O Comunicador

Catador é morto, tem corpo queimado e enterrado em lixão no município de Lagoa D’Anta, RN

Um catador de lixo foi morto, teve o corpo queimado e depois foi enterrado em um lixão no município de Lagoa D’Anta, na região Agreste potiguar. O cadáver, já em avançado estado de decomposição, foi encontrado na manhã desta terça-feira (22). 

Dois irmãos, segundo a PM, são suspeitos do crime. Um deles foi preso e o outro conseguiu fugir para uma região de serra.

Ainda de acordo com a PM, a vítima foi identificada como Francisco de Assis Victor, 44 anos, que estava desaparecido fazia 15 dias. 


Contudo, ainda não se sabe o que motivou o assassinato.

A PM afirmou que o homem que foi preso tem 22 anos, e também trabalha como catador. Ele teria dito na Delegacia de Nova Cruz, onde permanece detido, que foi o irmão dele quem matou o colega. Contudo, não há mais detalhes sobre o ocorrido.

*G1 RN
Postado em 23 de maio de 2018 - 15:07h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *