O Comunicador

Órgãos fazem perícia e investigam queda de estrutura que deixou vítimas em construção de fábrica na Grande Natal

Teto de galpão desabou e deixou um morto e nove feridos em São Gonçalo do Amarante — Foto: Neto Pires

Teto de galpão desabou e deixou um morto e nove feridos em São Gonçalo do Amarante — Foto: Neto Pires

O Instituto Técnico-Científico de Perícia vai fazer uma perícia para buscar descobrir o que causou a queda da estrutura metálica do teto de uma fábrica de móveis em construção em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal.

O acidente, que aconteceu na quarta-feira (21), matou uma pessoa e deixou pelo menos outras nove feridas. Seis vítimas foram socorridas ao Hospital Walfredo Gurgel, em Natal, e três delas precisaram passar por cirurgia.

Os peritos fizeram uma analise inicial ainda na quarta-feira (21) e marcaram uma reunião para esta quinta (22) para elaborar a estratégia para iniciar o trabalho. De acordo com o órgão, ainda não é possível dizer o que teria motivado a queda da estrutura, que faria parte do teto da fábrica.

Nesta quinta-feira (22) o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) também enviou um fiscal ao local para verificar quem é o engenheiro responsável pela obra e se ela estava regularizada. De acordo com o órgão, novos passos serão tomados somente após essa primeira análise.

Segundo a prefeitura de São Gonçalo do Amarante, a obra estava legalizada no município e recebeu licença para instalação no município.

Em nota, a empresa Madetex – responsável pela fábrica – se solidarizou com as vítimas do acidente no canteiro de obra, disse que presta suporte aos vitimados e que vai cooperar com as autoridades.

“A causa do acidente segue sob investigação dos órgãos competentes e também será objeto de estudo técnico solicitado pela empresa, mas decorreu do desprendimento da estrutura metálica de apoio à cobertura do galpão, cuja atribuição de execução era de responsabilidade de uma empresa terceirizada”, informou em nota.

estrutura metálica do teto desabou, durante construção em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. — Foto: CBM/Cedida

Estrutura metálica do teto desabou, durante construção em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. — Foto: CBM/Cedida

O acidente

A estrutura metálica do telhado de um galpão, onde estava sendo construído uma fábrica de móveis, desmoronou no início da tarde e atingiu os trabalhadores.

O caso aconteceu na Rua Ex-combatente Miguel Lúcio do Nascimento,

localizada na comunidade de Uruaçu, em São Gonçalo do Amarante.

A vítima fatal foi identificada como Genildo Batista, de 48 anos, que morava na comunidade de Jacaraú. Segundo a família, esse era o terceiro dia de trabalho de Genildo na obra.

“Hoje era terceiro dia hoje, ele começou na segunda-feira. Hoje em dia com todo mundo desempregado, então ele estava bem contente”, contou o pai de criação Natanel de Souza Batista, na quarta (22).

*G1 RN

Postado em 22 de julho de 2021 - 14:20h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *