O Comunicador

Pai denuncia falta de medicamento para a filha na Unicat, é expulso por segurança e desabafa: “É assim que o Estado trata o pai de família que luta pela saúde da filha”

Ricardo Bernardes de Oliveira, pai de uma garota de 8 anos, que faz tratamento com um medicamento de alto custo relatou ter sido expulso por um segurança do prédio da Unicat (Unidade Central de Agentes Terapêuticos) após gravar um vídeo denunciando a falta do remédio. O caso dele não é o único. São muitos os relatos diários de pessoas que não têm conseguido receber a medicação que precisa.

“Não tem previsão de quando vai chegar o medicamento e hoje fui expulso por um segurança do prédio da Unicat. Isso me deixa revoltado. É assim que o Estado está tratando o pai de família que luta pela saúde da filha”, disse Ricardo ao blog.

No vídeo ele também conta que além do medicamento da filha que está em falta há 1 mês, existem outros remédios que estão em falta há três anos. “Niguém dá uma resposta, isso é revoltante, não sei o que é que faço, não tem em canto nenhum para comprar”. Enquanto Ricardo fazia a denúncia através do vídeo ele é abordado por uma pessoa informando que não era permitido gravar ali sem autorização.

*BG

Postado em 5 de outubro de 2021 - 21:43h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *