O Comunicador

Bandidos invadem sede de projeto social e roubam alimentos e materiais de higiene que seriam doados a famílias carentes de Natal

Sede do RN Invisível foi arrombada  — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Sede do RN Invisível foi arrombada — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Bandidos arrombaram na madrugada de sábado (3) a sede do projeto social RN Invisível e roubaram alimentos, materiais de higiene e roupas que seriam doados a cerca de 120 famílias carentes de Natal neste domingo (4).

O galpão do projeto fica em Parnamirim, na Região Metropolitana. As cestas seriam doadas para famílias uma ocupação no Parque dos Coqueiros, na Zona Norte de Natal.

Segundo os responsáveis pelo projeto, os criminosos levaram mais de 80% do que os voluntários haviam conseguido arrecadar em alimentos, produtos de higiene e limpeza.

“Tínhamos cerca de 40 quilos de arroz, 30 pacotes de macarrão, mas a maior perda foi o dos produtos de higiene, que é uma coisa essencial agora durante a pandemia. A gente perdeu quase 100 litros de álcool, entre gel e líquido. E também desinfetante. Perdemos também sabonete, creme dental e escovas de dente”, explicou o voluntário Marcel Rodrigues.

Diante de um cenário grave de pandemia, que fez cair também o número de doações, os voluntários se preocupam em como seguir ajudando essas famílias, mesmo após o roubo.

“A nossa preocupação é conseguir continuar levando assistência para essas famílias. Nós não só perdemos as doações, como perdemos a nossa estrutura de doações. E fica no momento uma reflexão do que que a gente pode fazer agora pra conseguir estar levando apoio para as famílias”, falou Marcel.

O projeto auxilia e dá visibilidade – através das histórias nas redes sociais – a potiguares em situação de rua ou que vivem em ocupação em função da falta de moradia digna.

Quem quiser ajudar com doações, pode acessar a página do RN Invisível através do Instagram.

*G1 RN

Postado em 5 de abril de 2021 - 8:19h

0 comentário

Cerro Corá: Secretaria de saúde realiza barreira sanitária

A Prefeitura Municipal de Cerro Corá/RN através da Secretaria de Saúde, divulga o Boletim da Barreira Sanitária realizada durante todo o feriado da Semana Santa.

01/04: 127 testes
02/04: 148 testes
03/04: 23 testes

Total: 298 testes realizados

Não Positivo: 297
Positivo: 01

Obs: O paciente que testou positivo voltou a seu município de origem para tratamento.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde.

*ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO – PMCC

Postado em 4 de abril de 2021 - 21:15h

0 comentário

Em mensagem de Páscoa, papa pede distribuição de vacinas aos países pobres e que Deus console enfermos, pessoas em luto e desempregados


Foto: Vatican Media – 04/04/2021/Handout/via Reuters

Na basílica de São Pedro quase vazia, o papa Francisco pediu neste domingo de Páscoa (4) à comunidade internacional a rápida distribuição de vacinas contra a Covid, sobretudo para os países pobres.  O Papa pediu a Deus que console os enfermos, os que perderam um ente querido e os desempregados, exortando as autoridades a dar às famílias mais necessitadas um “sustento decente”.

Com o novo coronavírus, este é o segundo ano consecutivo em que os serviços papais da Páscoa têm apenas pequenos grupos em um altar secundário da Basílica de São Pedro, em vez de multidões na igreja ou na praça do lado de fora.

Depois de celebrar a missa, Francisco leu sua mensagem “Urbi et Orbi” (à cidade e ao mundo), na qual tradicionalmente faz uma revisão dos problemas mundiais e um apelo pela paz.

“A pandemia ainda está se espalhando, enquanto a crise social e econômica continua severa, especialmente para os pobres. No entanto — e isso é escandaloso — os conflitos armados não acabaram e os arsenais militares estão sendo fortalecidos”, disse.

Francisco, que normalmente teria feito o discurso para até 100 mil pessoas na Praça de São Pedro, falou para menos de 200 na igreja enquanto a mensagem era transmitida online para dezenas de milhões em todo o mundo.

A praça estava vazia, exceto por alguns policiais que impunham um rígido bloqueio nacional de três dias.

Ele elogiou os trabalhadores médicos, se solidarizou com os jovens que não podem frequentar a escola e disse que todos foram chamados para combater a pandemia.

“Exorto toda a comunidade internacional, em um espírito de responsabilidade global, a se comprometer a superar os atrasos na distribuição de vacinas e a facilitar sua distribuição, especialmente aos países mais pobres”, disse ele.

Francisco, que muitas vezes pediu o desarmamento e a proibição total da posse de armas nucleares, disse: “Ainda há muitas guerras e muita violência no mundo! Que o Senhor, que é a nossa paz, nos ajude a superar a mentalidade de guerra. ”

*Com informações de FolhaPresse e O Globo

Postado em 4 de abril de 2021 - 13:09h

0 comentário

Morre Agnaldo Timóteo, aos 84 anos, vítima da covid-19

Foto: Sesc Piracicaba/Divulgação

O cantor Agnaldo Timóteo não resistiu às complicações decorrentes da Covid-19 e morreu neste sábado (3) no Rio. Ele tinha 84 anos.

Agnaldo estava internado desde o dia 17 de março na UTI do Hospital Casa São Bernardo, na Zona Oeste do Rio.

No último dia 27, Agnaldo precisou ser intubado para “ser tratado de forma mais segura” contra a doença.

“É com imenso pesar que comunicamos o FALECIMENTO do nosso querido e amado Agnaldo Timóteo. Agnaldo Timóteo não resistiu as complicações decorrentes do COVID-19 e faleceu hoje às 10:45 horas. Temos a convicção que Timóteo deu o seu Melhor para vencer essa batalha e a venceu! Agnaldo Timóteo viverá eternamente em nossos corações! A família agradece todo o apoio e profissionalismo da Rede Hospital Casa São Bernardo nessa batalha”, disse a família, em nota.

*G1

Postado em 3 de abril de 2021 - 16:06h

0 comentário

Pai é acusado pela ex de vender filho recém-nascido do casal por R$ 4 mil

Foto: Divulgação/Governo de SP

Um bebê recém-nascido, do sexo masculino, com apenas 30 dias de vida, foi vendido pelo próprio pai biológico por R$ 4 mil em Praia Grande, no litoral paulista, segundo acusa a mãe da criança. O menino foi encontrado nesta quinta-feira (1º), na Zona Leste de São Paulo. A Polícia Civil suspeita de uma rede de tráfico de crianças por meio da web. O suspeito teve a prisão decretada, mas está foragido.

O delegado Alex Mendonça, da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) da cidade, que está à frente do caso explica que a mãe do bebê foi até a delegacia denunciar o ex-marido, pai do recém-nascido, por ter sido agredida por ele no dia 19 de março. Conforme a mulher, ele invadiu sua casa por uma janela e a agrediu com socos no rosto e em outras partes do corpo, fugindo em seguida.

Durante o registro da ocorrência de lesão corporal, ela revelou que a briga ocorreu em virtude da venda do filho deles pelo ex, no dia 3 de março. “Com base nessas informações, instauramos um inquérito, e começamos a investigar o caso. Conseguimos chegar até as pessoas que haviam comprado o bebê”, relata.De acordo com Mendonça, com as informações, obtidas, inclusive, por meio do monitoramento das redes sociais, foi pedido ao Poder Judiciário um mandato de busca para o recém-nascido, além do pedido de prisão do pai biológico e do comprador, solicitações que foram acatadas. “Na tarde de quinta-feira, nós localizamos a criança. Ela estava em uma casa no bairro do Itaim Paulista, na Zona Leste de São Paulo”, relata.

Durante as buscas, os policias prenderam um empresário de 33 anos, suspeito de comprar o bebê. Ele alegou que adotou a criança, e que ajudou a mãe durante a gravidez, para poder ficar com o bebê quando nascesse, já que ele tinha o sonho de ser pai, junto com o companheiro, de acordo com o delegado.

“Eles fizeram uma adoção ‘à brasileira’, como é dito. O casal registrou o bebê em seu nome, como se fossem os pais biológicos”, afirma.

O empresário foi levado para a Delegacia Sede de Praia Grande, junto com o companheiro. Em depoimento, ele disse que conseguiu o contato da mãe do bebê por meio de uma “comunidade” na internet. Ele teve a prisão preventiva decretada pela 2ª Vara Criminal de Praia Grande, e permanece detido. O companheiro dele foi ouvido e liberado logo em seguida.O recém-nascido foi levado para uma casa de acolhimento em Praia Grande e, segundo o Conselho Tutelar, estava bem cuidado e não apresentava sinais de maus-tratos. Ele permanece à disposição do Juízo da Infância e da Juventude, que irá decidir o que fazer com o menino.

O pai biológico da criança, Ronaldo Alves de Souza, de 47 anos, teve a prisão decretada, mas permanece foragido. A mãe também segue sendo investigada, para apurar eventual participação dela na venda do bebê ao casal.

A polícia também suspeita de um possível esquema de tráfico de bebês e crianças, que usa as redes sociais para viabilizar os crimes. O caso segue em investigação na Delegacia de Defesa da Mulher de Praia Grande.

*G1

Postado em 3 de abril de 2021 - 14:06h

0 comentário

Bolsonaro volta a criticar medidas de restrição e comemora 1 milhão de brasileiros vacinados por dia

Explicações sobre vacina

O presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar, neste sábado (3), a política do “feche tudo”, adotada para frear a disseminação do vírus e o colapso dos hospitais, e levantou novas suspeitas sobre o uso dos recursos bilionários enviados pela União por governadores e prefeitos.

Também comemorou a marca de 1 milhão de vacinados por dia contra o coronavírus no país e avisou que as Forças Armadas poderão ajudar com a aplicação de doses e com a logística para entregar os imunizantes aos estados.

“Pelo segundo dia consecutivo, vacinamos 1 milhão de pessoas por dia. Esse número tende a crescer. Conversei hoje com ministro da Saúde, com o ministro da Defesa, que está aqui do meu lado, o Braga Netto, e as Forças Armadas estão à disposição para colaborar para vacinar. Praticamente, todos os quartéis do Brasil têm essa condição: Marinha, Exército e Aeronáutica”, avisou.

As declarações de foram dadas em uma cozinha comunitária, que oferece comida a pessoas em situação vulnerável, em Itapoã, uma região administrativa do Distrito Federal, onde tomou sopa ao lado do ministro da Defesa, Braga Netto.

Bolsonaro, novamente, disse se preocupar não só com o vírus, mas também com o desemprego e justificou o atraso na vacinação no Brasil, que, segundo ele, está em quinto lugar no ranking de vacinação.

“Sempre disse lá atrás: o desemprego e o vírus, dois problemas. Nos preocupamos com os dois. Lamentamos as mortes. O Brasil é um dos primeiros países mais vacinados do mundo, estamos atrás só de outros países que produzem vacinas. Estamos em quinto lugar, um trabalho que começou no ano passado, compramos vacinas no ano passado, não havia muitas disponíveis, mas também, por outro lado, o que se oferecia para a gente o contrato não era possível de assinar daquela forma, bem como, não tinha aprovação da Anvisa”, afirmou.

Dinheiro a estados e municípios

Mais uma vez, o presidente frisou que a “política do feche tudo e fique em casa” provoca o aumento da pobreza e da miséria. “A população, com mais desemprego, com a política do feche tudo e fique em casa, mais gente está comendo menos, alguns passando necessidades seríssimas e temos que vencer isso aí. A guerra da minha parte não é política, mas realmente tem a ver com o futuro de uma nação”, avisou.

Bolsonaro relembrou que, há um ano, o governo apoiava “medidas protetivas”, mas “tudo tem um limite”. “Lá atrás, quando se mandava ficar em casa, em março do ano passado, era para achatar a curva, até que os hospitais se aparelhassem com leitos de UTI e com respiradores”, relembrou.

“Passou-se um ano, bilhões do governo federal foram dispensados para governadores e prefeitos, e parece que alguns deles não aplicaram devidamente esse recurso na saúde. […] Sabemos que a grande parte dos prefeitos quer uma mudança nessa política. A grande parte dos prefeitos não concorda com a política radical do feche tudo”, finalizou.

*R7

Postado em 3 de abril de 2021 - 13:36h

0 comentário

RN contabiliza 28 óbitos por covid nas últimas 24h, sendo 14 dentro do dia; novos casos são 1.076

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste sábado (3). Foram mais 1.076 casos confirmados, totalizando 199.070. Até sexta-feira (2) eram 197.994 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 4.616 no total, sendo 14 mortes registradas nas últimas 24h: Natal (07), Mossoró (03), Jardim do Seridó (01), Grossos (01), Parnamirim (01) e São Miguel (01).

A Sesap ainda registrou outros 14 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais. Óbitos em investigação são 890.

Casos suspeitos somam 50.543 e descartados 416.142. Recuperados são 142.776.

*BG

Postado em 3 de abril de 2021 - 13:30h

0 comentário

Macaiba registra 6 execuções e um casal alvejado

Seis pessoas foram mortas e duas ficaram feridas após uma noite de violência registrada nesta sexta-feira da paixão (02), na cidade de Macaíba, região metropolitana de Natal. As vítimas estavam em bairros diferentes quando ocorreu o atentado. De acordo com a apuração feita pela Polícia Militar dois homens foram atingidos por tiros no centro de Macaíba e morreram no local, outros dois foram mortos no bairro Campo da Mangueira, uma quinta vítima estava na frente da residência onde morava no loteamento Esperança quando foi atingida por um tiro de pistola e não resistiu, assim como um sexto indivíduo que chegou a ser socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento, mas também morreu.

A reportagem do PortalBO conversou com o delegado de plantão da DHPP (Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa), Marcos Vinícius e apurou que os assassinatos ocorreram em um intervalo de aproximadamente meia hora e que todas as vítimas foram feridas por projéteis de arma de fogo. Vinícius afirmou que tudo leva a crer que o atentado está ligado a guerra entre facções, porém somente as investigações que ficarão sob a responsabilidade do delegado da cidade que irão definir o que motivou de fato a série de assassinatos.

As vítimas foram identificadas pela equipe do ITEP (Instituto Técnico e Científico de Perícia) como Giovane dos Santos, de 19 anos, Saulo Emanuel de Lima Romeiro, 16, Ítalo Felipe Tenório da Silva, 20, Ransmiler Carlos de Araújo Pontes, 20, Romário Varela Tinôco, 26 e Lucas Gabriel de Souza, de 23 anos. Segundo o relatório da Polícia Militar um casal ainda não identificado foi socorrido com ferimentos provocados por arma de fogo.

*Portal BO

Postado em 3 de abril de 2021 - 8:53h

0 comentário

Mais de 70 mil vacinados em estado do Nordeste não retornaram para segunda dose

Mais de 70 mil paraibanos que tomaram a primeira dose da vacina CoronaVac ainda não apareceram para tomar a segunda dose. A aplicação da segunda dose deve acontecer com um intervalo de 28 dias após a primeira. O governador da Paraíba, João Azevêdo, usou as redes sociais para alertar sobre o quadro e fazer um apelo à população.

“Mais de 70 mil pessoas em toda a Paraíba, que receberam a primeira dose da Coronavac, ainda não procuraram os postos de vacinação para tomar a segunda dose. Essa dose é fundamental para garantir a imunização”, disse Azevêdo em sua conta no Twitter. A vacina produzida no Instituto Butantan é a mais usada para vacinação no estado.

Mais de 70 mil pessoas em toda a Paraíba, que receberam a primeira dose da Coronavac, ainda não procuraram os postos de vacinação para tomar a segunda dose. Essa dose é fundamental para garantir a imunização e deve acontecer com um intervalo de 28 dias após a primeira.

— João Azevêdo (@joaoazevedolins)

“Renovamos o apelo para todos que foram vacinados até 5 de março, retornem aos postos para receber a segunda dose e garantir que estarão livres do risco de ser mais uma vida que perdemos para essa doença terrível”, acrescentou. O governador também pediu aos municípios que façam uma busca ativa para garantir a cobertura vacinal da sua população.

Quem perde a data, ainda pode tomar o reforço da vacina. Dúvidas podem ser esclarecidas com as secretarias estaduais de Saúde.

Intervalo entre as doses

Quando autorizou o uso das vacinas, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) analisou as pesquisas disponíveis para indicar o intervalo entre as duas doses. A agência reguladora autorizou que a vacina de Oxford/AstraZeneca tenha intervalo de até 12 semanas (84 dias) entre a primeira e a segunda dose. Já a CoronaVac deve manter o intervalo de 4 semanas.

“A importância de você tomar a vacina é para que você pegue uma imunidade contra essa doença que temos aí. Agora, se você tomou a primeira dose, não deixe de tomar a segunda, porque é um reforço da primeira dose. Você não pode ficar com uma dose só. Se a vacina é do tipo que deve ser tomada duas vezes, por que não tomar?”, recomendou o diretor Associação Médica Brasileira (AMB), José Fernando Macedo.

Mais vacinas

O governador também anunciou a chegada de 180 mil novas doses da vacina. Dessas, 167 mil são CoronaVac, do Butantan, e 13,7 mil vindas da Fiocruz.

*Agência Brasil/Grande Ponto

Postado em 3 de abril de 2021 - 8:44h

0 comentário

Vacinado com Sputnik V, presidente argentino é o primeiro chefe de Estado a ser reinfectado por coronavírus


Foto: Reprodução/Redes Sociais

O presidente argentino, Alberto Fernández, revelou na madrugada deste sábado (3) ter testado positivo para coronavírus ao completar 62 anos de idade. Ele torna-se, assim, o primeiro chefe de Estado a contrair a doença mesmo depois de ter sido vacinado, com o imunizante russo Sputink V.

Antes do presidente argentino, pelo menos 17 outros líderes tiveram Covid-19, mas nenhum tinha sido vacinado. Alberto Fernández testou positivo no dia de seu aniversário. O contágio do presidente reabre o debate sobre a decisão do governo de priorizar a primeira dose e diferir a segunda de três semanas, como recomendam os fabricantes, a três meses.

“Queria contar-lhes que, ao terminar o dia de hoje, depois de apresentar um registro de febre de 37.3°C e uma leve dor de cabeça, realizei um teste de antígeno cujo resultado foi positivo”, publicou Fernández, nesta madrugada, nas redes sociais.

O presidente argentino foi o primeiro chefe de Estado da América Latina a ser vacinado com a Sputnik V, em 21 de janeiro passado. No dia 11 de fevereiro, tomou a segunda dose da vacina cuja eficácia geral anunciada é de 91,6% e, para maiores de 60 anos, 91,8%, uma das mais altas entre os produtos disponíveis.

Alberto Fernández disse ter feito também um teste de PCR e que aguarda a confirmação do resultado, enquanto permanece isolado. “Embora estejamos à espera da confirmação através do teste PCR, eu já estou isolado, cumprindo o protocolo vigente e seguindo as indicações do meu médico pessoal”, acrescentou.

Surpresa de aniversário

A ministra da Saúde da Argentina, Carla Vizzotti, preparou a lista de todas as pessoas que estiveram em contato com o presidente nas últimas 48 horas, para que também fiquem isoladas. Alberto Fernández completou 62 anos de idade nesta sexta-feira (02), motivo pelo qual recebeu vários integrantes do governo e amigos na residência presidencial.

“Para a informação de todos, estou bem fisicamente, embora quisesse terminar o dia do meu aniversário sem esta notícia. Também estou bem de ânimo. Agradeço da minha alma as diversas demonstrações de afeto que hoje me deram ao recordar o meu nascimento”, agradeceu.

Contágio inédito abre debate

O contágio, mesmo tendo sido vacinado com as duas doses da Sputnik V, desconcerta o país. Durante a madrugada, nos meios de comunicação na Argentina, especialistas procuravam analisar as circunstâncias do contágio e se é possível um infectado vacinado contaminar outras pessoas. As dúvidas também passam pela variante do vírus e se a vacina russa é eficaz para as novas cepas.

Outro debate é sobre a decisão do governo argentino, anunciada em 26 de março, de dar prioridade a vacinar a maior quantidade possível de pessoas apenas com a primeira dose das vacinas e diferir a três meses a segunda dose, embora os fabricantes recomendem três semanas.

A decisão baseia-se na escassa quantidade de doses que a Argentina tem conseguido e na chegada da segunda onda de contágios, que começa a elevar a curva de casos no país. Nos últimos dias, as contaminações passaram de 14 mil diários, o dobro de uma semana atrás.

“Devemos estar muito atentos. Peço-lhes a todos que se preservem, seguindo as recomendações vigentes. É evidente que a pandemia não passou e que devemos continuar a cuidar-nos”, pediu o presidente.

Alberto Fernández passou mal por volta das 21 horas, antes de jantar. Sentiu calor no rosto e um pouco de dor de cabeça. Tomou um analgésico, mas diante dos sintomas persistentes, chamou o seu médico pessoal.

O resultado positivo num teste de antígeno tende a ser preciso se o procedimento usado for correto, mas existe a possibilidade de um falso negativo. Por esse motivo, o médico pessoal, Federico Saavedra, pediu um teste PCR.

18° presidente contagiado

Com 45 milhões de habitantes, a Argentina acumula 2, 373 milhões de contagiados e 56.023 falecidos pela Covid-19. A campanha de vacinação, iniciada em 29 de dezembro e considerada lenta devido à falta de vacinas, aplicou até agora 3,343 milhões da primeira dose, equivalentes a 7,4% da população. Apenas 680 mil pessoas receberam a segunda dose, número que tende a crescer pouco depois da decisão de adiar o prazo para a segunda injeção.

O presidente argentino é o 18° chefe de Estado a se contagiar pela doença, mas o primeiro que se infecta depois de vacinado com as duas doses. A lista de contaminados quando ainda não tinham sido vacinados inclui o ex-presidente norte-americano, Donald Trump, o premiê britânico, Boris Johnson, os presidentes francês, Emmanuel Macron, português, Marcelo Rebelo de Sousa, mexicano, Andrés Manuel López Obrador, e brasileiro, Jair Bolsonaro.

*UOL

Postado em 3 de abril de 2021 - 8:38h

0 comentário

Bolsonaro sanciona novo marco legal de licitações; Veja o que muda nas contratações públicas

Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a nova Lei das Licitações, que prevê a permissão para seguro garantia e a criação do Portal Nacional de Contratações Públicas, segundo publicado nesta quinta-feira em edição extra do Diário Oficial.

A nova lei cria regras para União, Estados e municípios e prevê cinco tipos de licitação: concorrência, concurso, leilão, pregão e diálogo competitivo. Esta última modalidade, inspirada em experiências no exterior, permite negociações com potenciais competidores previamente selecionados.

Entre os critérios de julgamento nas concessões, a lei prevê, além de menor preço, melhor técnica ou conteúdo artístico, maior retorno econômico, maiores desconto ou lance.

O novo marco ainda insere um capítulo específico para tratar de crimes em licitações e contratos administrativos, prevendo penas para envolvidos em contratações fora da lei.

O Portal Nacional previsto no texto será uma página na internet que reunirá informações de licitações e contratações de entes de todas as esferas de governo.

Bolsonaro vetou o trecho que previa que nos leilões envolvendo empréstimo de agência oficial de organismos internacionais pudessem ter condições especiais na contratação desde que houvesse despacho de autoridade superior.

Segundo o governo federal, a medida contraria o interesse público, uma vez que a exigência do despacho motivado deve ser da autoridade superiora do órgão executor do programa ou projeto, e não do órgão que representa o mutuário.

Foi vetado também o artigo que determinava que os valores de referência dos itens de consumo comprados não poderiam ser superiores aos valores de referência do poder executivo, o que segundo o governo viola o princípio da separação dos poderes.

O projeto aprovado estabelece que as leis que tratam da modalidade pregão serão revogadas em dois anos. Durante esse período, será possível lançar uma licitação pelo regime tradicional para que os órgãos e entidades se adaptem às novas regras. Ao final do biênio, ela será obrigatória.

*UOL com Reuters

Postado em 2 de abril de 2021 - 11:32h

0 comentário

Anvisa recebe pedidos de 8 estados mais o RN para importar vacina russa contra a covid-19; Sputnik V aguarda autorização de uso emergencial

Foto: REUTERS/Agustin Marcarian

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu nesta quinta-feira solicitação de 9 Estados para autorização excepcional de importação de doses da vacina russa contra a Covid-19 Sputnik V, informou a agência reguladora em nota.

Bahia, Acre, Rio Grande do Norte, Maranhão, Mato Grosso, Piauí, Ceará, Pernambuco e Sergipe pediram autorização à Anvisa para a importação da vacina desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, de Moscou, e que será posteriormente fabricada no Brasil pela União Química.

A Anvisa acrescentou que deve ocorrer uma reunião na próxima semana entre os cinco diretores da agência e os governadores para tratar o pedido de importação e discutir aspectos técnicos.

“A Anvisa permanece comprometida com a disponibilização de vacinas à população em tempo oportuno e com a devida segurança, qualidade e eficácia. Assim, segue atuando conforme os procedimentos científicos e regulatórios necessários à autorização desses produtos”, afirmou a agência.

A vacina Sputnik V está com pedido de autorização de uso emergencial sendo analisado atualmente pela Anvisa.

*CNN Brasil

Postado em 2 de abril de 2021 - 11:29h

0 comentário

Sony Music compra gravadora Som Livre do Grupo Globo por R$ 1,4 bilhão

Foto: reprodução

Depois de mais de 50 anos de história, a Som Livre está saindo das mãos do Grupo Globo. Uma das maiores gravadoras do país, o selo já estava à venda desde novembro do ano passado, é uma propriedade da Sony Music Entretainment a partir desta quinta-feira (1).O valor do acordo gira em torno de R$ 1,4 bilhão e ainda precisa ser aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Os valores foram divulgados pela Sony para a SEC, sigla em inglês para Comissão de Valores Mobiliários, que é a agência federal que controla e regula os mercados financeiros dos Estados Unidos.

A Som Livre nasceu em 1969 e foi responsável por lançar grandes artistas da música brasileira, como Djavan, Novos Baianos e Rita Lee. Atualmente, a empresa foca seus esforços em artistas do universo sertanejo, como Marília Mendonça, Jorge & Mateus e Wesley Safadão. O selo já foi o maior do país em muitas ocasiões, mas hoje ocupa a terceira posição, atrás de Sony e Universal Music.Apesar da mudança de dono, o nome sim Som Livre, que tem grande força no mercado fonográfico brasileiro, seguirá sendo usado. “A Som Livre se tornará um centro criativo independente dentro da Sony Music que continuará a contratar, desenvolver e promover seu próprio elenco de talentos”, disse a Globo em comunicado à imprensa.

Além disso, a gravadora seguirá sendo comandada pelo CEO Marcelo Soares, que agradeceu aos agora antigos donos por todo o suporte oferecido nos 52 anos de história da marca. “O suporte da Globo foi fundamental para o crescimento da Som Livre, sobretudo pela última década quando construímos o negócio ao que ele é hoje”, declarou Soares.

Além dos artistas populares do elenco da Som Livre, a Sony Music terá o desafio de tocar as primeiras edições pós-pandemia de alguns dos principais festivais de música do país. Entre eles estão o Festeja, um dos maiores encontros sertanejos do país, e o Promessas, voltado para a música gospel.

*Olha Digital

Postado em 2 de abril de 2021 - 11:27h

0 comentário

Caso João Alberto: Viúva recusa indenização de R$ 1 milhão do Carrefour

Foto: reprodução

A viúva de João Alberto , Milena Borges Alves, recusou R$ 1 milhão proposto pelo Carrefour como indenização pela morte do marido, que aconteceu em novembro de 2020. Os advogados de Milena entenderam que o valor para danos morais e materiais eram baixos e solicitam no mínimo R$ 10 milhões.

Em carta aberta, os defensores justificaram a recusa ao comparar o valor com a indenização paga após a morte do cão Manchinha, espancado por um segurança na filial da rede em Osasco, em 2018.

“Não podemos deixar de comparar o Manchinha com o Nego Beto. Parece grosseiro fazer este comparativo, mas torna-se impossível não traçar um paralelo, pois parece que, para o Carrefour, o valor dado a vida de um cachorro e de um ser humano é exatamente o mesmo”, disseram os advogados.

No documento, os advogados de Milena compararam o caso João Alberto com o de George Floyd , morto por um policial nos Estados Unidos em 2020.

*iG

Postado em 2 de abril de 2021 - 11:25h

0 comentário

Ex-vereador Renato Dantas morre por complicações da Covid-19 em Natal

Renato Dantas, ex-vereador de Natal, morre vítima de complicações de Covid-19 — Foto: Reprodução

Renato Dantas, ex-vereador de Natal, morre vítima de complicações de Covid-19 — Foto: Reprodução

O ex-vereador Renato Dantas morreu na manhã desta sexta-feira (2), em Natal, vítima de complicações da Covid-19. Diagnosticado com o coronavírus no dia 1º de março, ele estava internado desde o último dia 11, na Policlínica, na capital potiguar, e intubado no dia 14 depois de sofrer uma parada cardíaca.

O óbito foi confirmado às 5h42 desta sexta-feira, após uma nova parada cardíaca.

Tirso Renato Dantas tinha 60 anos deixa esposa e três filhos.

O ex-vereador exerceu três mandatos – entre 1996 e 2008 – e chegou a ser presidente da Câmara Municipal de Natal nos anos de 2003 e 2004. Renato foi um dos condenados na chamada Operação Impacto, deflagrada em 2007, que investigou compra de votos na Câmara. Nos últimos anos vinha atuando nos bastidores de campanhas eleitorais e se dedicando a um blog sobre política.

O sepultamento de Renato Dantas será no cemitério Morada da Paz, em Emaús, na Grande Natal.

Veja abaixo a nota de pesar da Câmara Municipal:

Com profundo pesar e imensa consternação, a Câmara Municipal de Natal recebe a informação do falecimento do ex-vereador e ex-presidente do Legislativo natalense, Tirso Renato Dantas, aos 60 anos, ocorrido nesta sexta-feira, 02 de abril.

Ele iniciou sua vida política ainda no movimento estudantil e foi eleito vereador na 13ª, 14ª e 15ª Legislaturas, nos períodos de 1996 a 2000, 2001 a 2004 e 2005 a 2008. Renato Dantas exerceu a presidência da Casa no biênio 2003-2004.

Durante sua gestão, dentre outras realizações, instalou e inaugurou a TV Câmara Natal, o primeiro canal legislativo do Nordeste. Firmou convênio com o Senado Federal, transformando a TV Câmara na primeira emissora legislativa do Brasil afiliada à TV Senado.

O presidente da Câmara Municipal de Natal, Paulinho Freire, em nome dos vereadores e servidores da CMN, manifesta suas condolências e solidariedade aos familiares e amigos neste momento de dor e tristeza.

*G1 RN

Postado em 2 de abril de 2021 - 11:20h

0 comentário

Mulher visita marido internado com covid no MS e descobre amante


Imagem: Divulgação/Hospital Cassems

Uma mulher de 48 anos procurou a Polícia Civil de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, depois de descobrir que o marido, que estava prestes a ser intubado em hospital particular da cidade, estava acompanhado da amante.

Segundo depoimento da mulher à polícia na noite de ontem, durante a tarde ela estrava no trabalho quando recebeu uma ligação do marido, que é bombeiro, dizendo que estava com sintomas do novo coronavírus e por isso tinha ido ao hospital em busca de atendimento médico.

O homem teria dito ainda que ficaria internado e solicitou à mulher que não fosse até o hospital porque o caso era leve.

Preocupada com o estado de saúde do marido, com quem é casada há 20 anos e tem uma filha, a mulher ignorou a solicitação e foi até a unidade de saúde. Ao chegar no local e pedir informações sobre o marido, ela foi informada por um funcionário que o homem estava “acompanhado da namorada” e não poderia receber outra visita.

Ele teria explicado ainda que o estado de saúde do paciente estava piorando e que o homem precisaria ser intubado.

A mulher, então, pediu para que o funcionário chamasse a acompanhante de seu marido e descobriu que a amante se tratava de uma de suas amigas.

Ainda segundo relato da esposa à polícia, ao questionar o marido sobre a situação, o homem teria dito: “A partir de hoje a L. cuida das minhas coisas. Você pode ir embora, cuidar da sua vida”.

Em seguida, a mulher disse que soube que o marido teve uma piora e foi intubado. A amante, então, teria pego os documentos, cartões bancários e celular do homem. Tal situação teria motivado a esposa a procurar a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac).

O caso foi registrado como preservação de direito.

Estado Grave

Nas redes sociais, familiares do bombeiro estão fazendo uma corrente de oração pedindo pela melhora do seu estado de saúde. Segundo eles, o homem segue internado em estado grave.

*UOL

Postado em 1 de abril de 2021 - 20:42h

0 comentário

Prostitutas em MG suspendem serviço e pedem prioridade na vacinação contra a covid-19

Foto: reprodução/Ilustrativa

As profissionais do sexo em Minas Gerais decidiram suspender os atendimentos por tempo indeterminado após o agravamento da pandemia de coronavírus no estado no estado, que registrou seu pior mês em março. Além disso, elas pedem para o grupo ser incluído entre os prioritários na vacinação.

A presidente da Aprosmig (Associação das Prostitutas de Minas Gerais), Cida Vieira, confirmou a paralisação do expediente e informou que não há previsão de retorno.

“Nosso trabalho é de contato físico diário e com várias pessoas. Somos muito vulneráveis e tínhamos que ser incluídas em algum grupo de risco. Não queremos que nos passem na frente de ninguém, mas que nos vejam com olhos de humanidade”, afirmou.

Segundo ela, mesmo com os cuidados que estavam sendo tomados antes do agravamento da pandemia, não há condições agora de que os atendimentos continuem sem que haja sequer perspectiva de vacinação nas trabalhadoras.

“Vamos aguardar a vacinação e a recomendação oficial da entidade é que o serviço seja suspenso. Fazemos essa interface com as meninas via redes sociais, e-mail e telefone em nosso banco de dados. No entanto, sabemos que é difícil controlar cada uma [das garotas de programa”, explicou.

Estigma

Para Cida, as trabalhadoras sexuais são estigmatizadas, na maioria das vezes, pelo governo e pela sociedade. “Somos tratadas à margem. Convivemos com doenças sexuais, cuidamos de famílias, mas não pensam em nós como um grupo que precisa de cuidados especiais, principalmente na pandemia”.

A representante da entidade fez questão de reforçar que as trabalhadoras apenas desejam ser vistas como um dos grupos de risco, e não o prioritário. “A gente só quer ter suporte justo e poder ser consideradas como pessoas que precisam de ajuda, muitas vezes mais que outras, mas não nos colocamos acima nem abaixo de ninguém.”

Sobre as mulheres que, por questão de sobrevivência, não puderem parar com os atendimentos, Cida pede que sigam rigorosamente todo o protocolo, exigindo máscaras para clientes e álcool em gel, evitando posições próximas ao rosto.

O que diz a prefeitura de BH

Após a paralisação, a prefeitura da capital mineira se pronunciou e afirmou que tem atuado no enfrentamento da insegurança alimentar de diversos públicos em situação de risco e vulnerabilidade social com distribuição de cestas básicas, segundo critérios socioeconômicos.

A presidente da Associação confirmou ao UOL que recebeu esse suporte do município, mas disse que deseja mesmo que as profissionais do sexo sejam vistas no âmbito estadual e nacional como um grupo que precisaria de ao menos um auxílio emergencial, “pois sobrevivemos do contato físico”.

A reportagem tentou contato com o governo estadual para saber se há algum plano para esse grupo, mas, até o momento, não teve a solicitação atendida.

Pandemia em MG

Março foi o pior mês desde que começou a pandemia em Minas Gerais e já atingiu até mesmo o pico da doença no ano passado, em agosto, quando foram registrados 2.566 óbitos.

Somente ontem foi registrado o segundo maior número de óbitos em 24 horas no estado, sendo 417 óbitos, totalizando 24.332 desde o início da pandemia. A taxa de ocupação dos leitos específicos para pacientes com a doença chega a 91.96%, conforme a pasta responsável.

*UOL

Postado em 1 de abril de 2021 - 20:40h

0 comentário

Semana Santa: Empresário Sérgio Dantas e paróquias de Currais Novos distribuem uma tonelada de peixes em Currais Novos

O empresário Sérgio Dantas, que é devoto da obra do Monsenhor Paulo Herôncio, realizou mais uma ação de cidadania na cidade de Currais Novos. Junto com as paróquias de Sant’Ana, Imaculada Conceição e São Francisco de Assis, foram entregues nesta quinta-feira (1º) cerca de uma tonelada de peixe para famílias carentes. A iniciativa contempla uma tradição antiga da Igreja Católica de comer peixe na sexta-feira da semana santa.

Logo cedo aconteceu na Praça da Fé Monsenhor Paulo Herôncio, que foi reformada e ampliada recentemente pelo empresário Sérgio Dantas, a benção dos peixes. A cerimônia foi conduzida pelo Padre Cláudio. Em seguida a caravana seguiu para a Casa da Misericórdia onde famílias do Conjunto Imaculada Conceição e adjacências receberam o alimento. Depois foi a vez do Bairro Alto de Santa Rita, onde famílias acompanhadas pela Pastoral da Criança foram beneficiadas. A ação seguiu até o Bairro Silvio Bezerra, na Rua Geraldo Rapadura.

No início da tarde a Comunidade Quilombola Negros do Riacho recebeu a ação solidária. Todas as famílias foram beneficiadas. Ao longo do dia foram muitas as expressões de carinho e gratidão. Ivanete do Alto de Santa Rita contou que a sacola de peixes que recebeu ainda dividiu com mais duas famílias. “Estou muito grata. Deus multiplicou o peixe. O que recebemos foi de tão bom coração que eu quando cheguei em casa, dividi meus peixes com mais duas famílias vizinhas. Venho agradecer a todos vocês, que Deus derrame chuvas de bênçãos. Estamos passando por momentos difíceis e Deus abençoou vocês”, contou.

O empresário Sérgio Dantas lembrou que vem cumprindo uma importante missão que aprendeu com o ex-vigário de Currais Novos Monsenhor Paulo Herôncio, que é fazer o bem. “Monsenhor dizia em suas palavras para ajudar aos mais necessitados. Então ficamos nesta missão de lembrar dos que menos tem. A igreja católica de Currais Novos ficou com a tarefa de mapear as famílias. E assim fizemos. Estou muito feliz, meu coração está cheio de esperança, amor e gratidão”.

Voluntários das paróquias de Currais Novos selecionaram as famílias e organizaram a distribuição. A Polícia Militar, junto com o núcleo de prevenção a Covid e diversos voluntários acompanharam toda movimentação.

Postado em 1 de abril de 2021 - 20:35h

0 comentário

RN recebe mais 149 mil doses de vacinas contra a covid-19, incluindo a primeira leva para profissionais da segurança

Foto: Raiane Miranda

O RN recebeu mais 149.050 doses de imunizantes da CoronaVac (136.800) e da AstraZeneca (12.250) no fim da tarde desta quinta-feira (1).

De acordo com o informe técnico do Ministério da Saúde, as vacinas são destinadas à continuidade da vacinação dos idosos, ampliando a cobertura para os potiguares entre 65 e 69 anos, e para iniciar a imunização dos membros das forças de segurança, além de garantir a segunda dose para trabalhadores da saúde e idosos acima dos 70 anos.

A orientação ministerial é de que sejam priorizados, entre as forças de segurança, os trabalhadores da segurança que estejam envolvidos no atendimento e/ou transporte de pacientes, em resgates e atendimento pré-hospitalar, nas ações de vacinação contra a Covid-19 e no monitoramento das medidas de distanciamento social.

O Governo do Estado inicia a distribuição das doses aos municípios na sexta-feira (2).

*BG

Postado em 1 de abril de 2021 - 18:51h

0 comentário

Bombeiros encontram corpo de menino de 6 anos que desapareceu em rio na Grande Natal

Marcos Guilherme da Mata Nascimento tinha 6 anos de idade e morreu afogado no Rio Pium, em Natal — Foto: Arquivo pessoal

Marcos Guilherme da Mata Nascimento tinha 6 anos de idade e morreu afogado no Rio Pium, em Natal — Foto: Arquivo pessoal

Bombeiros encontraram no início da tarde desta quinta-feira (1) o corpo de um menino de 6 anos de idade que havia desaparecido às margens do Rio Pium, no município de Parnamirim, na Grande Natal.

Marcos Guilherme da Mata Nascimento desapareceu na terça-feira (30). O Corpo de Bombeiros iniciou as buscas pela criança no mesmo dia, mas não teve êxito, e retornou às atividades na quarta e nesta quinta pela manhã. O corpo foi encontrado por volta das 13h40.

Rio Pium: Corpo de Marcos Guilherme foi encontrado neste trecho — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

Rio Pium: Corpo de Marcos Guilherme foi encontrado neste trecho — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

“Terça e quarta-feira foram buscas submersas com mergulhadores. E hoje (quinta) as buscas se iniciaram com observação nas margens e adentrando o rio com embarcação de alumínio, fazendo uma limpeza de todos os galhos e folhas que tinham por aproximadamente 100 metros, que bloqueavam a passagem do rio”, explicou o major Roberto Oliveira, do Grupamento de Busca e Salvamento, que comandou a operação.

“Nós deduzimos que o corpo dele estava nesse local. Após a limpeza desse trecho, no meio do mato, nós constatamos a presença do corpo”.

Bombeiros fizeram uso de barco de alumínio para adentrar mata no Rio Pium — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Bombeiros fizeram uso de barco de alumínio para adentrar mata no Rio Pium — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

A mãe, Michele Almeida da Mata, reconheceu o corpo pelas roupas: uma camisa cinza e um calção azul. Ela disse que não teve coragem de olhar para o rosto do filho. Ele era o caçula de três filhos.

Mãe mostra a foto do filho Marcos Guilherme, quando ele tinha 2 anos de idade — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

Mãe mostra a foto do filho Marcos Guilherme, quando ele tinha 2 anos de idade — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

Na própria terça-feira, momentos depois do desaparecimento, familiares encontraram as sandálias do jovem à beira do rio, o que aumentou as suspeitas de que ele poderia ter entrado na água. A criança não sabia nadar.

A comunidade também chegou a fazer buscas por conta própria e protestou para chamar a atenção das autoridades pelo desaparecimento da criança.

Para o resgate, os bombeiros fizeram as buscas na água, e também utilizaram a tecnologia RPAS – que faz uso de drones – para monitorar o perímetro do rio, a fim de coordenar melhor as ações.

Bombeiros fizeram buscas e encontraram corpo de menino de 6 anos em rio na Grande Natal

Bombeiros fizeram buscas e encontraram corpo de menino de 6 anos em rio na Grande Natal

“O corpo dele foi acionado (na ocorrência) por um possível afogamento. Então nós partimos para a premissa de que houve afogamento e iniciamos a busca no sentido de achar o corpo”, disse o major Roberto Oliveira.

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) vai fazer a autópsia do corpo para confirmar a causa da morte. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Criança despareceu no rio Pium, na Grande Natal — Foto: Kléber Teixeira/Inter TV Cabugi

Criança despareceu no rio Pium, na Grande Natal — Foto: Kléber Teixeira/Inter TV Cabugi

*G1 RN

Postado em 1 de abril de 2021 - 18:38h

0 comentário

Estados elevam ICMS do diesel pela segunda vez após isenção de impostos federais

Pela segunda vez após a isenção de impostos federais sobre o preço do óleo diesel, estados elevarão a partir desta quinta (1) o preço de referência para a cobrança de ICMS sobre o combustível. Desta vez, a alta ocorrerá em 19 estados e no Distrito Federal.

A elevação ocorre em um momento de queda do preço nas refinarias. Segundo os governos estaduais, reflete o aumento no preço médio em nas bombas relação à primeira quinzena de março.

Como é cobrado nas refinarias, o ICMS dos combustíveis é calculado sobre um preço de referência conhecido como PMPF (preço médio ponderado ao consumidor final). Sobre esse valor, incidem alíquotas que variam entre 12% e 25%, dependendo do estado.

De acordo com o consultor Dietmar Schupp, a alta média do preço de referência será de 3,1%, tanto para o diesel S-500, vendido nas estradas, quanto para o S-10, com menor teor de enxofre e obrigatório nos centros urbanos.

Também haverá aumento nos preços de referência para o cálculo do ICMS sobre a gasolina (6,1%, em média) e do gás de botijão (3,1%), também beneficiado por isenção de impostos federais.

No caso do diesel S-500, apenas Bahia, Maranhão, Rondônia, Roraima e Santa Catarina decidiram não reajustar o preço de referência para a próxima quinzena. O Amapá e o Espírito Santo, por outro lado, reduzirão o valor, em 2,8% e 0,2%, respectivamente.

O PMPF é alterado duas vezes por mês e publicado em resolução do Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária). Os estados alegam que apenas acompanham as variações dos preços das bombas, com base em pesquisas realizadas quinzenalmente.

“O valor do preço final ao consumidor, que é a base de cálculo do ICMS, não tem qualquer relação com a vontade dos estados”, diz o Comsefaz (Comitê Nacional dos Secretários de Fazenda).

“Os preços dos combustíveis têm se elevado significativamente por causa da alteração da política de preços da Petrobras em 2018, que passou a se alinhar pela cotação do petróleo no mercado internacional, o qual tem se elevado, e ainda se extrema com a atual condição cambial.”

O comitê frisa que não houve alterações das alíquotas de ICMS, mas a variação do preço de referência pressiona o preço nas bombas, já que o consumidor passa a pagar mais centavos por litro de imposto.

Na semana passada, segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis), o litro do diesel S-500 foi vendido, em média no país, a R$ 4,269, queda de 0,1% em relação à semana anterior.

Foi a primeira redução no ano, já refletindo, ainda que parcialmente, a isenção dos impostos federais em vigor desde o primeiro dia de março e corte de 3,8% anunciado pela Petrobras há uma semana.

O preço da gasolina, que também foi reduzido nas refinarias, em 4%. Nas bombas, houve queda de 0,7%, para um preço médio de R$ 5,551 por litro. A partir desta quinta, os preços voltam a ser pressionados pela alta no PMPF em 20 estados e no Distrito Federal.

No caso da gasolina comum, apenas Bahia, Maranhão, Paraná, Rondônia e Roraima decidiram por não elevar o preço de referência para a cobrança do imposto.

Já o preço do gás de cozinha ficou praticamente estável em relação à semana anterior, depois de pequena queda provocada pelo repasse da isenção de impostos federais. Segundo a ANP, o botijão de 13 quilos foi vendido na semana passada por R$ 83,25, em média,

Em fevereiro, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apresentou ao Congresso projeto de lei para alterar o modelo de cobrança do ICMS sobre os combustíveis, em uma tentativa de eliminar esse efeito de pressão nos momentos de alta.

A ideia é que o imposto passe a ser calculado em reais por litro e não mais como um percentual sobre o preço final. A medida, defendida pelo setor de combustíveis, evitaria que o imposto subisse ainda mais em momentos de escalada de preços.

Os estados têm resistência à mudança e dizem que o tema deve ser discutido no âmbito da reforma tributária. Nesta terla (30), o governo decidiu tirar a urgência da tramitação do projeto de lei.

Pela manhã, os estados reunidos no Comsefaz haviam enviado carta ao presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL) pedindo a retirada do projeto da pauta, alegando que a mudança tem impacto nas finanças estaduais e no aumento de carga tributária.

A principal crítica é sobre a proposta de unificar as alíquotas nos estados, cujo resultado, segundo o texto, “é ocasionar, impreterivelmente, aumento de carga tributária para parte do país e consequentemente, pressionar a elevação do preço do varejo”.

*Folha de São Paulo

Postado em 1 de abril de 2021 - 14:12h

0 comentário

Governo não segue recomendação do comitê científico de prorrogar medidas restritivas por 10 dias no RN

O Governo do Rio Grande do Norte decidiu não seguir a recomendação do Comitê Científico Estadual de prorrogar por mais 10 dias as medidas restritivas que estão em vigor. A governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou que vai autorizar a retomada gradual dos serviços não essenciais a partir da próxima segunda-feira (5).

Na recomendação, o comitê cita que os óbitos ainda se encontram em uma tendência de alta no estado e que, apesar da abertura de novos leitos, a taxa de ocupação segue acima dos 97%.

Em entrevista coletiva nesta quinta (1º) a governadora Fátima Bezerra disse que o “desejável” era atender à recomendação do comitê. “Vou ser muito franca. O desejável era nós mantermos essas medidas restritivas em curso por mais alguns dias, como sugeriu o comitê científico e, inclusive, como defende também os ministérios públicos do nosso estado. Mas, diante da realidade que é olhar a vida como ela é, que é morar num país com 14 milhões de desempregados, que é viver num país onde infelizmente o governo a nível nacional não tem cumprido seu papel de proteção social às famílias mais vulneráveis e chegar junto no auxílio às empresas, porque geram emprego, nós decidimos pela flexibilização”, disse.

O mês de março é o mês com o maior número de mortes registradas por Covid-19 no RN desde o início da pandemia. Além disso, ao menos 172 pessoas com Covid-19 ou suspeita morreram na fila por um leito de UTI em março no estado.

O atual decreto segue em vigor até esta sexta-feira (2). Ele permite apenas o funcionamento de atividades consideradas essenciais e suspende as aulas presenciais nas escolas. Nesta quarta (31), o governo anunciou a prorrogação deste decreto por mais dois dias, ou seja, até o próximo domingo (4).Mortes e casos de Covid nas cidades do Rio Grande do Norte

A partir de segunda, segundo o governo, o novo decreto libera a abertura gradual do comércio, libera aulas presenciais para determinadas séries e flexibiliza o funcionamento de igrejas e academias, dentre outras coisas.

O Comitê de Especialistas para o Enfrentamento da Pandemia pela Covid-19 no RN é composto por 14 profissionais como médicos, pesquisadores e servidores da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap). Dentre eles estão o titular da Sesap, Cipriano Maia; o diretor do Hospital Giselda Trigueiro, André Prudente; o coordenador do Lais, Ricardo Valentim; e as pesquisadoras Janeusa Souto e Marise Reis.

Novas regras a partir de segunda (5)

  • O toque de recolher volta a ser posto em prática de segunda a sábado das 20h às 06h do dia seguinte, e em tempo integral nos domingos e feriados.
  • Fica proibida a venda de bebidas alcoólicas para consumo em ambientes público e coletivo, inclusive restaurantes, lojas de conveniência, praça de alimentação e similares.
  • Comércio poderá funcionar, limitada a frequência de pessoas a 50% da capacidade do espaço do estabelecimento ou ao limite máximo de uma pessoa por cada cinco metros quadrados, o que for menor.
  • O horário de funcionamento do comércio será alternado, conforme proposta das federações empresariais.
  • Ficam liberadas as aulas presenciais nas escolas até a 5ª série do ensino fundamental, conforme escolha dos gestores e pais ou responsáveis. As demais séries somente poderão ter aulas pelo sistema remoto.
  • O decreto também deve flexibilizar o funcionamento de igrejas e academias. Ambas só podem funcionar das 6h às 20h.
  • As celebrações religiosas podem ser realizadas em ambientes coletivos, desde que a ocupação não seja superior a 20% da capacidade, respeitando sempre o limite de uma pessoa por cinco metros quadrados.
  • As academias voltadas para atividades físicas devem observar o limite de 50% da capacidade de suas instalações, ficando sujeitas também à regra da ocupação de espaço dos cinco metros quadrados, e não poderão funcionar nos domingos e feriados enquanto o toque de recolher estiver em vigor.
Governo vai autorizar retomada gradual do comércio a partir de segunda (5) — Foto: Pedro Vitorino/Cedida

Governo vai autorizar retomada gradual do comércio a partir de segunda (5) — Foto: Pedro Vitorino/Cedida

*G1 RN

Postado em 1 de abril de 2021 - 12:53h

0 comentário

Governo autoriza reajuste dos preços de medicamentos em até 10%

A Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) aprovou o reajuste de preços dos remédios a partir desta quinta-feira, 1º de abril. A resolução está publicada em edição extra do Diário Oficial da União que circula nesta noite. Segundo o texto, o ajuste máximo de preços permitido chega a 10,08%. A resolução traz três porcentuais máximos, de acordo com a classe terapêutica dos medicamentos: 10,08% (nível 1); 8,44% (nível 2); 6,79% (nível 3).

No último dia 15, a CMED já tinha definido em 4,88% o Fator de Ajuste de Preços Relativos entre Setores, denominado Fator Y, que é um dos itens considerados para se chegar ao índice de ajuste dos preços ao consumidor. Além disso, são levados também em conta a inflação acumulada em 12 meses, o fator de produtividade repassado ao consumidor (Fator X), já fixado em 3,29%.

As empresas produtoras deverão dar ampla publicidade aos preços de seus medicamentos, por meio de publicações em mídias especializadas de grande circulação. Esse preços não poderão ser superior aos preços publicados pela CMED no Portal da Anvisa.

*Estadão

Postado em 1 de abril de 2021 - 8:51h

0 comentário

Governo anuncia novo decreto e permite funcionamento de escolas, igrejas e comércio a partir da próxima segunda (5) no RN; veja regras

O Governo do Rio Grande do Norte anunciou que vai editar um novo decreto sobre a prevenção à Covid-19 e liberar funcionamento de igrejas, comércios e escolas a partir da próxima segunda-feira (5), desde que seguidas normas específicas. O toque de recolher das 20h às 6h nos dias de semana e de 24 horas nos domingos e feriados também deve voltar a ser instituído nos dias de semana. O texto ainda não foi publicado oficialmente.

O prazo de vigência do atual decreto, que só permite o funcionamento dos serviços essenciais, foi prorrogado por mais dois dias, até o próximo domingo (4). O novo decreto terá validade até 16 de abril, segundo o governo.

Os detalhes do novo decreto foram definidos nesta quarta-feira (30) em reunião do governo do estado com os Ministérios Públicos Federal, Estadual e do Trabalho; a diretoria da Federação dos Municípios e presidentes de associações municipais.

Novas regras

  • O toque de recolher volta a ser posto em prática de segunda a sábado das 20h às 06h do dia seguinte, e em tempo integral nos domingos e feriados.
  • Fica proibida a venda de bebidas alcoólicas para consumo em ambientes público e coletivo, inclusive restaurantes, lojas de conveniência, praça de alimentação e similares.
  • Comércio poderá funcionar, limitada a frequência de pessoas a 50% da capacidade do espaço do estabelecimento ou ao limite máximo de uma pessoa por cada cinco metros quadrados, o que for menor.
  • O horário de funcionamento do comércio será alternado, conforme proposta das federações empresariais.
  • Ficam liberadas as aulas presenciais nas escolas até a 5ª série do ensino fundamental, conforme escolha dos gestores e pais ou responsáveis. As demais séries somente poderão ter aulas pelo sistema remoto.
  • O decreto também deve flexibilizar o funcionamento de igrejas e academias. Ambas só podem funcionar das 6h às 20h.
  • As celebrações religiosas podem ser realizadas em ambientes coletivos, desde que a ocupação não seja superior a 20% da capacidade, respeitando sempre o limite de uma pessoa por cinco metros quadrados.
  • As academias voltadas para atividades físicas devem observar o limite de 50% da capacidade de suas instalações, ficando sujeitas também à regra da ocupação de espaço dos cinco metros quadrados, e não poderão funcionar nos domingos e feriados enquanto o toque de recolher estiver em vigor.

“Faço um apelo aos prefeitos e prefeitas, ao setor empresarial e, lógico, à própria população, para que nos ajudem no cumprimento dos protocolos sanitários. Com união e a solidariedade de todos, vamos atravessar esse momento mais doloroso. É fato que estamos reduzindo o número de casos e diminuindo o pedido por leitos em decorrência do êxito dos decretos anteriores, mas o atual cenário ainda inspira muitos cuidados e devemos ficar em alerta”, disse a governadora Fátima Bezerra (PT).

*G1 RN

Postado em 1 de abril de 2021 - 8:16h

0 comentário

Governadora do RN confirma chegada de quase 150 mil doses de vacina na quinta-feira (1º)

Vacina CoronaVac doses frascos Natal RN Covid-19  — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Vacina CoronaVac doses frascos Natal RN Covid-19 — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), confirmou que uma nova carga de vacinas contra Covid-19 chegará ao estado nesta quinta-feira (1º). São 149.050 doses, sendo 136.800 da CoronaVac e 12.250 da Oxford/AstraZeneca. É o maior lote recebido pelo RN, segundo publicou a governadora em uma rede social.

Fátima afirmou que esta remessa vai atender a segunda dose dos trabalhadores de saúde e das pessoas de 74 a 70 anos, a primeira dose da população de 69 a 65 anos, além das forças de segurança e salvamento e forças armadas, como inserido no Plano Nacional de Imunização nesta quarta-feira (31).

Segundo dados do governo, desde o início da pandemia, 45 agentes integrantes das forças de segurança pública estadual foram ceifados pela Covid-19, sendo 15 da ativa e 30 aposentados ou da reserva.

De acordo com a plataforma RN+Vacina, o estado recebeu até esta quarta-feira 536.640 doses de vacina, sendo 435.240 da CoronaVac e 101.400 da Oxford/AstraZeneca. O levantamento aponta que 298.815 pessoas foram vacinadas até o momento.

*G1 RN

Postado em 31 de março de 2021 - 21:39h

0 comentário

Família improvisa e leva idoso em carrinho de mão até drive-thru para vacinar

Foto: reprodução/redes sociais

Um idoso surpreendeu a equipe médica de Nova Lima, na Grande BH, ao ser transportado em um carrinho de mão em um drive-thru para receber a vacina contra a covid-19, nesta terça-feira (30).

De acordo com a prefeitura, o homem teria dificuldades de locomoção e, por isso, a equipe de Saúde agendou a vacinação em domicílio, que seria realizada na terça. Por algum motivo, a família do idoso decidiu se adiantar e levou o homem até o posto de imunização no equipamento utilizado em obras.

Aos funcionários, o homem relatou que não tinha veículo próprio e, por isso, precisou improvisar.

A Prefeitura de Nova Lima informou que está indo à casa de todos os moradores que fazem parte do grupo prioritário e que, por algum motivo, não podem se dirigir aos pontos de aplicação da vacina. Mais de 2.100 doses já teriam sido aplicadas dessa forma. A reportagem tenta contato com a família do idoso.

*R7

Postado em 31 de março de 2021 - 21:36h

0 comentário

“Porque o Brasil distribuiu 34 milhões de doses de vacinas e só temos 18 milhões aplicadas?”, quetiona Lira

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), cobrou nesta quarta-feira (31) que estados e municípios tenham mais agilidade na vacinação e na divulgação do número de doses aplicadas das vacinas contra a Covid-19.

Segundo Lira, atualmente há um grande distanciamento entre o total de doses distribuídas pelo Ministério da Saúde e o número efetivo de imunizantes aplicados na população, o que pode impactar tanto nas medidas tomadas pelo governo federal quanto na compreensão pela população do “nível de vacinação em que o Brasil se encontra”.

“Temos que prestar atenção em um dado, principalmente a imprensa: porque o Brasil distribuiu 34 milhões de doses de vacinas e só temos 18 milhões aplicadas?”, questionou, em entrevista coletiva após reunião do Comitê de Coordenação Nacional para Enfrentamento da Pandemia da Covid-19.

“Não acredito e não acho que seja possível que nenhum governador e prefeito não esteja vacinando, mas estamos com um déficit de quase 14 milhões de vacinas nos gráficos oficiais e isso impacta percentualmente e absolutamente na informação dada aos brasileiros”, disse.

*Com informações de CNN Brasil

Postado em 31 de março de 2021 - 21:25h

0 comentário