O Comunicador

Pais são suspeitos de estrangular bebê de dois anos no RN

Um bebê de 2 anos está internado e sendo mantido em coma induzido no Hospital Wilson Rosado, em Mossoró, no Rio Grande do Norte, após chegar à unidade com lesões no pescoço e dificuldade de respirar. O Conselho Tutelar acionou a Polícia Civil e, inicialmente, o caso foi apurado como maus tratos. A polícia já trata o caso como tentativa de homicídio.

De acordo com o agente da Polícia Civil Wilson Filho, a equipe médica desconfiou do tipo de lesão e da explicação dos pais e acionou a polícia. 


“A criança se encontra em estado muito grave, em coma induzido para evitar danos cerebrais”, explicou o agente. O menino está internado desde a última quinta-feira (28).

Os pais prestaram depoimento e, segundo o policial, negaram que tenham agredido o filho. Ainda de acordo com o agente, o relatório da equipe médica apontou maus tratos e asfixia mecânica por estrangulamento. 


O menino também apresentava sinais de desnutrição e desidratação.

“Os pais estavam escondendo a gravidade da situação. O bebê está em estado muito grave”, afirmou o agente. O caso já está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Apodi. 

*Via Barra Pesada
Postado em 2 de janeiro de 2017 - 22:13h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *