O Comunicador

Gilmar Mendes propõe soltar Lula até julgamento de habeas corpus

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, manifestou o pedido de que o ex-presidente Lula aguarde em liberdade até o julgamento do seu habeas corpus, o qual seria julgado hoje, mas foi adiado para o mês de agosto.

Na Segunda Turma, ele informou que havia pedido o adiamento do habeas corpus, previsto para hoje, mas deu razão à defesa de Lula, que alega alongamento da prisão, decretada após a segunda instância.

“Diante das razões que eu expus, e do congestionamento da pauta, havia indicado o adiamento. Tem razão o nobre advogado quando alega o alongamento desse período de prisão diante da sentença e condenação confirmada em segundo grau. Como temos toda a ordem de trabalho organizada, o que eu proponho é de fato conceder uma medida para que o paciente aguardasse em liberdade a nossa deliberação completa. Encaminharia nesse sentido, se o colegiado assim entendesse.”

*O Antagonista

Postado em 25 de junho de 2019 - 15:36h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *