O Comunicador

Policial penal assassinado em Nova Cruz tinha 42 e estava na função desde 2010

Foto: reprodução

Um crime praticado com frieza e com requintes de crueldade! Foi assim que um policial penal interpretou o assassinato do colega ocorrido no final da noite deste sábado na cidade de Nova Cruz. Vendo as cenas é possível entender que a vítima não teve chance de reação, a arma foi tomada da cintura e com a mesma pistola foi executado.

VEJA MAIS: VÍDEO: Presidente licenciada do Sindicato dos Policiais Penais afirma que homem que matou agente é presidiário e teria rompido a tornozeleira

VEJA TAMBÉM: [VÍDEO] IMAGENS FORTES: Policial penal é assassinado em bar na cidade de Nova Cruz

Testemunhas afirmaram que o assassino se aproximou da vítima pedindo um cigarro e em seguida agiu. Um detalhe que o vídeo mostra é o momento que o executor se afasta e volta em seguida, ele saca uma faca e desfere vários golpes contra o policial. Policiais militares, penais e civis realizam buscas em toda a região na tentativa de prender o criminoso. Josinaldo dos Santos Queiroz trabalhava na instituição desde 2010 e tinha 42 anos.

*Portal BO

Postado em 3 de julho de 2022 - 10:52h

0 comentário