O Comunicador

Após ter carro arrombado, Felipão faz apelo a ladrão: “Devolva documentos”

O técnico Felipão aproveitou o treino desta sexta-feira, em Porto Alegre, para fazer um apelo aos jornalistas e ao ladrão que arrombou o seu carro na tarde da última quinta-feira, em Novo Hamburgo, na Região Metropolitana de Porto Alegre. O treinador foi até a sala de imprensa do CT Luiz Carvalho e pediu que os jornalistas divulgassem o ocorrido para que o criminoso devolva seus documentos. De acordo com Scolari, a polícia local teria, inclusive, identificado um suspeito do crime.
– Espero que os gremistas me ajudem, e os colorados também. Só quero recuperar meus documentos. 

Podem entregar na delegacia, no Grêmio, nas emissoras, onde quiserem – disse o treinador, que ainda explicou como ocorreu o furto e se disse “burro” por deixar à vista os documentos. 


O técnico gremista ainda lamentou o fato de ter deixado os documentos em um local que possibilitou o roubo do criminoso.
– Burro fui eu que deixei os documentos em cima do banco – resumiu.
Apesar de fazer o apelo ao ladrão, Felipão não prometeu recompensa para quem por ventura encontrar os documentos, que podem ter sido deixados pelo assaltante depois do roubo.
– Recompensa eu não vou dar, mas Deus vai recompensar. Se não aqui, quem sabe no céu – brincou, aos risos. 

Segundo a Polícia Civil, o treinador estacionou a caminhonete em frente a uma revenda de veículos e entrou no local. Ao sair, ele percebeu que um dos vidros do carro estava quebrado. 

Os documentos de Luiz Felipe Scolari, como Carteira Nacional de Habilitação (CNH), CPF e título de eleitor, além de cartões de crédito e cheques, foram levados. Ele prestou depoimento na 1ª delegacia do município e deixou o local pouco antes de 12h30. A Polícia Civil está investigando o caso. 
Fonte: Globo Esporte
Postado em 23 de janeiro de 2015 - 17:43h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *