O Comunicador

Cavalo da equipe suíça é sacrificado após romper ligamento durante prova das olimpíadas

O cavalo Jet Set, que competia com o cavaleiro suíço Robin Godel nos Jogos Olímpicos de Tóquiofoi sacrificado neste domingo (1º), após romper o ligamento durante uma prova de hipismo cross-country. A informação foi compartilhada pelo Comitê Olímpico Suíço.

O animal de 14 anos rompeu um ligamento da perna dianteira direita, ao aterrissar de um salto no último obstáculo aquático da prova. A gravidade do acidente o deixou manco.

“Devido à gravidade da lesão e à dor que tinha, o cavalo teve de ser sacrificado pouco tempo depois”, disse a nota oficial do Comitê.

DESPEDIDA

O cavaleiro Robin Godel, que não se lesionou no acidente, deixou uma mensagem de despedida a Jet nas redes sociais. 

“Em um galope a poucos saltos da chegada, a lesão nos obrigou a deixá-lo ir. Jet era um cavalo extraordinário e mais uma vez estava fazendo uma volta magnífica. Ele partiu para fazer o que mais gosta: galopar e voar sobre os obstáculos”, afirmou Godel. 

A equipe suíça anunciou que, “apesar do trágico acidente, decidiu-se participar da competição final de salto”, nessta segunda-feira (2). A amazona substituta, Eveline Bodenmüller, montará Violaine de la Brasserie.

*Diário do Nordeste

Postado em 1 de agosto de 2021 - 21:31h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *