda em crianças em diversos países gera alerta global

Hepatite aguda em crianças em diversos países gera alerta global

A Organização Mundial da Saúde diz que os primeiros casos dessa hepatite misteriosa apareceram no começo de abril na Grã-Bretanha.

Sala de situação do Ministério da Saúde

Ministério da Saúde instalou uma “Sala de Situação” para monitorar os casos de hepatite de causa desconhecida em investigação no país. Segundo o ministério, a iniciativa tem como objetivo apoiar a investigação de casos da doença notificados em todo Brasil e permitir um levantamento de evidências para identificar as possíveis causas.

“A criação dessa sala de situação é muito importante para monitoramento constante e direcionamento das decisões e ações de forma rápida, coordenada e oportuna”, informou o secretário de Vigilância em Saúde substituto do Ministério da Saúde, Gerson Pereira.

Hepatite: o que é? Veja sintomas da hepatite misteriosa — Foto: Arte/g1

Hepatite: o que é? Veja sintomas da hepatite misteriosa — Foto: Arte/g1

Postado em 23 de maio de 2022 - 17:52h

0 comentário

Saída de Doria pode levar eleição a ser resolvida já no primeiro turno, dizem analistas

O ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB) anunciou nesta segunda-feira (23/05) sua desistência da pré-candidatura à Presidência da República.Doria vinha mantendo cerca de 2% das intenções de voto nas pesquisas de opinião© Reuters Doria vinha mantendo cerca de 2% das intenções de voto nas pesquisas de opinião

A decisão vem depois de uma série de crises internas do PSDB, da dificuldade de Doria em subir nas pesquisas de intenção de voto e da articulação do nome da senadora Simone Tebet (MDB-MS) como opção da chamada “terceira via”, grupo formado por partidos de centro-direita que tenta se contrapor ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ao presidente Jair Bolsonaro (PL).

Apesar de Doria não aparecer entre os primeiros colocados nas principais pesquisas de intenção de voto, a saída do tucano aumenta as chances de que as eleições sejam resolvidas no primeiro turno, conforme os especialistas em pesquisas de opinião pública ouvidos pela BBC News Brasil.

Para eles, pré-candidatos como Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet também podem se beneficiar, ainda que em menor grau, da retirada do ex-governador de São Paulo da disputa.

De acordo com as principais pesquisas de intenção de voto mais recentes, Doria tinha entre 2% e 5% da preferência dos entrevistados.

Em março, segundo o Datafolha, ele aparecia com 2% das intenções de voto, considerando uma margem de erro de dois pontos percentuais. Pesquisa da Quaest divulgada na primeira quinzena de maio, por sua vez, dava-lhe entre 3% e 5%, considerando uma margem de erro também de dois pontos percentuais.

De acordo com o diretor da Quaest, Felipe Nunes, dados coletados em março projetavam que uma saída de Doria do páreo beneficiaria de forma mais ou menos igual os dois líderes das pesquisas: Lula e Bolsonaro.

Dos entrevistados que afirmaram que votariam em Doria, 25% deles disseram que sua segunda opção de voto era Lula. Bolsonaro herdaria 7%, Ciro Gomes ficaria com 14% e Sergio Moro, que ainda figurava como pré-candidato, obteria 19%.Especialista avalia que eleitores de Dória que tinham Moro como segunda opção migrariam naturalmente para Bolsonaro© Reuters Especialista avalia que eleitores de Dória que tinham Moro como segunda opção migrariam naturalmente para Bolsonaro

Nunes afirma que, considerando a semelhança do eleitorado de Moro com Bolsonaro, ele estima que os eleitores de Doria que tinham Moro como segunda opção migrariam naturalmente para Bolsonaro.

“A gente percebe que a distribuição das intenções de voto de Doria fica razoavelmente dividida entre Lula e Bolsonaro. Na prática, isso favorece mais o Lula, uma vez que não há uma migração significativa de votos para o seu principal adversário. Quem está na frente, continua na frente”, explica Nunes.

O pesquisador afirma que, do ponto de vista numérico, a desistência de Doria pode favorecer a resolução das eleições presidenciais ainda no primeiro turno.

“Quando você diminui as opções em uma eleição que está tão concentrada em dois nomes, aumentam as chances de você ter uma eleição em primeiro turno”, explica.

No Brasil, a eleição termina no primeiro turno se algum candidato tiver a maioria absoluta dos votos, excluindo os brancos e nulos – ou seja, mais de 50% dos votos válidos.

O cientista político e presidente do conselho científico do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), Antonio Lavareda, concorda com a avaliação de Felipe Nunes.

“É uma questão aritmética. Com menos candidatos, há mais chances de a eleição ser resolvida ainda no primeiro turno. A saída de Doria consolida essa tendência de redução no número de pré-candidatos. O eleitorado terá menos opções e isso favorece quem está liderando as pesquisas”, explicou Lavareda.

De acordo com as pesquisas de intenção de voto mais recentes, Lula lidera a corrida eleitoral. Segundo pesquisa do Datafolha em março, ele tem 42% e 43% das intenções de voto, contra 26% de Bolsonaro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.De acordo com as pesquisas de intenção de voto mais recentes, Lula lidera a corrida eleitoral© Reuters De acordo com as pesquisas de intenção de voto mais recentes, Lula lidera a corrida eleitoral

Segundo pesquisa de maio da Quaest, Lula aparece com 45% das intenções de voto e Bolsonaro, com 28%.

Lavareda e Nunes pontuam que Ciro Gomes e Simone Tebet também podem se beneficiar com a desistência de Doria.

“Não estamos falando de um número grande de votos, mas é possível que Simone e Ciro possam subir nas pesquisas. Não será uma subida significativa, mas eles podem, sim, herdar parte desse eleitorado”, destacou Lavareda.

“Simone e Ciro aparecem, agora, como os principais nomes da disputa tirando Lula e Bolsonaro. Ainda temos o André Janones (Avante), mas a tendência é que haja uma migração, ainda que pequena, para esses dois candidatos. Mesmo assim, estamos falando de um número pequeno de votos”, explicou Felipe Nunes.

*msn.com

Postado em 23 de maio de 2022 - 17:49h

0 comentário

65ª Festa do Agricultor em Lagoa Nova é avaliada como a maior de todos os tempos

O prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos, avaliou como “a maior festa do agricultor de todos os tempos”. A declaração foi dada durante entrevista, que aconteceu no encerramento da 65ª Festa do Agricultor. O evento movimentou a Serra de Sant’Ana em quatro dias de uma vasta programação que contou com Torneio Leiteiro, Exposições Agropecuárias, palestras, feirinha de artesanato e shows culturais.

Neste domingo (22), no final da tarde, aconteceu o tradicional desfile do agricultor. O movimento, que reuniu representações das associações rurais, camponesas, vaqueiros e amazonas, iniciou com o presente de uma forte chuva. Depois o cortejo seguiu pelas ruas principais da cidade e foi encerrado com a celebração da Santa Missa na Praça de Eventos Geraldo Dantas. A noite, o poeta e cantor Amazan, o sanfoneiro Robson Carneiro e cantor Johnny Cortez, fecharam com chave de ouro a 65ª Festa do Agricultor.

Luciano Santos agradeceu a presença de toda comunidade da cidade e zona rural, além dos visitantes, que movimentaram o município nos últimos dias. “A Festa do Agricultor, indiscutivelmente foi grandiosa. Todos dizem: foi a maior de todos os tempos. Estávamos sem realizar o evento devido à pandemia, mas este 2022 ficará para a história, pois o objetivo do evento é agradecer as chuvas e a colheita. E em todos esses dias, tivemos bons registros de chuvas. Gratidão a toda nossa equipe que preparou a festa, aos parceiros e a todos que participaram. Isso fortalece o homem do campo e suas conquistas”, contou.

O evento foi realizado pela Prefeitura Municipal e fez parte do Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias, promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape/RN).

Postado em 23 de maio de 2022 - 12:18h

0 comentário

Covid-19: chega ao fim estado de emergência em saúde pública no Brasil

Foto: Agência Brasil© Fornecido por RedeTV! Foto: Agência Brasil

Chegou ao fim, neste domingo (22), o estado de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin), decretado em função da pandemia de covid-19 no Brasil.

A portaria com a decisão foi assinada pelo ministro da SaúdeMarcelo Queiroga, em 22 de abril, e previa prazo de 30 dias para que estados e municípios se adequassem à nova realidade.

A decisão do governo brasileiro foi tomada com base do cenário epidemiológico mais arrefecido e o avanço da Campanha de Vacinação no país. Segundo o Ministério da Saúde, apesar da medida, nenhuma política pública de saúde será interrompida.

“A pasta dará apoio a estados e municípios em relação à continuidade das ações que compõem o Plano de Contingência Nacional”, garantiu o governo.

Histórico

No último dia 12 de maio, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) prorrogou, a pedido do Ministério da Saúde, o prazo de validade das autorizações para uso emergencial de vacinas contra covid-19, que deixariam de ser usadas na campanha de vacinação contra a doença com o fim do Epin. A medida vale também para medicamentos que só deveriam ser usados durante a crise sanitária. Segundo a decisão da Diretoria Colegiada da Anvisa, as autorizações permanecerão válidas por mais um ano.

No mesmo dia, a Anvisa alterou a resolução que permite a flexibilização das medidas sanitárias adotadas em aeroportos e aeronaves, em virtude do encerramento do estado de emergência. Entre as mudanças, estão a retomada do serviço de alimentação a bordo e permissão para retirada de máscaras para se alimentar, durante o voo.

Segundo o Ministério da Saúde, o governo federal empenhou quase R$ 34,3 bilhões para a compra de cerca de 650 milhões de imunizantes contra a covid-19.

“Por conta da vacinação, o Brasil registra queda de mais de 80% na média móvel de casos e óbitos pela covid-19, em comparação com o pico de casos originados pela variante Ômicron, no começo deste ano. Os critérios epidemiológicos, com parecer das áreas técnicas da pasta, indicam que o país não está mais em situação de emergência de saúde pública nacional”, ressaltou o Ministério em nota.

*msn.com

Postado em 22 de maio de 2022 - 13:15h

0 comentário

Em Lagoa Nova, Festa do Agricultor atrai milhares de pessoas em show com o cantor Edyr Vaqueiro

A Serra de Sant’Ana ficou pequena para o grande público que foi prestigiar a 65ª Festa do Agricultor, que está acontecendo na cidade de Lagoa Nova. Dentro da programação do sábado (21), aconteceram Shows com os cantores Edyr Vaqueiro e Litto Lins e a Banda Tomara que dê Certo. Milhares de pessoas lotaram a Praça Geraldo Dantas para ver as atrações. O evento é realizado pela Prefeitura Municipal e faz parte do Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias, promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape/RN).

O prefeito Luciano Santos, o vice Iranildo Aciele, ao lado do presidente da Câmara Municipal Lourival Adão, junto com o Gestor do projeto leite e Genética do Sebrae, Acácio Brito; o diretor Adminsitrativo do Idema, Marcílio Lucena; o Presidente da Associação Norteriograndense de Criadores, Marcelo Passos; João Hélio que é o diretor técnico do Sebrae; além do técnico Élton que representou o Senar, realizaram a entrega das premiações do 8ª Torneio Leiteiro. Antes aconteceu também a entrega de certificados dos cursos aplicados durante o evento.

O ganhador do torneio na categoria vaca jovem foi o agropecuarista José Claúdio Alves de Souza, com a vaca Vitória que ordenhou 67 litros de leite. Na categoria Vaca Adulta o primeiro lugar ficou para Daliane Rocha Firmino, com a vaca Mossoró, que ordenhou 70,6 litros de leite.

A programação segue neste domingo (22) com o tão esperado Desfile do Agricultor, que reunirá associações e entidades das mais diferentes comunidades rurais, a partir das 16 horas. Após a missa de encerramento tem shows com o poeta Amazan, e os cantores Robson Carneiro e Johnny Cortez.

Postado em 22 de maio de 2022 - 13:04h

0 comentário

Quatro pessoas são baleadas durante oração ao ar livre no interior no RN

Giroflex — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Giroflex — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Quatro evangélicos que participavam de um momento de oração em uma área de matagal foram baleados na madrugada deste sábado (21) em Porto do Mangue, no litoral da Costa Branca do Rio Grande do Norte.

Segundo a Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 1h30. O grupo era formado por cinco pessoas e quatro delas foram baleadas.

As vítimas contaram à polícia que estavam em uma vigília fazendo orações quando homens armados apareceram perguntando por outras pessoas. Em seguida, começaram a atirar.

Os atiradores fugiram após os disparos. As vítimas não souberam informar mais características dos criminosos aos policiais.

De acordo com a PM, as vítimas estavam próximas a um matagal em uma localidade chamada de Rua da Areia, que fica por trás da quadra de esportes do município. A PM disse que o local é bastante perigoso e vários homicídios já foram registrados nessa área.

Entre os feridos, estão três homens, de 47, 36 e 25 anos, e uma adolescente de 17 anos. Eles foram socorridos em uma ambulância para o Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró.

O hospital informou que a adolescente recebeu alta, um dos homens está na ala de repouso em observação e outros dois tiveram que passar por cirurgia.

A PM realizou buscar na região, mas nenhum dos suspeitos foi localizado. O caso será investigado pela Polícia Civil.

*G1 RN

Postado em 21 de maio de 2022 - 20:00h

0 comentário

Forte chuva faz Zé Lezin interromper show em Lagoa Nova e humorista retornará a cidade para nova apresentação

Após o show da jovem lagoanovense, Janielly Souza, a Menina do Cuscuz, dentro da programação da sexta-feira (20) na 65ª Festa do Agricultor, um dos momentos mais esperados foi o show do humorista Zé Lezin. Após a fala das autoridades, teve início na Praça Geraldo Dantas a apresentação e logo começou cair uma forte chuva. O humorista até tentou seguir com suas piadas, agradando o público, mas a chuva aumentou fortemente e o show precisou ser interrompido.

O humorista paraibano agradeceu aos presentes e disse que estava à disposição para ou retomar a apresentação ou marcar uma nova data para voltar à cidade. A atitude de Zé Lezin agradou o público que aplaudiu a decisão do artista.

Zé Lezin seguiu no palco por mais de uma hora e meia esperando a chuva passar e conversando com os fãs.

A chuva superior a 120 milímetros seguiu por toda noite e madrugada na Serra de Sant’Ana. A Festa do Agricultor é um encontro tradicional da comunidade em gratidão ao inverno e à colheita. A Prefeitura Municipal confirmou que anunciará uma nova data para a realização do show de humor. Neste sábado a programação segue normalmente.

Postado em 21 de maio de 2022 - 17:09h

0 comentário

Bolsonaro escala novo confronto com a democracia do Brasil

Jair Bolsonaro, o verdugo do Planalto, mal acabara de vencer as eleições e já investia, trepado como um orangotango faminto em cima de um caminhão de som à frente de um quartel em Brasília, contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal.

Não era nem o meio do ano de 2019 e lá estava o presidente da República, recém-eleito, a comandar uma tropa de aloprados golpistas na Praça dos Três Poderes, que pedia, nada mais, nada menos, do que a volta do AI-5 – o mais duro ato institucional da ditadura.

A seguir, o resto é a história que todos conhecemos: dia após dia, o amigão do Queiroz investiu contra o STF, o TSE, o sistema eleitoral, as urnas eletrônicas, os presidentes da Câmara e do Congresso, enfim, contra a própria democracia brasileira.

VAI E VEM GOLPISTA

Não foi uma nem foram duas, mas dezenas as vezes em que o patriarca do clã das rachadinhas incentivou a desobediência civil durante a pandemia do novo coronavírus, inclusive, espantosamente, pregando luta armada contra prefeitos e governadores.

O devoto da cloroquina tentou, de forma ainda mais clara e rasgada, um golpe de Estado em 7 de setembro de 2021, quando, frustrado, deprimido e temeroso, regrediu e se desculpou, por carta, notadamente com o ministro do Supremo, Alexandre de Moraes.

Novamente, desde algumas semanas, contudo, o ‘mito’ voltou à carga com os discursos golpistas, dando a entender que não aceitará a derrota nas eleições, muito menos as consequências criminais de seus atos, caso venha a ser julgado e condenado pela Justiça.

VAI TER GOLPE?

A pergunta que fica é: como? Quando? Por quê? Com quem? Sim, de que forma Jair Bolsonaro, o sócio do corona e amante do torturador Ustra, irá impedir a continuidade do Estado Democrático de Direito do Brasil. Como irá fazê-lo e com quem?

Pergunto a mim mesmo: quem irá auxiliar a aventura do ex-capitão desonrado? Os idosos brancos e ricos das passeatas golpistas, que se imaginam o ‘povo brasileiro’? Os tios e tias do Facebook e WhatsApp? Os militares de pijama em seus blindados fumacês?

Ou seriam os 27 governadores, os 6 mil prefeitos, as dezenas de milhares de vereadores, deputados estaduais, deputados federais e senadores? Quem sabe os juízes, os desembargadores e até mesmo os ministros dos tribunais superiores?

NÃO, NÃO VAI TER GOLPE

Será que estes lunáticos golpistas têm assistido à reação da comunidade internacional contra a Rússia, por causa da invasão à Ucrânia? Essas bestas ao quadrado imaginam a retaliação da ONU, UE, OCDE, NAFTA, G7, G20 e sei lá quais outras entidades?

O maridão da ‘Micheque’ não é capaz de organizar um golpe nem no condomínio onde morava. Até porque, como visto e sabido, é incapaz de administrar uma barraquinha de cachorro-quente. Quem é este sujeito para representar de fato uma ameaça?

Eu adoraria vê-lo tentar de verdade, e sei que não verei, mas seria divertido assistir a um confronto entre a terceira idade bolsonarista e o ‘exército do Stédile’. Nessa hora, inclusive, intuo que o fortão Daniel Silveira seria o segundo a sair correndo. O primeiro, claro, seria o próprio golpista de araque, Jair Bolsonaro, o arregão.

*msn.com

Postado em 21 de maio de 2022 - 15:37h

0 comentário

Festa do Agricultor 2022 foi aberta oficialmente em Lagoa Nova e programação segue até domingo (22)

A abertura oficial da 65ª Festa do Agricultor 2022 aconteceu na noite desta quinta-feira (19), na cidade de Lagoa Nova, junto com o 8º Torneio Leiteiro. O evento, que segue até o domingo dia (22), é realizado pela Prefeitura Municipal e faz parte do Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias, promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape/RN). A solenidade de abertura aconteceu no Centro de Comercialização de Animais, com a presença de autoridades, agropecuaristas e a comunidade.

O Padre José Mário, pároco de São Francisco, abençoou os animais. O Secretário Municipal de Agricultura, Genilson Pinheiro, desejou boas vindas aos presentes e contou que a retomada da Festa do Agricultor deverá movimentar toda uma cadeia no campo, com as diversas palestras, premiações e linhas de crédito, além do setor turístico que deverá estar aquecido no final de semana.

A 65ª Feira do Agricultor movimenta entre os dias 20 e 22 de maio, na Praça de Eventos Geraldo Dantas, agricultores, pecuaristas, artesãos, comerciantes e populares da Serra de Santana. A festa que homenageia o homem do campo tem uma vasta programação com torneio leiteiro, cursos de formação profissional, palestras, exposição de estandes, shows culturais e o tradicional desfile pelas ruas da cidade.

Durante o evento, o Governo do Estado, por meio da Sape/RN terá um estande no qual serão apresentadas todas as potencialidades agropecuárias do estado bem como a gama de produtos e serviços que a pasta oferece aos produtores rurais.

No espaço estarão representadas as iniciativas feitas por Emparn, Idiarn, Emater, Idema e Igarn. Dentro da 65ª Feira do Agricultor, a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn) vai realizar diversas ações relacionadas à pesquisa e difusão de tecnologia.

PROGRAMAÇÃO 65ª FEIRA DO AGRICULTOR

Dia 20 – Sexta-feira
6h – 1ª ordenha dos animais participantes do Torneio Leiteiro
8h30 – Palestra: Manejo na criação de Aves
14h30 – Palestra: Cria e recria bovina, com intercâmbio do projeto do Senar
17h – 2ª ordenha dos animais participantes do Torneio Leiteiro
18h – Exposição dos estandes
20h – Abertura oficial e shows culturais

Dia 21 – Sábado
6h – 3ª ordenha dos animais participantes do Torneio Leiteiro
8h às 18h – Leilão da Urna (realização da Emparn)
9h – Exposição de estandes durante todo o dia
17h – 4ª ordenha dos animais participantes do Torneio Leiteiro
19h – Entrega dos certificados dos cursos
21h – Shows culturais

Dia 22 – Domingo
15h – Acolhida das comitivas vindas das comitivas rurais
15h30 – Organização das caravanas que irão participar do desfile
16h – Início do desfile
16h30 – Percurso do desfile pelas ruas da cidade
18h – Missa
19h – Apresentações culturais
19h30 – Entrega de premiação
20h – Shows culturais

Postado em 20 de maio de 2022 - 12:19h

0 comentário

Sebrae entrega prêmio Prefeito Empreendedor a 9 municípios do RN

19/05/2022 – POLÍTICA – PRÊMIO SEBRAE PREFEITO EMPREENDEDOR – FOTO: ALEX RÉGIS/ TRIBUNA DO NORTE

Os prefeitos do Rio Grande do Norte que executaram programas com os resultados mais expressivos para melhorar os ambientes de negócios em suas cidades receberam, em uma solenidade nesta quinta-feira (19), o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor – Governador Cortez Pereira 2022, em reconhecimento à atuação no incentivo ao desenvolvimento. Prefeitos de nove municípios conquistaram a edição estadual da premiação. Os vencedores da etapa estadual do Rio Grande do Norte concorrerão nas suas respectivas categorias, na etapa nacional do prêmio, cuja premiação está marcada para o dia 28 de junho próximo, na sede do Sebrae, em Brasília (DF). 

O presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae, Itamar Maciel, e o superintendente José Ferreira de Melo Neto, também lançaram, durante a solenidade, o Projeto Município Mais Empreendedor. Quando estiver concluído, esse projeto vai garantir a instalação de “Salas do Empreendedor” nos 167 municípios do Rio Grande do Norte. Nesses locais, haverá “atendimento facilitado, gratuito e diferenciado aos micro e pequenos empresários”.
A entrega dos troféus estava programada para o dia 9 deste mês, mas teve que ser adiada em virtude do falecimento do prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio, que inclusive foi um dos vencedores do prêmio, na categoria Marketing Territorial e Setores Econômicos com o projeto inscrito “São Gonçalo com charme”. O troféu foi recebido pelo atual prefeito Eraldo Paiva, que era o vice-prefeito do município localizado na Região Metropolitana de Natal.
O diretor superintendente do Sebrae-RN, José Ferreira de Melo Neto, apresentou o projeto Município + Empreendedor  destacando a importância da parceria com as 167 prefeituras municipais para a instalação de uma Sala do Empreendedor, que permita ações importantes em prol das micro e pequenas empresas no município. Para tanto, é fundamental a figura do Agente de Desenvolvimento designado pela prefeitura local. Durante a apresentação, Zeca Melo fez um resgate da linha do tempo dos avanços na luta para a conquista da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas.


“Nós temos aqui no Estado uma articulação entre o Sebrae e as instituições parceiras, como a Femurn (Federação dos Municípiso do RN) e Assembleia Legislativa, que é resultado do esforço conjunto de todos e que vai nos permitir a concretização desse projeto Município + Empreendedor inédito no país. Para isso, contamos com a adesão das prefeituras municipais para a instalação da Sala do Empreendedor, que terá um Agente de Desenvolvimento da prefeitura local”, diz Zeca Melo.


O presidente da Frente Parlamentar de Apoio às Micro e Pequenas Empresas na Assembleia Legislativa, deputado estadual Kleber Rodrigues (PSDB), reconheceu que os prefeitos premiados têm contribuído com um diferencial para os seus municípios em inúmeras áreas da gestão municipal. 


Kleber Rodrigues lembrou a luta travada pela aprovação da Lei Geral das MPEs com o apoio do setor produtivo e Assembleia estadual. “Estar ao lado do Sebrae, que representa tanto para o RN, é um orgulho para a Assembleia Legislativa do Estado”, elogia. O deputado destacou o importante papel das MPEs para a economia, sobretudo na geração do emprego, que no RN registraram 2.167 contratações, contra 550 vagas nas grandes empresas.
“As MPEs são as molas propulsoras para o desenvolvimento do Estado”, reitera, lembrando que agora, os  empreendedores vão poder contar com “uma fiscalização orientadora, vai ter processo de abertura das empresas  mais rápido e vamos ter novos empreendedores no Estado”, que na avaliação do parlamentar, “muitas vezes precisam apenas de um pequeno incentivo para gerar emprego e renda para o norte-rio-grandense”. 


Coube ao diretor primeiro secretário da Fiern, Heyder Dantas, representar o Sistema Indústria. “A premiação é um estímulo aos prefeitos que contribuíram com o empreendedorismo. Isso é muito relevante, porque, na medida em que atuamos nessa direção e conquistamos a aprovação da Lei Geral das MPEs no Rio Grande do Norte, o apoio nos municípios dará o impulso complementar necessário a um setor que tanto precisa da atenção do Poder Público ”, afirmou Heyder, também presidente da Comissão Temática da Micro e Pequena Empresa da Fiern (COMPEM).
O presidente da Femurn, Anteomar Pereira da Silva, disse que as parcerias com o Sebrae “têm sido fundamental para desenvolver os municípios” e importante para interioririzar as ações do empreendedorismo. “Em muitos municípios existe já uma uma tendência empreendedora, mas alguns não tem, até por por ficar distante da capital, por serem municípios menores, que não tem uma boa condição financeira”, disse.


Anteomar Pereira é prefeito de São Tomé e explica que, na maioria dos municípios, a população enxerga na prefeitura a principal fonte de emprego. “Por isso, esse projeto, que visa exatamente que as pessoas comecem a empreender e possam montar o seu próprio negócio gerando emprego, renda, divisas, onde vivem e moram, é tão importante”.
Geoparque Seridó é destaque na premiaçãoPrefeitos de nove municípios conquistaram a edição estadual do prêmio, com destaque para o prefeito de Acari, Fernando Antônio Bezerra, que ganhou em três categorias do prêmio: Cidade Empreendedora (Avança Acari), Compras Governamentais (Compre Bem Acari) e Governança Regional e Cooperação Intermunicipal (Geoparque Seridó), por fazer parte dos seis municípios do Consórcio do Geoparque, cujo projeto foi inscrito pelo prefeito de Currais Novos Odon Oliveira de Souza Júnior.


O projeto Geoparque Seridó também garantiu premiação para os prefeitos Gilson Dantas de Oliveira (Carnaúba dos Dantas), Raimundo Marcelino Borges (Cerro Corá), Luciano Silva Santos (Lagoa Nova) e Tiago de Medeiros Almeida (Parelhas). O prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos, conquistou a premiação na categoria Inovação e sustentabilidade com o projeto “Lagoa Nova e sua nova face”.


O município de Natal, que concorreu com dois projetos em categorias distintas, conquistou o prêmio na Categoria Desburocratização com o projeto “Modernização e Desburocratização”. O prefeito de Natal, Álvaro Dias, destacou a importância do prêmio como reconhecimento a todo o trabalho de desburocratização, que vem sendo realizado pela equipe de secretários com programas interligados à REDESIM e nos centros de empreendedorismo instalados no bairro comercial do Alecrim e na Zona Norte de Natal. “É um trabalho de orientação aos empreendedores para que instalem suas empresas de uma forma correta e possam caminhar firmes em direção ao futuro”, afirma.


Álvaro Dias acredita que o reconhecimento do prêmio serve de exemplo e estímulo ao esforço feito pela Prefeitura de Natal para desburocratizar vários tipos de licenciamentos como os alvarás, que antigamente eram um grande entrave e que agora podem ser tirados pela internet em menos de um minuto. “É um avanço significativo na simplificação e desburocratização dos serviços na nossa gestão à frente da prefeitura municipal”, afirma o prefeito, elogiando a iniciativa do Sebrae de reconhecer os projetos que fomentam o empreendedorismo.


O prefeito de São Paulo do Potengi, Eugênio Pacceli Souto, foi outro grande destaque da etapa estadual do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor – Governador Cortez Pereira 2022, tendo logrado êxito em duas categorias: Sala do Empreendedor, com o projeto “Projeto Crescer” e Empreendedorismo na Escola, com o projeto “Capacitando Talentos”.  

*Tribuna do Norte

Postado em 20 de maio de 2022 - 6:47h

0 comentário

William Bonner avisa a Globo que não vai cumprir contrato até o fim e deve se aposentar, diz colunista

O jornalista William Bonner pode estar com os dias contados na TV Globo. Nesta quinta-feira (19), um colunista afirmou que o comandante do “Jornal Nacional” teria avisado a emissora carioca que não vai cumprir o seu atual contrato até o fim, e pretende deixar o canal em breve.

A informação veio de Alessandro Lo Bianco, que trabalha no programa “A Casa é Sua”, da RedeTV!, ao lado da apresentadora Sonia Abrão. Segundo ele, Bonner teria avisado a direção da casa que deve sair do jornal após o primeiro semestre de 2023.

De acordo com fontes do colunista, Bonner — que assinou novo contrato com a Globo em agosto de 2021 — quer fazer a cobertura das eleições deste ano para a Presidência da República e do primeiro semestre do próximo governo. Após isso, pretende se aposentar. Até o momento, o jornalista não se pronunciou a respeito das informações de Lo Bianco.

Salário de Bonner é alto

Na renovação de contrato, Bonner pode ter feito a família Marinho, dona da Globo, abrir a carteira: Lo Bianco afirmou que os vencimentos do jornalista estão em torno de R$ 1,8 milhão por mês, fora um bônus que gira entre R$ 300 a R$ 400 mil mensais pela publicidade veiculada nos comerciais do jornal, o mais assistido do país.

Como sempre, nem Bonner e nem a Globo se manifestaram a respeito do salário ganho por ele pelo trabalho na emissora. Recentemente, ele se afastou das redes sociais para, segundo o próprio, “viver a vida real”.

*msn.com

Postado em 20 de maio de 2022 - 6:30h

0 comentário

Bolsonaro não garante reajuste de 5% a funcionários públicos

O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse nesta 5ª feira (19.mai.2022) que o reajuste salarial de 5% para os funcionários públicos ainda é incerto. “Não estou dizendo que vai acontecer”, declarou durante sua live semanal.

Em abril, o presidente se reuniu com o ministro da Economia Paulo Guedes e outros integrantes do governo para preparar reajuste para todos os funcionários públicos federais.

Segundo Bolsonaro, o governo não tem os recursos necessários para o reajuste de 5%, que deve equivaler a R$ 7 bilhões em cortes nos ministérios.

O chefe do Executivo destacou não ter como “ir além” e disse que, se tivesse de onde retirar os recursos, daria reajustes de 10%, 15% e 20%. “Estou no limite aqui”, acrescentou Bolsonaro.

Ele ainda reiterou que o orçamento é pequeno porque o país passa por um “momento difícil” devido à pandemia – que, de acordo com ele, reflete na inflação. Bolsonaro disse que vai esperar por uma próxima reunião com os presidentes dos sindicatos dos funcionários.

*Poder360

Postado em 20 de maio de 2022 - 6:25h

0 comentário

Estados estimam perda de R$ 100 bilhões com teto para ICMS

Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), disse nesta quinta-feira (19), que vai colocar em votação na próxima terça-feira (24) a lei que classifica combustíveis, energia elétrica, telecomunicações e transportes como bens e serviços essenciais, com alíquota máxima de ICMS de 17%.

O anúncio vem menos de 24 horas depois do encontro entre Lira e o ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida. O parlamentar cobrou uma ação da pasta para evitar novos reajustes na conta de luz, já aprovados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

“Vamos ver em um debate altivo a participação da Câmara, do Senado, e de outros poderes, para que a gente desonere e diminua os impostos sobre esses setores que se tornarão essenciais”, disse Lira.

Hoje, o imposto sobre energia varia em cada estado. Roraima tem a menor alíquota: 17%. A média no país é de 26%. Mas alguns estados como Minas Gerais e Rio Grande do Sul cobram 30% de ICMS. O Rio de Janeiro tem a maior alíquota: 32%.

Significa que o teto proposto deve trazer algum alívio na conta de luz. A Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee) estima uma redução de 10% para o consumidor.

A alíquota máxima de 17% do ICMS também fica abaixo da média nacional para a gasolina, que hoje é de 27% e de 18,7% no etanol. Mas acima da incidência média para o diesel, que é de 13,8%. Mesmo assim, a iniciativa é criticada pelos secretários de Fazenda estaduais, que preveem perdas bilionárias com a queda na arrecadação de energia e combustíveis.

*CNN Brasil

Postado em 20 de maio de 2022 - 6:24h

0 comentário