O Comunicador

Soldado PM reformado é assassinado ao sair de casa pra comprar picolé

O soldado da Polícia Militar da reserva Jonaldo Feitosa da Silva, de 63 anos, foi morto a tiros, na tarde deste sábado (4), na cidade de Extremoz, mais precisamente na rua Distrital Norte. Ele foi atingido por seis disparos de arma de fogo, após ser seguido por dois homens em uma motocicleta. 

 Uma sobrinha do policial, Deyse de Lourdes, disse para o Portal BO que Jonaldo recebeu uma pessoa em sua casa, no início da tarde, e os dois tiveram uma discussão. Em seguida, essa pessoa foi embora e não retornou.

No final da tarde, dois homens em uma motocicleta chegara na rua do soldado e esperaram ele sair de casa. Quando Jonaldo foi comprar um picolé os criminosos se aproximaram e atiraram seis vezes com pistola, matando a vítima no local. 

 Os familiares de Jonaldo Feitosa estão chocados com o homicídio e enfatizaram que ele não tinha inimigos, por ser uma pessoa do bem. 

Ninguém soube dizer, no entanto, se a discussão que ele teve no início da tarde pode ter tido relação com o assassinato. 
Fonte: Portal BO
Postado em 4 de outubro de 2014 - 22:38h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *