O Comunicador

Mapa da Violência: RN é quarto estado com mais assassinatos de jovens

Estudo divulgado pelo site Mapa da Violência mostra que o número de assassinatos de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos cresceu mais de cinco vezes e meia entre 1980 e 2013. Especificamente entre os jovens de 16 e 17 anos o crescimento foi ainda maior: sete vezes. 

Os resultados colocam o Brasil na terceira posição entre os países que mais matam jovens, atrás apenas do México e de El Salvador.

A região Nordeste ocupa o topo no índice por região correspondendo por mais da metade dos casos de assassinato por arma de fogo. 


O Rio Grande do Norte se destaca negativamente no ranking, ocupando o 4º lugar entre os estados do Brasil no número de homicídios de jovens entre 16 e 17 anos, com taxa de 98.1 a cada mil habitantes. 

“As regiões Nordeste e Centro-Oeste assumem especial destaque pelas elevadas taxas de homicídio que ostentam: 73,3 e 65,3 por 100 mil adolescentes, respectivamente. No Nordeste, os estados de Alagoas, Ceará e Rio Grande do Norte são os que pressionam para cima as taxas regionais. No Centro-Oeste, o Distrito Federal e Goiás”, aponta o estudo. 


De acordo com os dados, 93% dos casos de assassinato são de meninos e rapazes. Oito de cada dez deles não terminaram o ensino fundamental (e 20% eram analfabetos funcionais). A taxa de assassinatos de negros ainda é maior que a de brancos, correspondendo 66,3% no Brasil. Mesmo sendo a minoria, o RN está entre os estados onde se mata mais brancos, cerca de 32,2%. 

Em relação ao Brasil esse número corresponde a 24,2.

A divulgação dos resultados do Mapa da Violência ocorreu na véspera da provável votação na Câmara dos Deputados da emenda constitucional 171 que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos nos casos de crimes hediondos, homicídio e roubo qualificado. 


Confira o estudo no site http://www.mapadaviolencia.org.br/.
Postado em 30 de junho de 2015 - 18:20h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *