O Comunicador

Cerro Corá: Rodolfo Guedes para ex-prefeito: “Quanto mais fala de mim, mais eu fico famoso”


Vereador Rodolfo Rodrigues reclama, na tribuna da Câmara, de postura política de ex-prefeito “Novinho”

As relações políticas entre o presidente da Câmara Municipal de Cerro Corá, vereador Rodolfo Guedes (Republicanos) e o ex-prefeito Raimundo Marcelino Borges, o “Novinho” chegaram a um nível de animosidade, depois que a Casa reprovou a prestação de contas do ex-gestor referente a 2009. “Parabéns, quanto mais o senhor fala de mim, mais eu fico famoso”, disse o vereador, na sessão plenária da noite de  24, do legislativo municipal.
O vereador Rodolfo Guedes pediu ao ex-prefeito que “prestasse atenção no que anda falado”, ao relatar da tribuna, que o ex-prefeito inconformado com o resultado da votação na Câmara, ocorrido em 17 de julho, “fez uma live só pra falar de mim”.
Guedes afirmou que não queria tratar do assunto, mas reclamou porque o ex-prefeito “Novinho” foi a sua fábrica de facções falar com ele sobre uma questão, mas ao invés disso, teria ido vistoriar “quem trabalha ou não trabalha” em sua empresa. “Pegou pesado em falar de uma funcionária nossa, Vera Oliveira, irmã do secretário Adevaldo Oliveira e cunhada da prefeita, jogando pra população como se fosse arrumado político e contratado ela porque tenho arrumado com a prefeita”, disse o vereador.
Para rebater o uso de seu negócio privado para fins políticos, Rodolfo Guedes citou que tem três parentes do ex-prefeito trabalhado na facção, depois de explicar que a cunhada da prefeita Graça Oliveira (PSD), a quem faz oposição, trabalha na fábrica desde 07 de novembro de 2016, quando nem pensava em sair candidato a vereador.
Segundo o vereador, Vera Oliveira é uma “profissional excelente, faz a alegria de todo mundo e faz o seu trabalho bem feito”, citando, inclusive, um filho dela é pré-candidato a vereador nas eleições municipais deste ano: “Não é por isso que vou demitir se ela faz o trabalho correto”.
Guedes afirmou que não vive só da política, mas “tem pessos que vive só da política, toma café, almoça e janta e quer usar isso como pretexto para demitir ou contratar alguém, infelizmente não sou dessa qualidade”.
O vereador citou que o ex-prefeito     “tem uma neta de consideração que trabalha com a gente desde 1º de agosto de 2013. “Nessa época o senhor era prefeito, o que eu pedi paa pedir a você pra botar sua neta de consideração lá”.
Também foi informado por Guedes, que duas sobrinhas do ex-prefeito trabalha na facção, contratadas em 1º de abril de 2013 e 11 de setembro de 2019. “Agora explique o que pedi pra que elas estivessem trabalhando lá”, cobrou o vereador.

*cerrocoranews

Postado em 1 de agosto de 2020 - 6:57h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *