O Comunicador

Lula poderá ocupar cela coletiva em São Paulo; despacho não prevê necessariamente recolhimento em uma sala de Estado Maior

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva poderá ocupar uma cela coletiva em São Paulo. Segundo despacho da juiza Carolina Lebbos que autoriza a transferência do petista, a decisão não prevê necessariamente recolhimento em uma sala de Estado Maior.

“Verifica-se, ademais, que as disposições legais invocadas contemplam hipóteses de prisão especial – e não necessariamente de recolhimento em Sala de Estado Maior”, diz trecho da sentença, que continua:

“A cela especial poderá consistir em alojamento coletivo, atendidos os requisitos de salubridade do ambiente, pela concorrência dos fatores de aeração, insolação e condicionamento térmico adequados à existência humana”.

Não há definição sobre quando e o local para onde o ex-presidente Lula deve será levado. O despacho apenas informa que pode ser algum estabelecimento localizado no estado de São Paulo.

Na decisão, o juíza Carolina Lebbos atendeu pedido da Polícia Federal que havia alegado que a permanência de Lula da superintendência vem causando transtornos não só à instituição como a vizinhança. A defesa de Lula havia pedido que, caso fosse aprovada a transferência, que ele fosse alojada em uma Sala de Estado Maior, local para prisão de autoridades que precisam ter sua segurança assegurada.

A juíza entendeu que não era possível aplicar o direito de enviar Lula para uma Sala de Estado Maior porque não há previsão legal para isso. No entanto, ela ponderou que, por conta do cargo que o petista já ocupou, a segurança deveria ser assegurada em local próprio. A magistrada não definiu o local em São Paulo, informando que isso fugia de sua competência legal. Ela pediu que a Vara de Execuções da capital paulista verifique qual será o local mais adequado para o cumprimento da prisão do ex-presidente.

*O Globo

Postado em 7 de agosto de 2019 - 11:51h

0 comentário

Homem participava de grupos de jovens da igreja para estuprar adolescentes em Natal

O Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte deflagrou nesta quarta-feira, 7, a Operação Cálice de Fogo, com o objetivo de combater a prática de pedofilia e estupro em Natal. Foram cumpridos um mandado de busca e apreensão e outro de prisão contra um homem de 27 anos. De acordo com o MPRN, o investigado não terá a identidade divulgada para garantir o sigilo e para não atrapalhar as investigações.

Informações encaminhadas ao disque-denúncia 127 do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e à Delegacia Especial Defesa Criança e Adolescente (DCA) indicavam que um homem utilizava perfis falsos em redes sociais para atrair vítimas – sempre adolescentes – e as persuadia a enviar imagens e vídeos íntimos. De posse deste material, passava a chantageá-las, atraindo-as para encontros.

Nesses encontros, o investigado cometia o estupro e abusos, alguns deles em prédios abandonados ou terrenos baldios. Ele ainda realizava a filmagem das cenas e ameaçava as vítimas caso viessem a denunciá-lo. Um destes vídeos chegou a ser compartilhado em redes sociais e por Whatsapp, gerando um dano ainda maior à vítima e familiares.

No decorrer das investigações, o MPRN constatou, ainda, que o investigado compartilhava, através de aplicativos de mensagens da internet, vídeos contendo cenas de sexo e pornografia evolvendo crianças e adolescentes.

Em um dos perfis, o homem utilizava como sobrenome o pseudônimo de “Potter”. Acima de qualquer suspeita, “Potter” era frequentador de igrejas e tinha emprego fixo em uma grande loja de departamentos da cidade. As igrejas serão procuradas para saber se há outras vítimas, tendo em vista que ele era atuante em grupos de crianças e adolescentes. As investigações demonstraram que dentro da rotina era constante a propagação de imagens e vídeos com conteúdo sexual infantil. Foram apreendidos celulares e outros equipamentos eletrônicos.

A operação foi batizada de Cálice de Fogo como referência ao quarto filme da série do bruxo Harry Potter, pseudônimo usado pelo investigado.

A ação contou com a participação de três promotores de Justiça e de agentes do Gaeco, órgão do Ministério Público do Rio Grande do Norte, com o apoio da Polícia Militar.

O MPRN alerta aos pais que a maneira mais eficaz de proteção é a atenção, acompanhamento contínuo e orientação das crianças e adolescentes diante da diversidade de informações as quais são expostas, muitas delas difundidas sem qualquer controle, aliada à falta de supervisão da família.

Disque 127

O Disque Denúncia 127 é um canal direto do MPRN para denúncias de crimes em geral. O cidadão pode ligar gratuitamente para o número. A identidade da fonte será preservada.

Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas por Whatsapp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para disque.denuncia@mprn.mp.br. Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. No Whatsapp, são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.

*Portal no Ar

Postado em 7 de agosto de 2019 - 11:46h

0 comentário

Servidores públicos estaduais vão paralisar as atividades na próxima terça-feira

Os servidores públicos estaduais, incluindo aqueles associados ao Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do RN (SINAI-RN, vão paralisar as atividades na próxima terça-feira, 13 de agosto. Na data, acontece o Dia de Paralisação do Funcionalismo Estadual em protesto pelo não atendimento das demandas dos servidores por parte do governo do RN. Esta é a primeira paralisação dos servidores na gestão Fátima Bezerra (PT), que assumiu o governo em 2019.

O Dia Estadual de Paralisação foi definido e começou a ser construído em 02 de julho, quando representantes do Fórum dos Servidores, reunidos na sede do SINAI, discutiram o resultado da última audiência ocorrida entre o Fórum e a Governadora Fátima Bezerra, realizada em 27 de junho. Naquela data, o Executivo descartou conceder reposição salarial para o conjunto dos servidores e não se pronunciou sobre o pagamento das três folhas que ainda seguem em atraso, relativas a novembro, dezembro e 13º salário de 2018.

Além do pagamento das três folhas em atraso, os servidores cobram do governo o tratamento igualitário para todas as categorias; a reposição salarial para o conjunto do funcionalismo; a revogação do decreto nº 29007, que institui o Sistema Financeiro de Conta Única e retira a autonomia financeira das autarquias; a realização de concursos públicos; e a apresentação do calendário de pagamento referente ao ano de 2019.

Durante o Dia de Paralisação (13/08), os servidores estarão concentrados no centro administrativo, no período da manhã. Pela tarde, a programação continua, conforme programação abaixo:

08h: Concentração dos servidores no Centro Administrativo, ocasião em que será servido café da manhã.

09h: Realização de ato político de entidades e atividades culturais;

12h: Almoço; e

15h: Integração dos Servidores ao Ato Nacional contra a reforma da Previdência, com concentração no entorno do Midway Mall, na avenida Senador Salgado Filho.

Para a data, com o propósito de trazer até Natal os servidores que trabalham em municípios do interior do Estado, notadamente aqueles que estão em Mossoró, Assú, Pau dos Ferros, Caicó, Currais Novos, Nova Cruz e Macau, será organizado o transporte/deslocamento desses servidores pelas entidades participantes do Fórum, de forma conjunta.

*BG

Postado em 7 de agosto de 2019 - 11:42h

0 comentário

Família potiguar identifica corpo de adolescente de 16 anos encontrada morta na Paraíba


Karolina Oliveira Gomes tinha 16 anos — Foto: Arquivo Pessoal

Karolina Oliveira desapareceu na noite da segunda (5) ao sair de casa para ir a uma lan house, em Goianinha/RN. Nesta terça (6), corpo dela foi encontrado sem roupas em meio a um canavial no município de Capim/PB.

*Por Anderson Barbosa, G1 RN

Foi identificado na manhã desta quarta-feira (7), no Instituto de Polícia Científica da Paraíba, em João Pessoa, o corpo da estudante Karolina Oliveira Gomes, de 16 anos, encontrada morta na manhã da terça (6) em um canavial no município de Capim. A adolescente, que morava com a família na cidade de Goianinha, na Grande Natal, estava desaparecida desde a noite da segunda (5), quando saiu de casa para ir a uma lan houve. O corpo foi reconhecido pelo pai da adolescente.

Ao G1, o mestre de obras Francisco Ananias Gomes cobrou justiça. “Só vou sossegar quando o criminoso que fez isso com minha falha for preso. Ele tem que pagar pelo que fez”, disse.

O pai de Karolina contou que a filha saiu de casa para ir imprimir um trabalho de matemática numa lan house. “Ela sequer chegou lá. Ligamos para ela várias vezes, mas não conseguimos contato”, completou.

Ainda segundo Francisco, o corpo da filha foi encontrado pela manhã. Estava sem roupas, em meio a um canavial, às margens de uma rodovia estadual na zona rural de Capim, que fica no litoral Norte paraibano, distante 85 quilômetros de Goianinha.

Francisco disse que a filha cursava o segundo ano do ensino médio, e sonhava em trabalhar na área de informática.

Investigação

Segundo a assessoria de comunicação da Polícia Civil potiguar, a delegacia responsável pela investigação só será definida quando a perícia confirmar o local onde karolina foi assassinada. Caso ela tenha sido morta no Rio Grande do Norte, o caso ficará com a Delegacia de Goianinha. Porém, se ficar constatado que a adolescente foi morta no local onde o corpo foi encontrado, o caso será conduzido pela Delegacia de Capim. As duas delegacias, no entanto, devem colaborar com a investigação independente de onde o inquérito for instaurado.

Postado em 7 de agosto de 2019 - 11:29h

0 comentário

Prefeitura de Cerro Corá realiza Semana do Aleitamento Materno

Nesta semana a Prefeitura Municipal de Cerro Corá/RN, através da Secretaria de Saúde, está realizando a Semana do Aleitamento Materno.
As unidades de saúde José Albino e Sebastiana Leôncio foram as primeiras a receberem os profissionais para realização das atividades.
As equipes da ESF, NASF e Saúde Bucal apresentaram quais os cuidados que a mãe deve ter com amamentação e qual a melhor forma de se alimentar durante a fase de amamentação.

Postado em 6 de agosto de 2019 - 21:42h

0 comentário

“Estamos sem chão”, diz marido de professora morta em Pedro velho/RN, vídeo

A cidade de Pedro Velho, distante 78 quilômetros de Natal, segue em luto pela morte da professora Ana Télia Ambrósio Soares, de 47 anos. Sem se identificar, o marido dela, sobrevivente do atentado, falou pela primeira vez sobre o episódio de terror que jamais será esquecido.

“Que mal a gente fez? Aí chegam essas pessoas e fazem esse absurdo. Não tenho nem palavras”, desabafa o marido de Ana Télia.

“Gritei por uns familiares que moram aqui perto para prestar o socorro, aí veio um parente nosso e nos ajudou. Ele pegou de um lado, o filho pegou de outro e colocamos dentro do carro. Foi a maior agonia”, contou o marido sobre a tentativa de socorrer a professora Ana Télia.

O homem sobrevivente foi baleado na clavícula e socorrido para o Hospital Walfredo Gurgel. Ele recebeu alta e está se recuperando em casa.

O caso

A professora estava com o marido jantando na casa da mãe, que fica vizinho à residência dela na comunidade Reta, quando dois criminosos invadiram o local e anunciaram o assalto. De acordo com informações de testemunhas à polícia, os bandidos começaram a recolher os objetos em arrastão e um deles apontou a arma e ficou pedindo dinheiro.

Mesmo sem ter reagido, os bandidos atiraram na professora e também balearam o marido. Em seguida, os criminosos fugiram do local levando dinheiro, celulares e objetos da casa. A polícia segue investigando o caso.

Ana Télia era muito conhecida na região pelo trabalho que desenvolvia em Pedro Velho e no município vizinho de Canguaretama.

Ela começou a trabalhar na Secretaria de Educação da cidade ainda adolescente, mas entrou como professora no serviço público em 1999. Centenas de pessoas prestaram as últimas homenagens à educadora.

*OP9/RN

Postado em 6 de agosto de 2019 - 20:23h

0 comentário

MP Eleitoral pede cassação de 19 deputados do RN

O Ministério Público Eleitoral ingressou com recursos especiais, junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nas representações contra 19 deputados e ex-deputados estaduais do Rio Grande do Norte por prática de conduta vedada. Eles são acusados de fazer uso eleitoral, indevidamente, da doação de 50 viaturas policiais compradas com dinheiro da Assembleia Legislativa, em 2018.

Os recursos especiais, de autoria do procurador Eleitoral auxiliar Fernando Rocha, reforçam que os representados devem ser condenados à cassação de seus mandatos e ao pagamento de multa pela prática prevista no artigo 73, inciso IV, da Lei 9.504/1997 (a Lei das Eleições): “fazer ou permitir uso promocional em favor de candidato, partido político ou coligação, de distribuição gratuita de bens e serviços de caráter social custeados ou subvencionados pelo Poder Público”.

A lista de representados inclui os deputados estaduais Ezequiel Ferreira de Souza (presidente da Assembleia), Albert Dickson, Cristiane Dantas, Galeno Torquato, George Soares, Getúlio Rêgo, Gustavo Carvalho, Hermano Morais, José Dias, Nelter Queiroz, Souza Neto, Tomba Farias e Vivaldo Costa, além dos agora ex-deputados Carlos Augusto, Dison Lisboa, Gustavo Fernandes, Jacó Jácome, Larissa Rosado e Márcia Maia.

As representações foram julgadas improcedentes em primeira instância com base no argumento de que a ilegalidade só se caracterizaria se os bens fossem entregues diretamente a eleitores, “pessoas determinadas”; e não de um poder, o Legislativo, a outro, o Executivo Estadual.

Nos recursos, o MP Eleitoral aponta o risco desse entendimento prosperar, o que poderia “abrir a porta” para ações semelhantes nas proximidades das eleições, “que nitidamente têm finalidade eleitoreira e que, inquestionavelmente, desequilibram o pleito em favor daqueles que estão no exercício de um mandato”.

O procurador reforça que a legislação não faz “qualquer alusão a eventuais destinatários desse uso indevido” e cita como precedente o fato de o TSE já ter enquadrado como conduta vedada – pelo mesmo artigo da Lei das Eleições – o simples ato de divulgação, por candidato, durante um comício, de obra pública de asfaltamento de vias.

“Isso porque, ao fim e ao cabo, o uso promocional de algo que deveria ser rotina (aquisição de veículos ou o que mais for) importa na desigualação entre detentores de mandatos potencial ou efetivamente candidatos”, observa Fernando Rocha.

De acordo com o MP Eleitoral, ao definir a destinação das viaturas para seus redutos (duas para cada um), os deputados – além de fazerem uso promocional da doação – impediram que as autoridades de segurança pudessem utilizá-las conforme a necessidade, levando em conta argumentos técnicos e não políticos.

“O modo como foram entregues as viaturas – com ‘reserva de cota’ para indicação por cada deputado estadual, com ampla divulgação pelos mesmos em suas redes sociais e posterior exploração do fato como se fosse um gesto altruístico de cada deputado – torna inequívoco o uso promocional/eleitoral da doação da viatura”, indica.

Outro ponto que chama a atenção é que, conforme observado até pelo juiz de primeira instância, o recurso utilizado na compra das viaturas originou-se da sobra do orçamento da Assembleia do final de 2016, mas a doação somente veio ocorrer em 2018, não por coincidência ano das eleições.

“Inevitavelmente essa entrega de viaturas, na forma como se deu, acabou por ocasionar fator de desigualdade entre os candidatos que não dispunham de tais recursos”, resume o MP, destacando que o valor dos veículos entregues representaram R$ 102 mil para cada deputado, enquanto a média de gastos totais dos candidatos à assembleia potiguar em 2018 não passou de R$ 56 mil.

*Do Agora RN

Postado em 6 de agosto de 2019 - 19:58h

0 comentário

Micro-ônibus colide com animal solto na RN 041 próximo a furna da onça

Segundo as informações que nos chega na manhã desta terça-feira, um micro-ônibus que presta serviço para prefeitura de Lagoa Nova, se chocou com um animal que no momento estava solto as margens da RN 041. O ônibus iria para Natal hoje de madrugada, e Por pouco  o acidente não foi maior. Ainda bem que ninguém ficou ferido.

*Blog Herri Silva

Postado em 6 de agosto de 2019 - 19:25h

0 comentário

Saia da mesmice faça diferente faça com a gente!

*PRECISA PRODUZIR UMA MÍDIA MARCANTE PARA VALORIZAR O SEU COMERCIAL OU AQUELE SPOT INESQUECÍVEL PARA A SUA CAMPANHA? FALE COM A GENTE (84 99802.1510). LOCUÇÕES COMERCIAIS DE ALTO PADRÃO COM VOZES EXCLUSIVAS E INTERPRETAÇÕES DE PROFISSIONAIS QUE VÃO DESDE VOZES MASCULINAS, FEMININAS, INFANTIS OU CARICATAS, (SOLICITE DEMONSTRAÇÕES).

Postado em 6 de agosto de 2019 - 17:37h

0 comentário

Traficante que tentou escapar de presídio vestido de mulher é encontrado morto em cela no Rio


Clauvino da Silva, em destaque, tentou deixar o presídio de Bangu 3 com uma máscara de silicone — Foto: Montagem sobre foto de Divulgação/Seap

O preso que tentou fugir do Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio, vestido de mulher foi encontrado morto, na manhã desta terça-feira (6), em sua cela no presídio de segurança máxima Bangu 1.

Segundo a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), Clauvino da Silva, de 42 anos, conhecido como Baixinho, teria se enforcado com um lençol.

O corpo de bombeiros foi chamado, e será realizado o registro de ocorrência. Também será instaurada uma sindicância para apurar os fatos. A Seap informou que todas as celas de Bangu 1 são individuais.

Tentativa de fuga

Na semana passada, Clauvino tentou sair pela porta da frente vestido de mulher. Segundo a Seap, o preso iria deixar a sua filha dentro da cadeia e vestiu a roupa dela para tentar a fuga.

Os inspetores penitenciários perceberam a atitude suspeita e interromperam o plano de fuga. O traficante, a sua filha e mais sete visitantes foram encaminhados à delegacia. Entre eles, estava uma grávida. Os agentes suspeitam que a máscara e os óculos entraram no presídio com ela, já que gestantes não são revistadas.

Clauvino estava condenado a 73 anos e 10 meses de prisão e tinha outra fuga em seu histórico no sistema penitenciário. Em fevereiro de 2013, Baixinho estava entre os 31 presos que fugiram do Instituto Penal Vicente Piragibe, em Gericinó. Na ocasião, ele conseguiu deixar a unidade pelo esgoto.

*G1

Postado em 6 de agosto de 2019 - 11:51h

0 comentário

Vereador Maciel de Doca participou de vaquejada e cavalgada

O vereador Maciel de Doca sempre está prestigiando os eventos do município. No último final de semana não foi diferente, ele esteve presente recepcionando os vaqueiros na vaquejada do parque Ana Cecília (sítio divisão) e também participou da cavalgada realizada dentro da programação do XVII festival de inverno.

Postado em 6 de agosto de 2019 - 11:47h

0 comentário

Atletismo: Atletas de Cerro Corá e potengi conquistam títulos

Parabéns meninos e meninas da equipe de atletismo da AESC CERRO Corá/São Tomé/São Paulo do Potengi.
Um grande campeonato estadual sub 16, com a conquista dos títulos de campeão masculino e feminino, 38 medalhas, Vitória nos 2 revezamento: masc – Bebeto, Erick, Wesley e Vitinho; fem com Brenna, Juliana, Jamiliy e Maria Rita. ouro com Brenna 75 e 250, Wrsley no pentatlo, Bebeto Salto com vara, Vitinho no altura, Vinicius Moraes no triplo, Jamily no 80 s/b, Pedrino no martelo, Rayane na marcha e no 300 anos,
Prata com Bebeto no 300 s/b, David no dardo, Erick no 75, Maria Rita 75 e 250, Hawam na marcha, Emanuel no martelo, Dedé no salto c vara, Vinicius e Vitinho no distância;
Bronze no 4×75 com David, Dedé, Carlos e Lucas Miguel, Carlos no 300 anos, Hawam no dardo, Laura no pentatlo, Claro no altura.

Postado em 5 de agosto de 2019 - 18:23h

0 comentário

RN tem maior taxa de homicídios do Brasil, aponta Atlas da Violência

O Rio Grande do Norte é o estado com maior taxa de homicídios estimada, em 2017, com 67,4 mortes por cada 100 mil habitantes. É o que indica o “Atlas da Violência – Retratos dos Municípios Brasileiros”, divulgado nesta segunda-feira (5), pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

De acordo com os dados, as cidades mais violentas do RN se concentram nas mesorregiões Leste e Oeste. Em João Dias, no Oeste Potiguar, a taxa é de 222,6. O município é seguido por Extremoz (184,5), Ceará-Mirim (173,7) e São José de Campestre (156,1). Natal aparece com taxa de 73,4.

O relatório aponta as atuações de facções criminosas como fatores determinantes para a alta taxa de mortes. “Nesse estado, há a predominância do Sindicato do Crime (SDC), grupo criado por dissidentes do PCC em 2012, devido a “discordâncias administrativas”. Esta facção criminosa, presente no estado desde 2006, apesar de ter o controle de poucos bairros da capital potiguar, detém o poder econômico e consequentemente o controle das rotas de distribuição nacional e internacional das drogas”, destacou o Atlas.

Depois do RN, os estados do Nordeste com as maiores taxas de homicídios são: Ceará (64,0), Pernambuco (62,3), Sergipe (58,9), Bahia (55,3), Alagoas (53,9), Paraíba (33,9), Maranhão (31,9) e Piauí (20,9).

No Brasil, após a região Nordeste, apontada como a mais violenta, com taxa de 49,8 mortes violentas, o Norte aparece com 47,0. Ambos estão acima da média nacional, que é de 34,9. Em seguida, vem o Sudeste (31,2), Centro Oeste (31,1) e o Sul (23,9).

A pesquisa, que contabiliza apenas municípios com ao menos 100 mil habitantes, mostra ainda que o estado de São Paulo tem 14 das 20 cidades menos violentas.

O estudo é um desdobramento do Atlas da Violência que destrincha os dados das 310 cidades médias e grandes do país. Para medir o nível de violência, o Ipea se debruçou sobre a taxa de homicídio por 100 mil habitantes nos municípios brasileiros no ano de 2017.

*Portal no Ar

Postado em 5 de agosto de 2019 - 17:44h

0 comentário

Parnamirim: Mulher pode ter sido morta por cobrar pensão alimentícia

Uma mulher pode ter sido assassinada por ter cobrado pensão alimentícia no município de Parnamirim, Grande Natal, na madrugada desta segunda-feira (5). De acordo com informações de testemunhas à polícia, a mulher conhecida como Janiele tinha ido procurar o ex-companheiro para cobrar a pensão para o filho de 4 meses de vida.

Primeiro ela foi até um bar onde o ex-companheiro estava por volta das 23h e eles teriam tido uma primeira discussão. 

Vizinhos a levaram para casa, mas ela voltou e dessa segunda vez ele estava armado. Houve um novo bate-boca por volta das 2h30. O ex-marido teria sacado a espingarda e atirado nas costas de Janiele.

A vítima foi socorrida por vizinhos para a Unidade de Pronto-Atendimento do bairro Nova Esperança, onde aconteceu o crime. Ela já deu entrada na unidade sem vida. O delegado Marcos Vinícius, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), esteve na manhã desta segunda-feira na UPA para colher informações. A polícia também foi até a casa onde teria ocorrido o crime. Não foram informados o paradeiro e o nome do suspeito.

*0P9/RN

Postado em 5 de agosto de 2019 - 13:15h

0 comentário

Cidades médias e grandes com mais homicídios estão no Norte e Nordeste

Rio de Janeiro – Campanha contra homicídios de jovens negros pinta centenas de silhuetas de corpos no chão do Largo da Carioca (Fernando Frazão/Arquivo Agência Brasil)

As regiões Norte e Nordeste do Brasil concentram 18 das 20 cidades mais violentas do país, mostra levantamento divulgado nesta segunda-feira(5) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). A pesquisa, que contabiliza apenas municípios com ao menos 100 mil habitantes, mostra ainda que o estado de São Paulo tem 14 das 20 cidades menos violentas.

O estudo é um desdobramento do Atlas da Violência que destrincha os dados das 310 cidades médias e grandes do país. Para medir o nível de violência, o Ipea se debruçou sobre a taxa de homicídio por 100 mil habitantes nos municípios brasileiros no ano de 2017.

Os números permitem identificar que as cidades mais violentas e menos violentas apresentam também grande diferença entre os índices de desenvolvimento humano. Segundo o Ipea, as cidades mais violentas, em geral, têm também números piores no acesso à educação, desenvolvimento infantil e mercado de trabalho, enquanto as menos violentas têm indicadores considerados parecidos com os de países desenvolvidos.

As cidades mais violentas têm, em média, 60% da taxa de atendimento escolar das menos violentas, e o percentual de jovens de 15 a 24 anos que não estudavam, não trabalhavam e eram vulneráveis à pobreza era quatro vezes maior.

A cidade mais violenta do Brasil em 2017 foi Maracanaú, no Ceará, com 145,7 homicídios para cada 100 mil habitantes. No ano do estudo, 308 pessoas foram assassinadas na cidade, que fica na região metropolitana de Fortaleza e tem 224 mil habitantes.

A capital cearense foi a cidade que teve o maior número absoluto de homicídios em 2017, com 2.145 casos, superando até mesmo as cidades populosas do país. O Rio de Janeiro, que tem mais que o dobro de habitantes de Fortaleza, teve 1.850 assassinatos, e São Paulo, que tem uma população quatro vezes maior, teve 1.011 – menos que a metade.

Após Maracanaú, a lista de cidades mais violentas continua com: Altamira (PA), São Gonçalo do Amarante (RN), Simões Filho (BA), Queimados (RJ), Alvorada (RS), Porto Seguro (BA), Marituba (PA), Lauro de Freitas (BA), Camaçari (BA), Caucaia (CE), Nossa Senhora do Socorro (SE), Cabo de Santo Agostinho (PE), Marabá (PA), Ananindeua (PA), Fortaleza (CE), Mossoró (RN), Vitória de Santo Antão (PE), Rio Branco (AC) e Eunápolis (BA).

A cidade considerada mais pacífica do Brasil foi Jaú, em São Paulo, com uma taxa de 2,7 homicídios para cada 100 mil habitantes. A cidade de 146 mil moradores teve quatro assassinatos em 2017. Indaiatuba e Valinhos, também situadas em São Paulo, ocupam o segundo e o terceiro lugar na lista, que continua com Jaraguá do Sul (SC), Brusque (SC), Jundiaí (SP), Passos (MG), Limeira (SP), Americana (SP), Bragança Paulista (SP), Santos (SP), Araxá (MG), Araraquara (SP), São Caetano do Sul (SP), Tubarão (SC), Mogi das Cruzes (SP), Itatiba (SP), Varginha (MG), Catanduva (SP) e Sertãozinho (SP).

O coordenador do estudo, Daniel Cerqueira, avalia que políticas focalizadas em territórios vulneráveis são a luz no fim do túnel, com iniciativas voltadas para o desenvolvimento infanto-juvenil e para as famílias mais pobres. Ele defende ainda um reforço na qualificação policial e a melhora das condições de encarceramento.

*Agência Brasil

Postado em 5 de agosto de 2019 - 12:41h

0 comentário

Papa Francisco condena ataques a ‘pessoas indefesas’ nos EUA

O papa Francisco condenou na manhã deste domingo (4) os ataques a “pessoas indefesas” nos Estados Unidos. Neste fim de semana, em um intervalo de 12 horas, dois criminosos mataram 29 pessoas e feriram 46 em dois atentados– um no Texas e outro em Ohio.

Em pronunciamento na praça São Pedro, no Vaticano, Francisco manifestou apoio às vítimas e familiares desses assassinatos em massa e as de um terceiro, ocorrido no domingo passado na Califórnia – onde três pessoas foram mortas durante um festival gastronômico.

O papa ressaltou que os três ataques foram contra pessoas indefesas.

*G1

Postado em 4 de agosto de 2019 - 20:19h

0 comentário

Petrobrás reduz preço do botijão de gás em 8,16% a partir nesta segunda

A Petrobras reduziu o preço do gás de cozinha (GLP) vendido nas refinarias às distribuidoras para botijões de 13 quilos de R$ 26,20 para R$ 24,06. O novo preço entra em vigor na próxima segunda-feira nas unidades da empresa.

Segundo o Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás), a queda do GLP residencial oscilará entre 6,5% e 12% nas refinarias.

De acordo com a Petrobras, para ser comercializado em botijões de 13 quilos, o gás de cozinha tem o preço de venda formado pela média das cotações dos gases butano e propano no mercado europeu, mais uma margem de 5%. Os reajustes passaram a ser trimestrais em janeiro do ano passado.

*Jair Sampaio

Postado em 4 de agosto de 2019 - 20:10h

0 comentário

Prêmio da Mega-Sena acumula e vai a R$ 32 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.175 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (3) em São Paulo. O prêmio acumulou.

Veja as dezenas sorteadas: 07 – 25 – 32 – 43 – 53 -55.

A quina teve 73 apostas ganhadoras; cada um receberá R$ 39.289,03. Já a quadra teve 5.485 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 746,99.

Postado em 4 de agosto de 2019 - 13:07h

0 comentário

Traficante tenta fugir de presídio fantasiado de mulher

Um homem que cumpre pena por tráfico de drogas no Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio, tentou fugir, na tarde deste sábado (3), vestido de mulher. Agentes da Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap) descobriram o plano e impediram a fuga.

Clauvino da Silva, de 42 anos, conhecido como Baixinho, tentou sair pela porta da frente vestido de mulher. Segundo a Seap, o preso iria deixar a sua filha dentro da cadeia e tentou pegar a roupa dela para tentar a fuga.

Detento se disfarça de mulher e tenta fugir de Bangu

Preso usava uma máscara de silicone para tentar deixar a cadeia — Foto: Divulgação/Seap

Clauvino está condenado a 73 anos e 10 meses de prisão.

O criminoso de Angra dos Reis já possui uma fuga em seu histórico no sistema penitenciário do Rio. Em fevereiro de 2013, Baixinho estava entre os 31 presos que fugiram do Instituto Penal Vicente Piragibe, em Gericinó.

Na ocasião, ele conseguiu deixar a unidade pelo esgoto.

*BG

Postado em 4 de agosto de 2019 - 13:04h

0 comentário

Bandido tenta assaltar ônibus, mas acaba baleado por PM

Um bandido foi baleado ao tentar assaltar um ônibus nesse sábado (3). O caso aconteceu na Rua Mário Negócio, nas Quintas, na zona Oeste de Natal.

Segundo a Polícia Militar, o criminoso subiu no transporte e anunciou o assalto. Um policial à paisana, que estava no veículo, reagiu, deu voz de prisão, mas o homem não atendeu e sacou a arma.

O PM foi mais rápido e efetuou pelo menos quatro disparos. O elemento foi alvejado e foi socorrido em estado grave ao Hospital Walfredo Gurgel.

Na ocasião, um revólver calibre .38 foi apreendido. Os assaltos a ônibus têm se tornado um crime recorrente na capital potiguar.

*Portal no Ar

Postado em 4 de agosto de 2019 - 12:40h

0 comentário

Sexta; primeira noite de Festival de Inverno em Cerro Corá

A primeira noite do festival de inverno iniciou nesta sexta-feira. Na tenda cultural, apresentações marcaram a XVII edição desse ano.
Nos palcos nascente do Potengi e vale vulcânico as bandas The ritornelos, Feras, Mastruz com leite e Clau Viana se revezaram animando o público.

A prefeita Graça Oliveira e o vice Zeca Araújo, além de secretários municipais participaram da solenidade de abertura e do evento que trouxe como tema: Cerro Corá do GEOPARQUE SERIDÓ onde nasce o Potengi, de vales, sossegos e encantos.

*ASCOM – PREFEITURA DE CERRO CORÁ/RN

Postado em 3 de agosto de 2019 - 18:45h

0 comentário

Hospital abre sindicância para apurar caso de bebê que morreu por falta de transporte médico no RN

O Hospital Municipal Monsenhor Pedro Moura, em Nova Cruz, Região Agreste do Rio Grande do Norte, abriu uma sindicância para apurar o caso do bebê que morreu por falta de transporte médico na unidade no dia 29 de julho. O servidor envolvido no caso, segundo a nota do hospital, foi “afastado temporariamente de suas funções, até conclusão do referido procedimento”.

Nesta sexta-feira (2), a Polícia Civil prendeu um motorista de ambulância de 33 anos na cidade. Segundo a Polícia Civil, ele teria se recusado a fazer o transporte da gestante que necessitava de um atendimento de urgência para o nascimento do bebê, que morreu. O servidor vai ser indiciado por homicídio.

Em relação à possível omissão do servidor, o Hospital Monsenhor Pedro Moura reforçou, em nota, que essas informações são “objeto de apuração na seara criminal, onde, após devida conclusão, ensejará ou não o reconhecimento de qualquer responsabilidade em face do citado servidor”.

A unidade de saúde apontou ainda na nota que “no que tange a disponibilidade da equipe médica e operacional deste hospital no referido dia, estas se encontravam em plena atuação e disponibilizadas a efetiva execução do serviço público, inclusive os veículos (ambulâncias) estavam na unidade hospitalar”.

O hospital também disse que deu suporte com assistente social e psicólogo à família do bebê e que vai “contribuir de forma efetiva com o total esclarecimento dos fatos, inclusive as investigações, no que for pertinente”.

O caso
Um motorista de ambulância de 33 anos foi preso na manhã desta sexta-feira (2) na cidade de Nova Cruz. Segundo a Polícia Civil, o servidor será indiciado por homicídio, já que ele teria se negado a fazer o transporte de uma gestante que necessitava de um atendimento de emergência. Com a demora, o quadro se agravou e o bebê acabou morrendo durante o parto, fato ocorrido no dia 29 de julho no hospital da cidade. A operação que cumpriu o mandado de prisão temporária foi batizada de ‘Respeito à Vida’.

“O motorista da ambulância se negou a realizar a transferência de emergência da gestante para o Hospital de São José de Mipibu, apesar da enfermeira e do médico plantonista alertarem da necessitada da imediata remoção da mulher, que precisava receber um atendimento especializado de um médico ginecologista e neonatalogista”, afirmou a assessoria de comunicação da Polícia Civil.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, o motorista alegou que não poderia realizar a viagem, pois passaria do horário do seu turno de trabalho. “No entanto, ainda faltavam aproximadamente 2 horas para o término do seu expediente. Em decorrência de tal negativa, sem opção, o médico foi obrigado a conduzir a paciente à sala de cirurgia. Porém, o quadro clínico se agravou e o parto acabou sendo realizado em Nova Cruz e o bebê não resistiu”, acrescentou.

*G1 RN

Postado em 3 de agosto de 2019 - 15:12h

0 comentário

Pai e madrasta são presos por torturar e matar criança de 6 anos


Mel foi socorrida, mas chegou ao hospital sem vida. Casal assumiu o crime, segundo a polícia

A Polícia Civil do Rio prendeu neste sábado, 3, o pai e a madrasta de Mel Rhayane Ribeiro, menina de seis anos que foi morta, segundo a corporação e confissão do próprio pai, pelo casal. Mel chegou sem vida, com diversos sinais de agressões, ao Hospital Naval Marcílio Dias, na zona norte da cidade, na tarde dessa sexta-feira, 2.

Foi lá que Rodrigo Jesus da França, de 25 anos, confessou o crime e pediu para ser preso, com medo de ser linchado por um grupo de pessoas que estavam na porta da unidade. Acionada, a Polícia Militar o conduziu até a Delegacia de Homicídios da Capital, na zona oeste.

Peritos da delegacia constataram lesões no corpo da criança, entre elas “ausente pedaço da orelha, úlceras no tornozelo e mãos, aparentando que a criança era constantemente amarrada e chicoteada.” Os policiais perceberam que as agressões ocorriam há tempos. A madrasta da criança, Juliana Mayara Brito da Silva, de 20 anos, negou ter participado dos maus tratos e da morte, mas foi presa por ter se omitido às práticas.

Rodrigo Jesus da França disse, segundo a Polícia Civil, que deixava a criança amarrada para não ter relações com os outros filhos do casal. E que as agressões eram para “corrigir” um suposto “comportamento sexual alterado” de Mel, que já teria sido estuprada – informação negada por laudo do Instituto Médico Legal (IML). A fim de evitar que as lesões fossem vistas, o pai tirou a menina da escola em que estudava.

*Portal no Ar

Postado em 3 de agosto de 2019 - 13:12h

0 comentário

Ônibus escolar sai da pista e capota na BR-304

Um ônibus com estudantes saiu da pista e capotou na BR-304, próximo à cidade de Pau dos Ferros, na Região Oeste do Rio Grande do Norte. Segundo informações repassadas pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), não houve nenhuma vítima fatal e os jovens sofreram ferimentos leves . A Polícia Rodoviária Federal (PRF) está a caminho do local.

De acordo com o Ciosp, os jovens retornavam de uma seletiva regional para os Jogos Escolares do Rio Grande do Norte (Jerns), que aconteceu na cidade de Riacho de Santana, e estavam a caminho de Pau dos Ferros quando um pneu do ônibus estourou. Neste momento, o motorista não teve mais o controle do veículo, que saiu e virou na beira da estrada.

Algumas pessoas que trafegavam no local naquele momento pararam os veículos para ajudar os estudantes. O acidente aconteceu por volta das 15h. O número de jovens que estava no ônibus ainda não foi confirmado.Os feridos foram levados para o Hospital Regional Doutor Cleodon Carlos de Andrade, em Pau dos Ferros, para receberem atendimento.

*Fonte: G1 

Postado em 2 de agosto de 2019 - 18:02h

0 comentário

Criança de apenas 12 anos tira a própria vida no município de Lagoa Nova

Imagem via Whatsapp

Uma menino de apenas 12 anos de idade cometeu suicídio por meio de enforcamento no sítio Baixa Verde zona rural de Lagoa Nova, de acordo com a PM o garoto era viciado em  jogos pela internet e vinha faltando aulas, os familiares preocupados com a dependência da criança começou a mudar a senha de acesso a internet. 


Foi então que o menino passou a ter um comportamento agressivo e de ameaças e na tarde desta sexta-feira (02) a criança cometeu o ato extremo, neste momento a Polícia Civil está indo até o local.

*Fonte: Repórter Seridó 

Postado em 2 de agosto de 2019 - 17:56h

0 comentário

Corpo de pescador desaparecido é encontrado no litoral do RN


Adriano Luciano estava desaparecido desde domingo — Foto: Arquivo pessoal

O corpo do pescador Adriano Luciano Bezerra do Nascimento, de 33 anos, foi encontrado no mar de Baía Formosa por outro pescador no início da tarde desta quinta-feira (3). A Marinha também fazia buscas no local.

De acordo com a família de Adriano, um outro pescador percebeu o corpo do rapaz boiando no mar durante uma navegação. Reconhecido pelos familiares, o corpo foi levado para a perícia no Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep) em Natal.

Adriano Bezerra estava desaparecido desde domingo, quando caiu do barco em que navegava, segundo relato de outros pescadores que presenciaram o fato. O último contato com a família havia sido na sexta-feira passada (26), quando ele entrou no mar com a embarcação.

Adriano Luciano era casado e deixa também uma filha de dois meses de idade.

*G1 RN

Postado em 2 de agosto de 2019 - 12:21h

0 comentário