O Comunicador

Homem rouba mais de mil calcinhas e é preso usando uma delas

As mil calcinhas e os 45 sutiãs foram encontrados em vários locais do quarto dele: dentro do colchão, debaixo da cama e no guarda-roupa. Foto: Polícia Militar/Divulgação

Um homem de 41 anos foi preso na cidade de Turmalina, no interior de Minas Gerais, com 1.045 calcinhas e sutiã roubados. As peças íntimas estavam escondidas em um quarto da casa do suspeito, que usava uma das calcinhas no momento da prisão. Segundo a Polícia Militar, é a segunda vez que “Zé das Calcinhas”, como ele é conhecido, é preso pelo mesmo crime. A primeira vez foi em 2015.

As mil calcinhas e os 45 sutiãs foram encontrados em vários locais do cômodo: dentro do colchão, debaixo da cama e no guarda-roupa. As roupas eram furtadas de varais, cercas e até de lojas. Pela quantidade de peças, é possível acreditar que uma boa parte das 8.880 mulheres do município já foram vítimas do suspeito.

A Polícia Militar informou que a corporação já recebeu diversas reclamações de mulheres relataram furtos de peças íntimas, mas que muitas não registram boletim de ocorrência por medo ou vergonha. Desde 2010, são 11 boletins de ocorrência contra o suspeito.Em 2015, os furtos de 301 peças íntimas aconteceram em Capelinha, cidade vizinha a Turmalina.

*OP9

Postado em 13 de novembro de 2019 - 15:43h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *