O Comunicador

EUA executam 1ª mulher em quase 70 anos

Imagem Ilustrativa

Uma mulher do Kansas, nos Estados Unidos, foi executada na manhã desta 4ª feira (13.jan.2021). Esta é a 1ª vez que o país executa uma mulher em quase 70 anos. O governo de Donald Trump ainda quebrou uma tradição de 130 anos no país de interromper a aplicação de penas capitais durante o período de transição presidencial. Lisa Montgomery, de 52 anos, foi acusada de matar Bobbie Jo Stinnett, de 23, em 2004. A morte foi provocada por estrangulamento. A vítima estava grávida, e Lisa teria, segundo a acusação, cortado o bebê do útero com uma faca de cozinha.

Duas apelações para suspender a execução por problemas mentais foram negadas. O advogado de Lisa, Kelley Henry, disse que ela não tinha compreensão do que estava acontecendo e que ela sofreu “tortura sexual” quando criança, incluindo estupros coletivos. Depois da execução, ele disse que “a sede de sangue que vem de uma administração fracassada estava em exibição total nesta madrugada”. “Todos que participaram da execução de Lisa Montgomery devem sentir vergonha”, afirmou.

No julgamento, os promotores acusaram Lisa de fingir doença mental. Disseram que o assassinato foi premeditado, com planejamento meticuloso, incluindo pesquisas on-line sobre como realizar uma cesariana. A defesa recusou essa ideia, e citou testes e exames cerebrais que apoiaram o diagnóstico de doença mental.

O advogado de defesa afirmou que a questão no cerne dos argumentos legais não é se ela sabia que o assassinato estava errado em 2004, mas se ela entende completamente por que seria executada agora.

Além da execução de Lisa, outras duas estavam programadas para ocorrer antes da posse de Joe Biden, em 20 de janeiro.

Na 3ª feira (12.jan.2021), um juiz federal suspendeu as execuções de Corey Johnson e Dustin Higgs, programadas para o fim desta semana. Johnson foi condenado por matar 7 pessoas com ligação ao tráfico de drogas na Virgínia e Higgs, por ordenar o assassinato de 3 mulheres em Maryland.

Execuções federais durante uma transferência de poder presidencial são raras, especialmente na transição de um defensor da pena de morte, como Trump, para um presidente eleito que se opõe à medida, caso de Biden. A última vez em que execuções ocorreram em um período entre governos foi durante o 2º mandato de Grover Cleveland, nos anos 1890.

*Poder 360

Postado em 13 de janeiro de 2021 - 8:49h

0 comentário

Cientistas temem que mutação de variante sul-africana reduza eficácia de vacinas

Cientistas identificaram uma mutação que pode diminuir a eficácia de vacinas contra a Covid-19. Chamada de E484K, ela foi encontrada em uma variante do novo coronavírus detectada pela primeira vez na África do Sul há dois meses. Essa variante, até o momento, já se espalhou para outros 12 países.

Penny Moore, professora associada do Instituto Nacional de Doenças Transmissíveis da África do Sul, chamou a mutação de “alarmante”. “Tememos que essa mutação possa ter um impacto, e o que não sabemos é a extensão do impacto”, disse ela.

A E484K FOI chamado de “mutante de escape” porque foi demonstrado que pode escapar de alguns dos anticorpos produzidos pela vacina.

Moore e outros cientistas que estão estudando a E484K ainda precisam aguardam resultados de trabalhos laboratorias para concluir se as vacinas em uso são ou não menos eficazes contra essa nova variante. Os cientistas esperam anunciar seus resultados nas próximas semanas. Com base no que viram até agora, os analistas dizem que duvidam muito que o E484K torne as vacinas contra o coronavírus inúteis.

Em vez disso, eles acham que existe uma possibilidade de a mutação – sozinha ou em combinação com outras mutações – diminua a eficácia dos imunizantes contra algumas variantes específicas.

*CNN Brasil

Postado em 13 de janeiro de 2021 - 8:46h

0 comentário

Quadra chuvosa no RN deverá ser normal, diz Emparn

Nos próximos três meses, a previsão de chuvas para o Rio Grande do Norte está dentro do que é considerado regular pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn). Na divulgação dos levantamentos iniciais sobre a previsão de precipitações, o ano de 2021 não deverá ser marcado pela estiagem severa. Entretanto, os estudos serão aprofundados para traçar um cenário mais fiel nos próximos meses.

Para 2021, segundo o chefe da unidade de Meteorologia da Emparn, Gilmar Bristot, disse há divergências entre os modelos analisados anualmente. Nesses métodos, que vão desde padrões nacionais a internacionais, alguns apontam condição de chuvas normais com poucas regiões também apontando precipitações acima do normal. “Não estamos convencidos que em 2021 será um ano de seca”, comentou durante a apresentação dos dados. Em fevereiro, será divulgada uma nova previsão na sede da Emparn.

As atuais, apontaram que entre janeiro e março deste ano, os valores mínimos esperados são de 390,7mm para a região Oeste; 307,6mm na região Central; 234,8mm para a região Agreste e 319,0mm para a região Leste. Gilmar Bristot comentou que o cenário poderá ter uma série de mudanças a depender das condições climáticas e não recomendou, aos produtores do Estado, o plantio de sementes neste momento.

Leia matéria completa na Tribuna do Norte.

Postado em 13 de janeiro de 2021 - 8:38h

0 comentário

Banco do Brasil fechará 3 agências no RN, mas empregos estão garantidos

Três agências do O Banco do Brasil (BB) serão fechadas – em Natal, Parnamirim e Mossoró – e um posto de serviço em Tangará, com a absorção dos serviços em outras agências e correspondentes bancários. O anúncio gerou preocupação à governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra.

Ao receber a visita da nova superintendente da instituição no Estado, Priscila Requejo Simões de Araújo, nesta terça-feira 12, Fátima obteve a resposta de que os servidores estaduais não serão prejudicados por que o banco investirá em correspondentes bancários, com previsão de três unidades em cada município. “Na condição de Governo, temos a obrigação de acompanhar essa situação, pois são serviços muito importantes para os servidores públicos, a população em geral e a economia do nosso estado”, afirmou a governadora.

Sobre as demissões, a nova superintendente do banco no RN explicou que apenas os servidores que aderirem ao Plano de Demissão Voluntária serão afastados, pois os que trabalham nas agências a serem fechadas serão realocados para as 15 novas carteiras que a instituição passará a operar.

Na reunião, na sede da Governadoria, Fátima Bezerra destacou a parceria do estado com o banco que opera a folha de pagamento dos servidores nos 167 municípios.

Além da folha de pessoal, a gestão estadual opera com o banco na cobrança da dívida ativa por meio de um acordo inédito para a gestão estadual. Desde 2019, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) enviou dois lotes de cobranças da dívida ativa e recuperou R$ 7,6 milhões de créditos “podres”, considerados de difícil recuperação em condições normais.

Parceria

A governadora solicitou ainda a abertura para parceria em investimentos nos setores cultural e rural. No ano passado, o BB investiu cerca de R$ 1,5 bilhão em financiamentos a pessoas física e jurídica no RN. “Considero de grande importância para o estado o fortalecimento do setor financeiro. Os bancos estatais são patrimônios do povo brasileiro. Apoiar e fomentar o emprego, a geração de renda e oportunidades de trabalho são iniciativas fundamentais para dar cidadania ao nosso povo”, finalizou Fátima Bezerra.

A superintendente Priscila Requejo se colocou à disposição para tratar de iniciativas do Governo em apoio ao desenvolvimento, as fomento às iniciativas de indivíduos e empresa e do agronegócio. “O que pudermos fazer para apoiar o desenvolvimento do estado, a governadora pode contar conosco. Vim para trabalhar intensamente”, disse ela.

Na reunião a governadora esteve acompanhada pelo vice-governador Antenor Roberto, dos secretários de Estado do Planejamento e das Finanças Aldemir Freire, da Administração Virgínia Ferreira, adjunto da Tributação Álvaro Luiz Bezerra, e o procurador-adjunto da Procuradoria Geral do Estado, Duarte Santana. Também participaram, pelo BB, o gerente geral da Agência Setor Público do RN, Fábio André Ferreira da Costa, o gerente de relacionamento da Agência Setor Público do RN, Nilton dos Santos Souza e Carlos Werner Neto, superintendente comercial do Banco do Brasil.

AgoraRN

Postado em 13 de janeiro de 2021 - 8:36h

0 comentário

Suspeito de participar do assassinato de sargento do Bope é morto em confronto com a polícia na Grande Natal

Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar RN (BOPE) — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar RN (BOPE) — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Um suspeito de participar da tentativa de assalto que terminou com a morte do sargento do Batalhão de Operações Especiais (Bope), Francisco Edmilson da Silva, foi morto em confronto com a Polícia Militar na tarde desta terça-feira (12) no município de Extremoz, na Grande Natal.

De acordo com o chefe de investigações da Delegacia de Polícia Civil de Extremoz, Alexandre Veiga, havia um mandado de prisão contra o suspeito pela participação no crime que seria cumprido nesta terça-feira. Ernane Maia Cruz Filho, de 36 anos, é suspeito de dirigir o carro durante a fuga no dia do crime.

“Ele teria dado a fuga para os autores desse crime. A participação dele era dar fuga, ser o ‘cavalo'”, explicou.

Ernane Maia da Cruz Filho tinha 36 anos de idade — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV

Ernane Maia da Cruz Filho tinha 36 anos de idade — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV

Com o mandado de prisão, os policiais se dirigiram a Extremoz, já que tinham a informação de que o suspeito estava escondido em uma casa no bairro São Miguel Arcanjo. Ao perceber a ação dos policiais do Bope, no entanto, Ernane Maia Cruz Filho atirou contra eles e acabou sendo atingido enquanto tentava fugir.

“O suspeito está envolvido na morte do sargento F. Silva e vieram fazer o cumprimento de um mandado de prisão. Mas ele iniciou fogo confrontando a policia”, explicou o chefe de investigação.

“Primeiro, chegou um carro descaracterizado. Depois, veio o carro do Bope. Ele se assustou, correu e na fuga começou a atirar contra os policiais. Saiu pulando os muros das casas na perseguição”.

Com o suspeito, foi apreendida uma pistola calibre 380, que foi usada contra os policiais . Das 14 munições do pente, apenas cinco ainda estavam nele.

Suspeito disparou várias vezes contra policiais — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Suspeito disparou várias vezes contra policiais — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

O criminoso chegou a ser socorrido para o Hospital Dr. José Pedro Bezerra, o Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos.

As investigações apontam que três criminosos participaram do assassinato do sargento Francisco Edmilson da Silva em dezembro do ano passado. Um deles, de 19 anos, já havia se apresentado à polícia, e está detido. O outro ainda segue foragido.

Além de ser suspeito neste crime, Ernane também respondia por outros crimes, como roubos e assaltos.

O crime

Policial militar do Bope é morto a tiros em tentativa de assalto na zona Norte de Natal — Foto: Reprodução

Policial militar do Bope é morto a tiros em tentativa de assalto na zona Norte de Natal — Foto: Reprodução

O sargento F. Silva, como era mais conhecido, foi assassinado durante um assalto na noite de 18 de dezembro, na Zona Norte de Natal. O crime aconteceu na Avenida Salvador, no bairro Potengi, onde o policial foi abordado por dois assaltantes enquanto manobrava o carro para estacionar, após deixar a esposa e a filha em uma casa onde funciona uma clínica de fisioterapia.

Um dos bandidos percebeu a arma na cintura da vítima e o outro realizou os disparos. F. Silva ainda foi levado por amigos ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu.

O assassinato do PM gerou comoção. Além de atuar desde 1992 na Polícia Militar e ser querido dos colegas, ele também coordenava um grupo de corrida com cerca de 200 pessoas na Zona Norte da capital. Várias homenagens foram feitas no velório do sargento.

Policial militar do Bope é morto a tiros em tentativa de assalto na zona Norte de Natal — Foto: Cedida

Policial militar do Bope é morto a tiros em tentativa de assalto na zona Norte de Natal — Foto: Cedida

*Fonte: G1 RN

Postado em 12 de janeiro de 2021 - 22:46h

0 comentário

Sistema de saúde de Roraima entra em colapso por causa do coronavírus


Em Roraima, o sistema de saúde entrou em colapso.

O único hospital do estado com UTIs para Covid está com todos os 30 leitos ocupados. O aumento do contágio afasta médicos e enfermeiros que estão na linha de frente no combate ao vírus.


O único hospital do estado com UTIs para Covid-19 está com todos os 30 leitos ocupados. Na maternidade, que recebe grávidas e recém-nascidos com o coronavírus, só resta uma UTI.
O aumento do contágio em Roraima afasta médicos e enfermeiros que estão na linha de frente no combate ao vírus. Desde o início da pandemia, mais de 2,2 mil profissionais de saúde testaram positivo para a Covid-19.
Na casa da médica Márcia Monteiro, todos da família foram contaminados pela doença. Ela e o marido foram parar na UTI. “Então, eu fui para UTI. Fiquei lá algumas horas, e os médicos acharam melhor que eu fosse entubada e recebesse a oxigenação mecânica para conseguirem tratar. Eu só acordei quando eu já estava boa”, conta.


Em Roraima, 793 pessoas já morreram por complicações do vírus. É uma média de 130 mortes para cada 100 mil habitantes, acima da média brasileira – de 96 a cada 100 mil habitantes.


O Ministério Público pediu na Justiça que o governo amplie a oferta de leitos. A gente aumentar a quantidade de leitos pode, sim, ajudar ao poder público a estabelecer políticas diversas, por exemplo o lockdown. Evidentemente que tem outras variáveis também: precisa ter testagem em massa, precisa ter tratamento profilático e precisa ter o início do tratamento precoce”, diz o promotor de Justiça Madson Carvalho.

*Por Jornal Nacional

Postado em 12 de janeiro de 2021 - 8:20h

0 comentário

Entrevista adiada

Informamos que a entrevista com o secretário de agricultura que seria hoje, por motivo de agenda do mesmo, fica pra outra data. O comunicador Live será apresentado nessa sexta feira dia 15, Também informamos que O comunicador Live passará a ser apresentado oficialmente as sextas, não mais as terças.

Postado em 12 de janeiro de 2021 - 8:17h

0 comentário

‘Mini tornado’ em município do interior do RN

Mini tornado foi registrado no interior do RN — Foto: Reprodução

Mini tornado foi registrado no interior do RN — Foto: Reprodução

Um mini tornado chamou a atenção na tarde desta segunda-feira (11) no município de Santana do Seridó, no interior do Rio Grande do Norte.

O fenômeno foi registrado em vídeo por moradores e precedeu uma chuva forte que durou cerca de 20 minutos, por volta das 15h30, e causou estragos, inclusive arrancando o telhado de casas e da escola estadual João Vila da Cunha.

Segundo o meteorologista da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn), Gilmar Bistrot, esse fenômeno pode ser chamado de “pé de vento” ou “mini tornado”.

Vídeo mostra 'mini tornado' em município do interior do RN

De acordo com ele, esses mini tornados são comuns nessa época do ano, que representam os meses mais quentes.

“Essas chuvas que aconteceram no interior do estado, principalmente no Seridó, foram ocasionadas devido a presença de um vórtice ciclônico, que se formou ontem (domingo) a tarde e deverá atuar pelo menos até meados de quarta e quinta-feira dessa semana”, explicou Bistrot.

“Esses vórtices são típicos dessa época do ano. Esses meses favorecem a formação desse sistema meteorológico e traz pancadas de chuva principalmente na borda oeste desse sistema”.

Com isso, podem ocorrer, portanto, a formação desses mini tornados, explicou o meteorologista.

“Associado a esse sistema podem acontecer também esses pequenos distúrbios, como esses pés de vento, que são sistemas pequenos, tipo mini tornados, que se formam e não têm energia suficiente pra crescer, se tornar mais amplo e causar destruição”, explicou.

*G1 RN


Postado em 12 de janeiro de 2021 - 8:08h

0 comentário

Eficácia geral de CoronaVac fica abaixo de 60%, mas dentro do aceitável

Foto Reprodução

A taxa de eficácia geral da CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, ficou abaixo dos 60%, mas acima de 50% —mínimo determinado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para aprovar o imunizante —, segundo apurou o UOL. Duas pessoas que têm acesso ao estudo do Butantan afirmaram à reportagem que o índice da vacina, a ser apresentado oficialmente amanhã no instituto, mostra que o imunizante é eficaz para atingir a imunidade coletiva e está dentro dos padrões da OMS (Organização Mundial da Saúde). Segundo elas, quem tomar a vacina criará anticorpos contra o novo coronavírus e, mesmo que seja contaminado, terá apenas sintomas leves, como dor de cabeça, que poderão ser tratados com medicação leve.

Na semana passada, o governo João Doria (PSDB) havia anunciado, depois de dois adiamentos, que a taxa de eficácia clínica (capacidade de prevenção da doença em casos mais leves) é de 78%.

No caso de sintomas mais graves, a taxa de eficácia foi de 100%, ou seja, nenhum voluntário desenvolveu a forma mais grave do coronavírus, que pode levar à morte. Isso significa, segundo pesquisadores, que a vacina pode reduzir a demanda por leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Já o índice de eficácia geral também é calculado ao final da fase 3 de testes em seres humanos. Nessa etapa, parte de um grupo toma o imunizante e outra parte toma um placebo (um composto neutro). A partir daí, pesquisadores acompanham quantos participantes, ao todo, desenvolveram a doença, seja de forma leve, moderada ou grave.

A eficácia geral é calculada comparando a proporção de casos entre os vacinados e os não vacinados. Pelo critério da Anvisa, a taxa de incidência da doença no grupo vacinado tem que ser menos que a metade da taxa de incidência do grupo que recebeu o placebo. Se a taxa de incidência da doença no grupo que recebeu o imunizante for metade da taxa de incidência do grupo que recebeu o placebo, a vacina é considerada 50% eficaz.

Após a publicação deste texto, o Butantan divulgou nota em que reafirma que os novos dados sobre a CoronaVac serão apresentados hoje às 12h45, na sede do instituto. Veja a íntegra da manifestação:

“O Instituto Butantan esclarece que qualquer informações sobre a eficácia da vacina contra o coronavírus que não sejam as apresentadas pela instituição na última semana são meramente especulativas. Novos dados serão divulgados em coletiva de imprensa nesta terça-feira, às 12h45, na sede do instituto. O Butantan é a única instituição biofarmacêutica do país que promove entrevistas coletivas semanais sobre a vacina, testes clínicos, registro na Anvisa, chegada de novas doses e outras informações relevantes.”

*UOL

Postado em 12 de janeiro de 2021 - 8:03h

0 comentário

Campanha publicitária de vacinação deve custar R$ 50 milhões e durar 6 meses

Imagem Ilustrativa

O governo federal veiculará anúncios nos meios de comunicação para divulgar a campanha de vacinação contra a covid-19. O ministro Eduardo Pazuello (Saúde) tem dito que, no cenário mais otimista, a vacinação começará no Brasil em 20 de janeiro. Essa é a mesma data prevista pela pasta para o início da campanha publicitária.

O custo estimado pelo governo é de R$ 50 milhões, informou o Ministério da Saúde ao Poder360. Com esse valor, as peças deverão ser exibidas durante 6 meses nos meios de comunicação, mas essa é uma previsão inicial. A programação será ajustada conforme o cronograma de operacionalização de vacinas, estipulado pelo PNI (Plano Nacional de Imunização).

A contratação da agência é feita diretamente pela pasta e não há data-limite para a escolha. Sairá “em breve”, disse o ministério. A etapa atual é o processo de concorrência, quando as agências apresentam propostas, e o contratante, no caso, o governo, avalia a mais eficiente. Eis as empresas concorrentes: CC&P, Calia, Fields e nova/sb.

O governo também não definiu em quais plataformas serão veiculadas as propagandas, se em mídias sociais, na televisão, em banners, no rádio e/ou em sites. Essas informações, diz o ministério, serão consolidadas depois que a empresa vencedora for escolhida e posteriormente à aprovação do “plano de mídia” pela Secom (Secretaria de Comunicação) da Presidência da República.

A campanha publicitária da vacinação contra a covid-19 deverá ser uma das maiores do governo Bolsonaro, em duração e em orçamento. A divulgação do pacote anticrime, defendido pelo ex-ministro Sergio Moro, teve um custo total de R$ 10 milhões. Já a 2ª fase da campanha publicitária sobre a reforma da Previdência custou R$ 37 milhões.

À época, as peças que divulgavam a reforma foram exibidas de maio de 2019 a julho do mesmo ano, em TV, rádio, aeroportos, rodoviárias, estações de metrô, redes sociais e páginas da internet. A agência de publicidade responsável pela campanha foi a Artplan, mesma contemplada do pacote anticrime.

BOLSONARO

Ao mesmo tempo que o ministério concentra esforços para elaborar a campanha de vacinação, o presidente Jair Bolsonaro faz declarações em sentido contrário à conscientização pela vacinação. Diz que o imunizante será garantido a quem quiser, mas questiona a eficácia das vacinas e diz que nao será vacinado.

Em um dos discursos mais recentes, o presidente disse que, pelo que sabia, menos da metade da população tomaria vacina. O chefe do Executivo afirmou a apoiadores em 7 de janeiro que a informação era baseada em uma pesquisa feita por ele “na praia e em tudo quanto é lugar”.

“Vocês sabem quantos por cento da população vai tomar vacina? Pelo o que eu sei, menos da metade vai tomar”, disse o presidente. “Mas, para quem quiser, vai chegar em janeiro. Devem chegar 2 milhões de doses agora em janeiro, e o pessoal pode tomar, sem problema nenhum”, acrescentou.

Pesquisa PoderData divulgada no mesmo dia (7.jan) mostrou que 75% dos brasileiros pretendem tomar alguma vacina desenvolvida contra a covid-19. Os que rejeitam a vacinação para prevenir a contaminação pelo coronavírus somam 16%. Outros 9% não sabem ou preferiram não responder.

O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, disse na 2ª feira (11.jan) que tomará a vacina contra a covid-19 assim que for disponibilizada, sem “furar a fila”.

“A vacina é para o país como um todo. É uma questão coletiva, não é individual. O indivíduo está subordinado ao coletivo nesse caso”, disse.

*oder360

Postado em 12 de janeiro de 2021 - 7:59h

0 comentário

Governadores vão discutir vacinação com ministro

Imagem Ilustrativa

Os governadores esperam definir um cronograma de vacinação contra o coronavírus em uma reunião com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, nesta terça-feira, 12. Coordenador da articulação do Fórum Nacional dos Governadores sobre a Covid-19, Wellington Dias (PT), que é governador do Piauí, afirmou que os Estados vão pedir ao governo federal que a campanha inicie em uma mesma data nos 26 Estados e no Distrito Federal.

“Estou esperançoso que vamos sair desta agenda com uma data para iniciar a vacinação nas 27 Unidades da Federação, dependendo da liberação da Anvisa, de 22 a 27 de janeiro”, disse Dia. No fim de semana, o ministério da Saúde reafirmou que a vacinação será simultânea em todo o País.

“Confiamos que será possível marcar essa data nacional, fazendo com que todos os estados comecem no mesmo dia, para acabar com qualquer disputa sobre quem vacina primeiro. É do interesse da população brasileira que o programa seja nacional e simultâneo”, comentou. Durante a reunião com Pazuello, os governadores devem pedir para incluir equipes na rede pública e orientar a população sobre possíveis efeitos colaterais da vacina.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) avalia autorizar o uso emergencial de imunizantes, o que garante o início da campanha em grupos prioritários antes da conclusão dos estudos. A agência começou a analisar o pedido feito pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para o produto desenvolvido pela Universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca.

Por outro lado, a Anvisa informou que não recebeu todos os documentos necessários do Instituto Butantan para analisar a Coronavac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o instituto paulista. Para Wellington Dias, que também é presidente do Consórcio Nordeste, Fórum que reúne os governadores dos estados da região, foram dados “passos importantes” na última semana, mas é preciso organizar um observatório nacional para o coronavírus com mutação, em coordenação com os Estados, e ainda articular uma rede de comunicação para evitar “informações distorcidas”. O Ministério da Saúde do Japão anunciou neste domingo, 10, que uma nova variante do vírus foi detectada em quatro viajantes brasileiros, do Estado do Amazonas.

O governador do Piaui vai propor a criação de um observatório para acompanhar os casos de mutação do coronavírus no Brasil: “Já vamos ter um observatório para acompanhar as pessoas vacinadas depois da imunização, e agora estamos propondo também um o “Já vamos ter um observatório para acompanhar as pessoas vacinadas depois da imunização, e agora estamos propondo também um observatório para acompanhar a mutação do vírus. Isso é importante para termos trabalhos de prevenção”.

Educadores
A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), vai participar da reunião por videoconferência com o ministro da Saúde, na tarde de hoje. Por intermédio da assessoria de imprensa, a governadora informou que vai ratificar o pedido ao ministro Pazuello, sobre a inclusão dos professores entre os grupos prioritários de pessoa que serão vacinados inicialmente no Programa Nacional de Imunização contra a Covid-19.

Além do ministro Eduardo Pazuello e dos governadores, devem participar da reunião de hoje, por videoconferência, representantes da Anvisa, da Fiocruz, do Instituto Butantan, do Supremo Tribunal Federal (STF), da Câmara dos Deputados, do Senado da República e dos conselhos nacionais de secretários estaduais e municipais de saúde.

Após as aprovações das vacinas do Fiocruz e da Instituto Butantan, o governador Wellington Dias estima que haverá doses suficientes para cumprimento da primeira etapa do programa de imunização dos grupos de risco até abril, atendendo cerca de 42 milhões de brasileiros.

“Haverá uma primeira fase dentro da primeira etapa de vacinação, que deve ocorrer em janeiro e fevereiro, e as cerca de oito milhões de doses que já estão garantidas serão suficientes para atender esse público, que inclui, por exemplo, profissionais de saúde e idosos acima de 75 anos”, avaliou Dias.

*Tribuna do Norte

Postado em 12 de janeiro de 2021 - 7:57h

0 comentário

Vacinação contra covid no Brasil começa 3 ou 4 dias depois de aprovação para uso emergencial, diz Pazuello


Foto: DADO RUVIC/REUTERS

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou que o Brasil tem capacidade para começar a aplicar a primeira dose da vacina contra a Covid-19 três ou quatro dias depois de o imunizante receber a autorização para uso emergencial, concedida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A declaração foi dada nesta segunda-feira (11), durante evento para apresentação do Plano Estratégico de Enfrentamento da Covid-19 no Amazonas, em Manaus. A partir da autorização para uso emergencial, “a partir do 3º ou 4º dia [a vacina] já estará nos municípios”, declarou Pazuello.

“Todos os estados receberão simultaneamente as vacinas, no mesmo dia. A vacinação vai começar no dia D, na hora H, no Brasil”, disse o ministro. “A vacina é gratuita. No que depender do presidente da República e do Ministério da Saúde, não será obrigatória”, acrescentou.

No evento, Pazuello também falou sobre que considera ser chave para o enfrentamento da pandemia na capital amazonense. “Tratamento precoce. Não existe outra saída. Nós não estamos mais discutindo se esse ou aquele profissional não concorda. Os conselhos regionais e federais já se posicionaram”, afirmou.

O ministro destacou que o atendimento a pacientes com Covid-19 nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) podem prevenir o agravamento de casos e lotação de hospitais. O prefeito de Manaus, Davi Almeida, relatou que um dos problemas enfrentados pela rede de saúde municipal é que a população não está buscando atendimento durante os primeiros dias de infecção.

“As pessoas que estão no procurando já chegam no oitavo, no nono, no décimo dia [de infecção] e precisam de atendimento de média e alta complexidade”, disse Almeida. O prefeito afirmou que 22 UBS da capital estão voltadas ao atendimento contra o novo coronavírus. Para o ministro, todas as unidades têm que oferecer esse atendimento.

“É nossa responsabilidade abrir todas as UBS e o que mais for necessário”, afirmou Pazuello, acrescentando que o Ministério da Saúde trabalha no recrutamento de cerca de 500 profissionais da saúde para o Amazonas. O ministro não quis dar números sobre equipamentos ou leitos, apenas disse que “100% do que nos foi pedido ou está sendo entregue ou já foi entregue”.

“Estamos vivendo crise [no fornecimento] de oxigênio? Sim. De abertura de UTIs? Sim. De pessoal? Sim”, enumerou Pazuello. “E podemos apoiar com o que mais o estado ou município pedirem”, acrescentou.

*CNN Brasil

Postado em 11 de janeiro de 2021 - 14:52h

0 comentário

Na Indonésia, eficácia da Coronavac foi de apenas 65%

corona vac Na Indonésia, eficácia da Coronavac foi de apenas 65%

A Agência de Alimentos e Medicamentos da Indonésia anunciou, nesta segunda-feira (11), que a Coronavac, vacina contra a Covid-19 produzida pela Sinovac, apresentou 65,3% de eficácia com base em resultados preliminares de testes clínicos realizados no país em estágio avançado.

No mesmo anúncio, a agência informou que aprovou o uso emergencial do imunizante para combater o novo coronavírus no país.

“Esses resultados atendem aos requisitos da Organização Mundial da Saúde de um mínimo de eficácia de 50%”, disse Penny K. Lukito, que dirige a agência reguladora de alimentos e medicamentos do país, BPOM.

Lukito observou, ainda, os resultados de ensaios no Brasil e na Turquia.

Um ensaio baseado no Brasil mostrou na semana passada que a vacina candidata do Sinovac é 78% eficaz.

A Indonésia está lutando contra o pior surto de Covid-19 no sudeste da Ásia e as autoridades estão contando com uma vacina para ajudar a aliviar as crises econômicas e de saúde que devastam o país.

*Via Robson Pires

Postado em 11 de janeiro de 2021 - 9:40h

0 comentário

Brasil sem queda nos índices de mortes por Covid-19; Inclusive, no RN

mapa da covid Brasil sem queda nos índices de mortes por Covid-19; Inclusive, no RN

O domingo, ontem (10) terminou sem um único Estado sequer do Brasil, com queda nos índices de morte por Covid-19.

O quadro foi apresentado no Fantástico da Rede Globo de Televisão.

No mapa abaixo: ou vermelho, com alta nos números, ou amarelo, com índices estáveis. O Rio Grande do Norte aparece no mapa em alta.

Postado em 11 de janeiro de 2021 - 9:37h

0 comentário

Comerciante é morto durante assalto a caminho da Ceasa em Natal


Comerciante foi morto a tiros durante assalto na avenida Jaguarari, em Natal. — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Comerciante foi morto a tiros durante assalto na avenida Jaguarari, em Natal. — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Um comerciante de 57 anos foi morto a tiros durante um assalto que aconteceu no início da manhã desta segunda-feira (11) no bairro Lagoa Nova, na Zona Sul de Natal. A vítima teria sido baleada ao tentar reagir à abordagem dos criminosos.

O caso aconteceu por volta das 5h30 no cruzamento da rua Jaguarari com a avenida Nascimento de Castro. Ricardo Marques de Araújo, de 57 anos, era dono de um mercadinho e seguia em uma kombi, com um funcionário, para a Central de Abastecimento do Rio Grande do Norte (Ceasa), onde compraria mercadorias.

De acordo com o funcionário, que não ficou ferido, os dois seguiam no sentido Centro – Zona Sul e estavam em um semáforo, quando os criminosos pararam ao lado, em um carro modelo monza de cor escura, e anunciaram o assalto.

Ricardo teria tentado reagir acelerando o veículo, porém, os criminosos atiraram e ele parou metros à frente, ferido. Mesmo com a vítima ferida, os homens foram até o comerciante, tomaram o dinheiro que ele levava para compra dos produtos, e fugiram em seguida.

Comerciante foi morto durante assalto na Zona Sul de Natal, na manhã desta segunda-feira (11). — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Comerciante foi morto durante assalto na Zona Sul de Natal, na manhã desta segunda-feira (11). — Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi

Com a fuga dos assaltantes, o funcionário pediu ajuda a pessoas que passavam na região, mas o comerciante faleceu antes de qualquer socorro.

A Polícia Militar foi acionada e fez o isolamento do local até a chegada da Polícia Civil e do Instituto Técnico-Científico de Perícia, que deram início às investigações. A família da vítima também foi informada do crime.

Nenhum suspeito foi preso até a publicação desta matéria.

*G1 RN

Postado em 11 de janeiro de 2021 - 9:34h

0 comentário

Homem se apresenta à polícia e confessa ter atirado em operador de caixa dentro de supermercado no Oeste potiguar



Foto: reprodução

Apresentou-se neste sábado (9) à polícia um homem que confessou ter efetuado os disparos que mataram o operador de caixa Francisco Leonardo de Sousa, de 34 anos, no município de São Miguel, região Oeste do RN. Por não haver mais o flagrante e nem ainda um mandado judicial contra o indivíduo, ele não foi preso.

O crime ocorreu na quinta-feira (7) dentro do próprio supermercado. Enquanto a vítima trabalhava, foram efetuados pelo menos quatro disparos. Francisco Leonardo morreu no local.

A linha de investigação seguida pela Delegacia de Polícia de São Miguel é de que a motivação do crime teria sido passional. Segundo a polícia, a vítima estaria mantendo contato com a esposa do suspeito pelas redes sociais. Ao descobrir o caso, o homem teria adquirido a arma para matar Francisco.

VEJA MAIS: VÍDEO: Operador de caixa é assassinado a tiros dentro de supermercado no Oeste potiguar

“Ele confessou ter atirado no Francisco Leonardo e confirmou parcialmente a motivação. Ele disse que tinha ouvido falar que a vítima era uma pessoa violenta, fato que não há outros indícios nos autos, de que haveria algum histórico de violência. Mas foi a alegação do suspeito. Por isso, ele já foi armado, supostamente para conversar com a vítima. E na hora resolveu atirar”, explicou o delegado Cristiano Gouveia, que investiga o caso.

“Eu já entendo que há provas suficientes, nos autos, do risco que o suspeito oferece para a sociedade, até pela natureza do crime. E a Polícia Civil deve pedir a prisão dele”, afirmou o delegado.

*Com informações de G1-RN

Postado em 9 de janeiro de 2021 - 15:38h

0 comentário

CoronaVac será submetida à OMS para ser liberada para uso global


Foto: Rafael Barifouse – BBC News Brasil

Os chineses da Sinovac devem submeter o dossiê completo para a aprovação da CoronaVac, sua vacina contra a covid-19, à OMS (Organização Mundial da Saúde) na próxima semana. A iniciativa deve colocar pressão sobre a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que também já recebeu o dossiê sobre o imunizante.

Até agora, a OMS aprovou apenas o uso emergencial da vacina da Pfizer/BioNTech. Mas a expectativa é de que, ao longo dos próximos meses, um total de treze imunizantes sejam considerados aptos pela agência.

A rigor, uma chancela da agência internacional não significa qualquer tipo de obrigação legal para a Anvisa, mas negociadores consultados pelo UOL confirmaram que a submissão dos documentos à OMS criará uma pressão extra sobre as demais agências reguladoras no mundo.

Na prática, uma autorização da OMS para o uso da CoronaVac significa que alianças de vacinas como a Covax ou qualquer outro mecanismo de apoio aos países mais pobres poderiam comprar e distribuir o imunizante chinês. A chancela, portanto, é considerada como um reconhecimento internacional importante para o abastecimento mundial de vacinas.

Documentos obtidos pela reportagem revelam que a previsão inicial da OMS era de que uma chancela oficial para a vacina fosse concedida em março. A diretoria envolvida no processo acredita que, se o dossiê desembarcar com dados claros e com informações completas, o processo de aprovação pode ser acelerado.

Ainda para fevereiro, a agência espera anunciar a aprovação da vacina da AstraZeneca e da Universidade de Oxford. Em Genebra (Suíça), técnicos envolvidos no processamento dos documentos e provas científicas insistem que não há qualquer diferença de critérios para avaliação dos produtos e que todos têm sido alvo das mesmas exigências científicas.

Além de ingleses e chineses, o processo também está encaminhado para avaliação da vacina da J&J, Gamaleya (Rússia), Moderna e Serum Institute of India.

Nesta semana, o diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus, criticou as empresas pela demora em submeter suas documentações para a aprovação da agência, alertando que isso estava atrasando a possibilidade de que a vacina chegue também para os países mais pobres do mundo. Hoje, 50% dos países ricos já iniciaram campanhas de imunização. Todos os 92 países mais pobres ainda aguardam para saber quando poderiam sonhar com a possibilidade de uma vacina.

Antes do Brasil, a vacina chinesa deve começar a ser usada na Indonésia, que comprou inicialmente 3 milhões de doses. Um carregamento já desembarcou em Jacarta e foi transferido para todas as 34 províncias do maior país do Sudeste Asiático.

O plano é de que as doses comecem a ser administradas na próxima semana, com o próprio presidente Joko Widodo recebendo a primeira dose. Sendo o maior país muçulmano do mundo, a Indonésia ainda garante que a vacina não viola os princípios da religião.

*Jamil Chade – UOL

Postado em 9 de janeiro de 2021 - 11:23h

0 comentário

João Marcelo Pereira reassume coordenação municipal do Turismo


PP do vice-prefeito Emanuel Gomes (e) e João Marcelo Pereira (d) vai gerir Turismo em Cerro Corá 

O prefeito Raimundo Marcelino Borges (PSDB) cumpriu acordo político com o Partido Progressista (PP), ao qual é filiado o vice-prefeito Emanuel Gomes, e nomeou o presidente municipal da legenda, João Marcelo Pereira, para assumir a coordenação municipal de Turismo, cargo que ele também ocupou na gestão da ex-prefeita Graça Oliveira.

Inicialmente, a intenção de João M. Pereira, que foi responsável pela articulação política que retirou Emanuel Gomes de uma possível aliança com o Republicanos nas eleições municipais do ano passado, era de indicar dois nomes de sua confiança para cargos de segundo escalão na Secretaria da Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, cujo titular é o ex-vereador Valderi Borges.

Mas existe a expectativa de que o prefeito “Novinho” desmembre a coordenação do Turismo, transformando-a em uma pasta independente, conforme compromisso também assumido no acordo político costurado com o PP. 

*cerrocoranews

Postado em 8 de janeiro de 2021 - 8:07h

0 comentário

Cônjuges e companheiros têm novas regras e prazos para receber a pensão por morte; Saiba o que muda

Em vigor desde 1º de janeiro, as regras para recebimento de pensão por morte mudaram. Uma Portaria publicada no Diário Oficial da União no dia 30 de dezembro estabeleceu novos prazos de recebimento do benefício por cônjuges ou companheiros.
Para óbitos ocorridos a partir de janeiro de 2021, o tempo de recebimento será de acordo com as seguintes faixas etárias:

– Se tiver menos de 22 anos de idade, a pensão será paga por três anos;

– Se tiver entre 22 e 27 anos de idade, a pensão será paga por seis anos;

– Se tiver entre 28 e 30 anos de idade, a pensão será paga por 10 anos;

– Se tiver entre 31 e 41 anos de idade, a pensão será paga por 15 anos;

– Se tiver entre 42 e 44 anos de idade, a pensão será paga por 20 anos e,

– Se tiver 45 anos ou mais, a pensão então será vitalícia.

A pensão será concedida se o óbito ocorrer depois de 18 contribuições mensais e, pelo menos, dois anos após o início do casamento ou da união estável.

O diretor do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP), Emerson Lemes, lembra que a possibilidade de estabelecer esses critérios vem desde de 2014, quando foi publicada a Medida Provisória nº 664, que criava limites temporais para recebimento de pensão por morte por cônjuges ou companheiros, tanto do Regime Geral da Previdência Social (RGPS) quanto dos servidores públicos federais.

A MP foi convertida na Lei nº 13.135/15, que trouxe as seguintes regras: se o casamento ou união estável tiver menos de dois anos, ou a pessoa falecida tiver feito menos de 18 contribuições, a pensão será paga por quatro meses. Caso contrário, ou seja, a união com, pelo menos dois anos e pessoa falecida com pelo menos 18 contribuições, o tempo de recebimento da pensão depende da idade do dependente na data do óbito:

– Se tiver menos de 21 anos de idade, a pensão será paga por três anos;

– Se tiver entre 21 e 26 anos de idade, a pensão será paga por seis anos;

– Se tiver entre 27 e 29 anos de idade, a pensão será paga por 10 anos;

– Se tiver entre 30 e 40 anos de idade, a pensão será paga por 15 anos.

“A mesma lei previu que, após três anos de sua publicação, e desde que a expectativa de sobrevida da população brasileira ao nascer aumentasse pelo menos um ano inteiro, ato ministerial poderia alterar as idades”, explica o especialista. De acordo com Lemes, cada vez que a expectativa de vida aumentar um ano o governo pode aumentar um ano nas idades para recebimento da pensão.

O IBDP lembra que dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que no ano de 2015 a esperança de vida do brasileiro, ao nascer, era de 75,5 anos. Em 2019, esta expectativa atingiu 76,6 anos – ou seja, aumentou 1,1 ano. “Desde então já havia autorização legal para que se fizesse mudança nas faixas etárias previstas na lei”, alerta.

Lembrando que as novas regras valem apenas para óbitos ocorridos a partir de 1º de janeiro de 2021. Para óbitos ocorridos até 31 de dezembro de 2020, continuam valendo as regras anteriores. Por exemplo, se o segurado faleceu em 20 de dezembro 2020, e sua esposa contava com 44 anos de idade, o pagamento da pensão será vitalício. Se o segurado falecer em 10 de janeiro 2021, e sua esposa contar com 44 anos de idade, a pensão será paga por 20 anos.

*Com informações da Agência Brasil

Postado em 8 de janeiro de 2021 - 8:02h

0 comentário

Em São Miguel, caixa de supermercado é morto a tiros enquanto trabalhava

O crime aconteceu na manhã desta quinta-feira 07 de janeiro de 2021, na cidade de São Miguel na região do Alto Oeste Potiguar. Francisco Leonardo de Souza, de 35 anos, estava no caixa do supermercado onde trabalhava, quando foi surpreendido por um homem que chegou e ao se aproximar da vítima, sacou uma arma e efetuou vários tiros, contra a mesma que morreu no local.

Após o crime, o assassino, já identificado pela polícia, fugiu de motocicleta em sentido ignorado. A Polícia informou que o criminoso usou sua própria moto no crime, o que foi possível identificá-lo com ajuda de câmeras de monitoramento, que gravaram a placa da motocicleta. A Polícia ainda não tem informações sobre a motivação do crime, o que deverá ser possível com a conclusão das investigações.

A equipe do Instituto Técnico Científico de Perícia (ITEP) unidade de Pau dos Ferros realizou os procedimentos de perícia no local do crime e depois recolheu o corpo para ser examinado em sua base. O caso será investigado pela Polícia Civil.

*Focoelho

Postado em 8 de janeiro de 2021 - 8:01h

0 comentário

Homem esfaqueia a própria mãe e é preso no Oeste potiguar

Faca usada por homem que feriu a própria mãe em Assu, no Oeste potiguar — Foto: Focoelho/Cedida

Faca usada por homem que feriu a própria mãe em Assu, no Oeste potiguar — Foto: Focoelho/Cedida

Um homem de 35 anos foi preso após esfaquear a própria mãe na manhã desta quinta-feira (7) em Assu, na região Oeste potiguar. De acordo com a polícia, o caso aconteceu durante um surto psicótico. A mulher de 57 anos não corre risco de morte.

Segundo a polícia, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado por vizinhos para ir à casa da família, porque o filho estaria em um surto. O homem é paciente psiquiátrico.

Ainda de acordo com a polícia, o Samu solicitou apoio das forças de segurança, dentro do procedimento que normalmente é executado, porque o paciente pode estar agressivo.

Porém, antes de a polícia chegar ao local, o homem esfaqueou a própria mãe três vezes. Os golpes provocaram cortes na mão, na coxa e na altura da lombar da mulher, que foi socorrida pelo Samu à Unidade de Pronto-Atendimento da cidade. A polícia informou que ela não corre risco de morte.

Já o homem se escondeu dentro da casa, mas foi preso após a chegada do Grupo Tático Operacional da Polícia Militar. Segundo a corporação, o homem não reagiu à prisão e também foi levado à UPA para tomar medicamentos.

Após a liberação da unidade médica, o homem e a mãe serão levados à delegacia da cidade para prestarem depoimento à Polícia Civil, que deverá apurar o caso.

*G1 RN

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 16:24h

0 comentário

Botijão de gás chega a custar R$ 90 no RN após novo aumento, diz sindicato de revendedores

Gás de cozinha tem novo aumento (Arquivo) — Foto: Heloisa Guimarães/Inter TV Cabugi

Gás de cozinha tem novo aumento (Arquivo) — Foto: Heloisa Guimarães/Inter TV Cabugi

Após aumento de 6% anunciado pela Petrobras no preço do gás de cozinha, os revendedores do produto apontam que o preço médio do botijão de 13 litros vai variar entre R$ 85 e R$ 90 no Rio Grande do Norte. O aumento começa ser sentido pelo consumidor a partir desta sexta-feira (8).

De acordo com o presidente do Sindicato das Revendedoras de Gás de Cozinha do RN, Francisco Correia, este é o décimo aumento consecutivo realizado pela Petrobras desde o início de 2020. Os revendedores temem redução das vendas e consequentes demissões no setor.

Além disso, Francisco Correia afirmou que um aumento do Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final (PMPF) usado na base de cálculo para pagamento do ICMS ao estado, a partir de janeiro deste ano, também vai contribuir para aumento do preço final, que deve variar de R$ 5 a R$ 6 por botijão, a depender da cidade.

“Não houve aumento de derivados, não houve aumento dos salários dos funcionários da Petrobras, não houve aumento da margem de lucro dos revendedores, esses aumentos só estão indo para o lucro da Petrobras. Com o aumento do preço, acreditamos que haverá redução do consumo e demissão de cerca de mil pessoas no estado”, afirmou Francisco.

Ainda de acordo com ele, os preços ao consumidor final só serão aumentados com a renovação do estoque, por isso ainda é possível encontrar botijões com os preços anteriores. O revendedor aponta que 630 mil botijões são revendidos mensalmente no Rio Grande do Norte – cerca de 21 mil diariamente.

A Petrobras afirmou que os preços de GLP praticados por ela tem como referência o valor de paridade de importação, formado pelo valor do produto no mercado internacional, mais os custos que importadores teriam, como frete de navios, taxas portuárias e demais custos internos de transporte para cada ponto de fornecimento, também sendo influenciado pela taxa de câmbio.

*G1 RN

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 15:41h

0 comentário

Paciente de 91 anos com Covid-19 é estuprado dentro de hospital de campanha em Natal

Hospital de Campanha de Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Hospital de Campanha de Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Um idoso de 91 anos internado com Covid-19 foi estuprado por outro paciente dentro do Hospital Municipal de Campanha na Via Costeira, em Natal, de acordo com a Polícia Militar. O caso foi registrado na noite desta quarta-feira (6).

A PM foi acionada pela direção do hospital, pela suspeita de uma tentativa de estupro. O suspeito seria um paciente de 37 anos, que teria abusado de um idoso de 91 anos. O relatório da corporação registrou o crime por volta das 19h30.

Ainda de acordo com a PM, uma avaliação médica teria constatado que o crime foi consumado. Ainda de acordo com o relatório da corporação, o suspeito, a vítima e testemunhas foram levados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil com apoio do Serviço Móvel de Urgência (Samu).

Na manhã desta quinta-feira (7), agentes da Central de Flagrantes informaram que o suspeito recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a ala de presos do Hospital Walfredo Gurgel, na Zona Leste da cidade. Já a vítima foi levada de volta para o Hospital de Campanha.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada de Proteção ao Idoso (Depi). Uma testemunha prestou depoimento nesta quinta.

“Foi ouvida a pessoa que teria visualizado a atitude suspeita assim que ela adentrou no quarto para entregar as comidas dos pacientes internos. Ela verificou essa atitude e achou estranho. Essa copeira, de imediato, acionou a equipe médica e os profissionais de saúde que ali estavam e eles imediatamente tiraram o idoso do leito que se encontrava”, explicou a delegada Milena Casimiro.

A delegada reforçou ainda que os médicos da própria unidade constataram previamente as lesões no corpo do paciente de 91 anos e que será solicitado um exame de corpo de delito. “A partir de agora nós vamos escutar os profissionais de saúde que ali trabalham, escutar testemunhas e solicitar as perícias necessárias para elucidação completa do caso”.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde lamentou o caso e disse que tomou as providências que cabiam ao serviço de saúde.

“A Secretaria Municipal de Saúde de Natal lamenta profundamente o ocorrido, informa que tomou todas as medidas cabíveis, denunciando e colaborando com à polícia a quem cabe investigar e seguir com o processo”, diz a nota.

*G1 RN

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 15:29h

0 comentário

Novos estudos destacam resultados positivos da ivermectina no tratamento profilático e na redução da carga viral da covid

Foto: Prefeitura de Itajaí/Divulgação/Arquivo

Estudos em mais de 20 países destacam a ivermectina no tratamento profilático e na redução da carga viral da covid-19. Nos últimos meses, diversos artigos de hospitais e pesquisadores atestam: a droga antiparasitária popular, atua no SARS-CoV-2 evitando que as proteínas virais entrem no núcleo da célula.

A Sociedade Internacional de Doenças Infecciosas, em artigo em destaque AQUI, destaca que o rastreio de drogas virtual recente identificou a doxiciclina como um potencial inibidor da protease semelhante à papaína SARS-CoV-2 (Wu et al., 2020). Um estudo observacional no qual os pacientes foram tratados com uma dose única de ivermectina e várias doses de doxiciclina para o tratamento de COVID-19 produziu melhorias consideráveis ​​nos sintomas e na resposta viral (Alam et al., 2020).

“Um estudo retrospectivo recente descobriu que pacientes hospitalizados que receberam ivermectina com outros tratamentos (por exemplo, azitromicina e hidroxicloroquina) tiveram uma mortalidade mais baixa do que aqueles que não receberam ivermectina (Rajter et al., 2020). Mais estudos são necessários para verificar esses achados. Esta necessidade é ainda mais enfatizada pela observação de que o SARS-CoV-2 se multiplica rapidamente no trato respiratório e que a evidência de modelos animais mostra níveis três vezes mais altos de ivermectina no tecido pulmonar do que no plasma em 1 semana após a dosagem oral (Chiu e Lu, 1989, Lespine et al., 2005 Lespine et al., 2005). Este estudo piloto foi realizado para avaliar a rapidez da eliminação viral e a segurança de um ciclo de 5 dias de ivermectina ou uma dose única de ivermectina + um ciclo de 5 dias de doxiciclina no tratamento de COVID-19 leve em adultos”, destaca trecho de artigo.

Artigos abaixo:

https://www.ijidonline.com/article/S1201-9712(20)32506-6/fulltext
https://c19ivermectin.com/
Postado em 7 de janeiro de 2021 - 14:39h

0 comentário

Genival Lacerda morre aos 89 anos vítima da Covid-19

(Foto: Reprodução/Instagram)

O cantor Genival Lacerda, de 89 anos de idade, morreu por complicações da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus na manhã desta quinta-feira (7). Ele estava internado na UTI desde o dia 30 de novembro e, segundo recentes comunicados da assessoria de imprensa dele, seu estado era grave e ele respirava com a ajuda de aparelhos.

Com mensagem breve em seu Instagram, o filho do cantor, Genival Lacerda Filho, revelou a informação no começo da manhã desta quinta-feira (7). “Painho faleceu”, disse em seus stories.

Genival Lacerda Filho informa os seguidores sobre a morte do cantor Genival Lacerda (Foto: Reprodução / Instagram)

Procurada por Quem, a assessoria de imprensa do cantor lamentou a morte e emitiu comunicado oficial com dados de sua carreira. Confira abaixo:

“O cantor Genival Lacerda morreu nessa manhã de quinta-feira (07) vitima da COVID-19. O artista deu entrada no hospital no último dia 30 de novembro para tratamento da doença e chegou até a ter uma breve melhora no quadro clínico. Aos 89 anos de idade e 68 anos de carreira, Genival, que era paraibano e cidadão recifense, seguiu lutando até o último minuto.

O Rei da Munganga, como ficou conhecido em todo o Brasil, será eterno na memória de todos que o acompanharam durante mais de meio século; Eram crianças, adolescentes, jovens e idosos que admiravam o trabalho desse artista que elevou o nome da sua cidade natal, Campina Grande, e que representou o povo do Nordeste bravamente com a irreverência que será lembrada para sempre por todos os Brasileiros.

O Paraibano ficou conhecido pelo estilo musical e pelo espírito cômico que tinha. Também com o estilo próprio de cantar, pela alegria de ser nordestino e mostrar que música pode ter bom humor. Genival começou os trabalhos como radialista nas rádios Borborema e Caturité, o programa era líder em audiência e se chamava O Forró de Seu Vavá. A música Severina Xique Xique foi um marco na carreira para os outros sucessos como Radinho de Pilha, fenômeno, que vendeu mais de quinhentas mil cópias em todo o Brasil. Emplacando logo em seguida Mate o Véio que caiu rapidamente no gosto popular. A música Quem Dera ficou em primeiro lugar de audiência nas rádios de todo o Brasil durante muitos anos”

ÚLTIMO LAUDO

No dia 3 de janeiro, o cantor apresentou piora no quadro clínico com nova infecção no pulmão. “No dia 31 de dezembro de 2020 houve uma piora no quadro de saúde de Genival Lacerda, uma queda na pressão arterial que precisou ser controlada com medicamentos e uma nova infecção no pulmão, sendo necessário novos antibióticos para combater a infecção”, disse o filho de Genival, João Lacerda.

INTERNAÇÃO

No último 30 de novembro, Genival Lacerda foi internado na UTI após testar positivo para a Covid-19. Em meados de maio, o cantor já tinha passado pelo hospital e sido internado após sofrer um AVC. Segundo o Jornal do Comércio, o cantor paraibano estava em casa quando passou mal.

CARREIRA

Nascido em Campina Grande, na Paraíba, no dia 5 de abril de 1931, Genival se mudou, ainda nos anos 1950, para Pernambuco, onde mora até hoje. Em 1956 lança seu primeiro disco e estourou também no Rio de Janeiro, onde também morou e trabalhou em casas de forró.

Em 1975, veio seu maior sucesso até hoje, Severina Xique-Xique e se consolidou como um dos maiores sanfoneiros e cantores da música nacional, com mais de 50 discos lançados em 64 anos de carreira.

No cinema, também fez participações especiais em filmes como Vamos Cantar Disco (1979), Made in Brazil (1985), Beijo 2348/72 (1990) e O Rei da Munganga (2009).

Genival deixa dois filhos: João Lacerda e Genival Lacerda Filho.

*Globo, via Quem

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 10:09h

0 comentário

Silvio Santos dá R$ 2 milhões de presente a uma funcionária

Segundo informações divulgadas pela apresentadora Sonia Abrão, da RedeTV!, na terça-feira (5), Silvio Santos presenteou uma funcionária com dinheiro. Ele deu R$ 2 milhões à camareira Raimunda Maria.


Além da verba, o dono do SBT ofereceu o melhor plano de saúde da empresa a Raimunda. O plano é o mesmo de funcionários que ocupam cargos da presidência e dá direito até ao uso de helicóptero.


A camareira, conhecida como Dona Rai, já participou de programações da emissora de Silvio. No Teletom de 2016, ela disse que o patrão come um bife, duas torradas e 50 gramas de queijo todos os dias, no café da manhã, e que ele gosta muito de pudim de leite condensado.


Silvio Santos completou 90 anos em dezembro do ano passado. Ele segue afastado de suas atividades no SBT, em função da pandemia da Covid-19.


*Pleno News

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 8:31h

0 comentário

Homem morre ao reagir abordagem policial em Caraúbas na região Oeste Potiguar

A ocorrência foi registrada na tarde desta quarta feira 06 de janeiro de 2020 no Bairro Leandro Bezerra em Caraubas na região Oeste Potiguar.


De acordo com informações repassadas pelo delegado da cidade, DPC Verilton Carlos, Tallyson Dantas da Silva, 25 anos, já com passagens pelo sistema prisional do estado teria atirado contra a guarnição do Grupo Tático Operacional (GTO) durante uma abordagem.


Houve revide e durante o confronto, o ex-presidiário acabou sendo baleado e ainda chegou a ser socorrido pelos policiais, para o hospital da cidade, mas não resistiu.

*Fonte: Fim da Linha

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 8:25h

0 comentário

Prefeito nomeia três filhos como secretários no interior do RN

Dr. Airton (PDT) nomeou três filhos em Tangará — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Dr. Airton (PDT) nomeou três filhos em Tangará — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

O prefeito da cidade de Tangará, Doutor Airton (PDT), nomeou três filhos como secretários de cinco pastas para a próxima gestão do município, que fica distante cerca de 95 quilômetros de Natal. O novo prefeito tomou posse na última sexta-feira (1º).

A nomeação foi publicada na edição de terça-feira (5) do Diário Oficial dos Municípios. Duas filhas de José Airton Bezerra, o Doutor Airton, assumiram, cada uma, duas pastas. O filho dele também fará parte do governo. As nomeações foram:

  • Magdiel Arilson da Silva Bezerra como secretário de Gabinete Civil
  • Elane Varela Bezerra Domingues como secretária municipal de Administração e secretária municipal de Finanças e Tributação
  • Arilane Varela Bezerra como secretária municipal de Infraestrutura e como secretária municipal de Obras.

Em nota, a Prefeitura de Tangará disse que “não há ilegalidade nas nomeações de seus secretários, tendo em vista que os cargos são tidos de natureza política, portanto de livre nomeação, conforme ampla jurisprudência em tribunais superiores”.

Segundo a prefeitura, “vale ressaltar a elevada capacidade técnica dos citados e o seu ativo compromisso com a gestão pública municipal, desde o processo de transição”.

De acordo com a prefeitura, Arilane Bezerra é engenheira civil de formação e Elane é dentista e há 2 anos administra o posto de saúde de Nova Jerusalém no município. Magdiel Bezerra é farmacêutico.

Nomeação da filha do prefeito de Tangará — Foto: Diário Oficial dos Municípios

Nomeação da filha do prefeito de Tangará — Foto: Diário Oficial dos Municípios

Segundo a nota da prefeitura, mesmo Elane e Arilane assumindo “responsabilidade por duas pastas cada”, ela serão “remuneradas apenas uma vez, em um esforço para o enxugamento da máquina pública municipal com uma redução de custos de quase R$ 100 mil por ano”.

O Executivo Municipal afirmou que vai apresentar o projeto de lei para a fusão das pastas após o recesso parlamentar.

Esse tipo de nomeação fere alguns pontos da Constituição. “O Artigo 37 da Constituição trata da questão da impessoalidade, da questão da imoralidade e da eficiência na administração pública. Significa isso dizer que o agente público deve prezar por esses princípios”, explicou Carlos Lima, coordenador estadual do Movimento Articulado de Combate à Corrupção (Marcco/RN).

“A nomeação de parente, cônjuge, companheiro ou alguém com afinidade até terceiro grau, da autoridade nomeante, isso para qualquer cargo da administração pública, do estado, da União, dos municípios, viola a Constituição”.

Doutor Airton foi eleito prefeito de Tangará pela primeira vez nas eleições de novembro. Ele teve teve 54,72% dos votos, tendo 5.146 votos.

A estimativa de 2020 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) é de que Tangará tem uma população atualmente de 15.869.

*G1 RN

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 8:13h

0 comentário

Vencedores da Mega da Virada ainda não resgataram prêmio de R$ 325 milhões

Até as 14h30 desta quarta-feira (6), os dois ganhadores do prêmio máximo da Mega da Virada ainda não haviam comparecido para receber os R$ 162.625.108,22 a qual cada um tem direito, segunda a Caixa Econômica Federal.

O prêmio total de R$ 325 milhões é o maior colocado em sorteio até hoje pela Caixa. O montante foi dividido ente um morador de Aracaju, em Sergipe, que fez a aposta em uma das casas lotéricas, e um de São Paulo, que anotou os números sorteados pela internet.

Os vencedores têm até 90 dias para recolher o prêmio. Caso não seja reivindicado, o dinheiro vai parar no Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior, o FIES.

Outros premiados

Cinco dos seis números sorteados foram anotados por 1.384 apostas. A quina rendeu a cada um o valor de R$ 48.978,81. Acertaram a quadra 105.342 jogos, que renderam R$ 919,27 para cada vencedor.

*CNN Brasil

Postado em 7 de janeiro de 2021 - 8:09h

0 comentário