O Comunicador

Cerro Corá: Morre o radialista Assis Silva

Em tratamento de câncer, acaba de falecer em Natal, “Assizinho do Tupã”, como era conhecido Francisco de Assis Silva. Radialista na Rádio Liberdade FM, abraçou um “robby” e uma paixão que tinha desde a adolescência nos anos 70 em Cerro Corá.

Filho de agricultor, Assizinho ficou conhecido por ser um dos pioneiros em criação de rádio “pirata”, assim chamada a emissora que não tinha autorização do governo federal para funcionar. 

“Assizinho” residia na Fazenda Tupã, na época ainda a qual pertencia ao minerador Sérvulo Pereira, quando fez um curso técnico de eletrônica por correspondência e em fascículos pelo Instituto Universal Brasileiro (IUB). A partir desses conhecimentos fabricou artesanalmente um transmissor e antena, criando uma rádio AM com alcance na Serra de Santana e até Bodó. 

A rádio durou pouco tempo, pois sabedor de que não podia funcionar regularmente sem autorização do então Departamento Nacional de Telecomunicações (Dentel), o próprio “Assizinho” tratou de lacrar toda a aparelhagem. 

“A rádio fez tanto sucesso que o então Secretário de Segurança Pública,  coronel Rubens Pereira, conseguiu um emprego pra ele na Secretaria de Segurança, onde ele atuou por algum tempo como operador de rádio amador”, relembrou a servidora pública municipal, Ana Priscila, sobrinha dele e filha de sua irmã, Francisquinha Silva, viúva do saudoso Juarez Amaro. 

“Assizinho” tinha 66 anos, deixa cinco filhos. Antes de adoecer, Ele vinha apresentado, na Rádio Liberdade FM,  os programas matinais Alvorada Sertaneja e Manhã na Liberdade.

*Texto: cerrocoranews

Postado em 10 de junho de 2021 - 22:46h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *