O Comunicador

Testemunhas depõem e desmentem versão dada pelo A.P. de tiro acidental

O tiro disparado pelo agente penitenciário, Urbano Dantas, que vitimou neste domingo 10) em São João do Sabugi o agricultor e marchante, conhecido como “Miúdo” pode não ter sido acidentalmente. 

 Segundo informações, a polícia investiga a possibilidade do mesmo ter apontado em direção a caminhonete em que a vítima foi atingida. Testemunhas já estão sendo ouvidas sobre o caso. 
*Informações do blog Tales Vale/Jair Sampaio
Postado em 12 de agosto de 2014 - 18:06h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *