O Comunicador

Homem arremessa mulher do 9º andar de prédio em Niterói e depois se mata

Vizinhos presenciaram a briga e viram o momento em que o marido jogou a esposa pela sacada

Uma mulher de 52 anos morreu depois de ser jogada da varanda do 9° andar de um prédio de luxo em Icaraí, área nobre do município de Niterói, no Rio de Janeiro. Ela foi arremessada pelo marido, que se jogou logo depois. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios (DHPP) de Niterói e São Gonçalo, que apura as circunstâncias do ocorrido. Até o momento, a principal linha de investigação é de feminicídio seguido de suicídio.

De acordo com o relato de vizinhos à equipe do SBT, o casal discutia fervorosamente na sacada do imóvel. “Eu estava na janela do meu quarto quando comecei a ouvir um grito de mulher. Eles começaram a brigar na varanda do apartamento, que fica na frente do meu”, explica uma das testemunhas. Na sequência, a discussão se estendeu para a sala. “Ele começou a bater muito nela, ela já parecia estar desmaiada. Ele subiu em cima dela e continuou batendo”. 

Ainda segundo a testemunha, o homem teria levado a esposa, já desmaiada, de volta para a sacada do apartamento. Neste momento, os vizinhos começaram a gritar por socorro e o chamavam de covarde. “Ele, automaticamente, pegou um objeto que a gente não sabe o que é, quebrou o vidro da varanda e continuou batendo”. Em seguida, jogou o corpo da vítima e, posteriormente, pulou do imóvel. 

No local, os policiais encontraram os corpos sobre o telhado de um estabelecimento comercial. As equipes aguardam o resultado dos exames de necropsia com as causas das mortes. 



No local, os policiais encontraram os corpos sobre o telhado de um estabelecimento comercial. As equipes aguardam o resultado dos exames de necropsia com as causas das mortes. 

*SBT

Postado em 26 de junho de 2020 - 14:47h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *