O Comunicador

Cerro Corá: Vereador “Erinho” sinaliza votar por reprovação de contas de “Novinho”


Erivanaldo Albuquerque considera grave falhas na prestação de contas de ex-prefeito



Em “live” no Facebook na noite desta quarta-feira (15), o vereador Erivanaldo Albuquerque (Republicanos) sinalizou que pode votar contra a aprovação da prestação de contas anuais de 2009, segundo ano do mandato do então prefeito Raimundo Marcelino Borges, acompanhando recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que emitiu parecer prévio por sua reprovação.


O vereador “Erinho”, como é conhecido em Cerro Corá, disse durante a votação das contas do ex-prefeito “Novinho”, na noite desta sexta-feira (17), a população cerrocoraense poderá avaliar o posicionamento de cada vereador. “A gente está falando de algo muito importante e que hoje o povo tem oportunidade (inclusive nas redes sociais) de acompanhar o papel do vereador e a aplicação dos recursos dos municípios”, declarou.


“Erinho” deixou transparecer que, politicamente, a situação do ex-prefeito é muito difícil de explicar, vez que em quatro anos do primeiro mandato, as prestações de contas não passaram pelo crivo do corpo técnico do TCE. Para esclarecer “de forma que a população entenda”, o vereador citou que somente as contas de 2009 foram questionadas em seis pontos, o principal deles com relação ao descumprimento legal de gastos com pessoal, limitado a 54%, segundo a regra constitucional, o que o edil considerou “mais importante e lamentável”.


Também foram citados por “Erinho” os descumprimentos de apuração de déficits financeiros, divergências de valores da dívida ativa, fundada e inconsistência de saldos patrimoniais. “O que me chama atenção é 2011, que tem uma situação mais grave, é que o investimento em educação não teve o mínimo, que é 25%, mas só teve 20%”, disse ele, para declarar que isso foram recursos que deixara de ser investidos na formação dos jovens: “Isso me deixa indignado e está comprovado que faltou investimento do ex-prefeito ‘Novinho”.

*cerrocoranews

Postado em 15 de julho de 2020 - 20:52h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *