O Comunicador

Jovem é esfaqueado e queimado vivo, revela nome do acusado antes de morrer

Crime com requintes de crueldades foi registrado na noite deste sábado (04/04/2015) na cidade Cajazeiras, sertão paraibano, quando um jovem identificado por Roberto Santos Pereira, 32 anos, foi esfaqueado e queimado vivo dentro de sua casa na Rua São Sebastião no Centro daquela cidade.

Segundo informações os vizinhos ouviram os gritos e pedido de socorro bem como cheiro de fumaça quando acionaram a polícia militar e o corpo de bombeiros para averiguar a situação. 


A guarnição do Sargento Calixto rapidamente chegou ao local para atender a ocorrência do possível incêndio. Foi quando entraram na casa ouviu os gritos de socorro ao entrar na parte da cozinha se depararam com a vítima em chamas. De imediato os militares jogaram água apagando as chamas. 

A vítima mesmo com quase 100% do corpo queimado e com cerca de duas perfurações à faca ainda conseguiu falar o nome do autor do crime por nome de Henrique de Amâncio Macena de 26 anos, morador do bairro dos Remédios.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros e SAMU ainda socorreram a vítima para o Hospital Regional de Cajazeiras, que faleceu minutos depois de dar entrada naquela unidade hospitalar. 


A polícia civil através do delegado Braz Morrone estiveram no local bem como a perícia que encaminharam o corpo para a cidade de Patos para ser necropsiado. Roberto era funcionário da Madeireira Piranhense, ele morava com a mãe que está viajando. 

A polícia militar e civil realizam diligências para prender o acusado, porém até o presente sem êxito.


*Da Redação do Sertão Informado / Com Angelo Lima. Via:Blog Emilio Sena
Postado em 5 de abril de 2015 - 21:53h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *