O Comunicador

Cerro Corá: Ouvinte provoca Rodolfo Guedes sobre rompimento com ex-prefeito

Os ouvintes do radialista cerrocoraense Maninho Oliveira, que na manhã de todo domingo comanda programa na rádio Serrana FM de Lagoa Nova, também enviam perguntas para os entrevistados. Um deles perguntou sobre o motivo do rompimento político do vereador Rodolfo Guedes em relação ao grupo político de oposição, que recebe a orientação do ex-prefeito Raimundo Marcelino Borges.  “Às vezes temos que fazer algumas escolhas e optar, desde que o ex-prefeito João Batista de Melo Filho declarou que poderia ser candidato a prefeito, a gente internamente já imaginava que ia ter de ter uma decisão em seguir com um ou com outro”.

Segundo Guedes, no seu entendimento o melhor gestor foi João Batista, que mesmo não sendo candidato a prefeito “está ajudando”, como ele também diz acreditar que Maciel Freire, agora, “tem mais força de vontade, capacidade de fazer mais pelo nosso povo”.

Para ele, isto vem sendo provado por Maciel Freire  como vereador, pois “se analisar o primeiro mandato de vereador do ex-prefeito ‘Novinho’ ou da prefeita Graça Oliveira e o primeiro mandato de vereador de Maciel Freire, ele tem feito muito mais do que eles dois”.

Então, prosseguiu Guedes, essa é uma análise pessoal, “mas não tem raiva” do ex-prefeito Raimundo Marcelino Borges, pelo contrário, é amigo dele é continua sendo, porém, politicamente, “a gente tem que tomar decisões e vamos seguir em frente com Maciel Freire”.

Rodolfo Guedes deixou de mencionar que presidia o PSDB até o ano passando, quando sem qualquer aviso ou chamamento para um diálogo político, foi surpreendido com a sua destituição do cargo pela direção estadual do PSDB, que filiou “Novinho” e lhe entregou a presidência do partido em Cerro Corá.

*cerrocoranews

Postado em 1 de março de 2020 - 16:37h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *