O Comunicador

Em Natal Suspeito de provocar acidente que matou idosa presta novo depoimento

O universitário Gustavo Leite Antunes, de 22 anos, suspeito de ter provocado um acidente no cruzamento das avenidas Bernardo Vieira e Salgado Filho, matando uma idosa de 62 anos, prestou novo depoimento, nesta segunda-feira (12). Ele afirmou que tinha bebido três goles de uma cerveja long-neck, mas que viu o sinal verde, embora depois tenha visto na imprensa que o semáforo estava vermelho para ele.

Gustavo Leite dirigia uma caminhonete Pajero e colidiu na lateral de um Fiat, onde estava a idosa Maria José do Amarante Silva, de 62 anos, que acabou morrendo.

 O acidente aconteceu na madrugada do dia 3 deste mês. O motorista do Fiat, Marcos Francisco da Silva, que é genro de Maria José, ficou ferido e ainda está em recuperação.

No dia do acidente, policiais quiseram fazer teste do bafômetro em Gustavo, mas ele se negou e foi conduzido para a Delegacia de Plantão da Zona Sul, onde pagou uma fiança de R$ 25 mil e acabou sendo liberado.

Agora, ele responde em liberdade ao inquérito que transcorre na Delegacia Especializada em Acidentes Veiculares, sob o comando do delegado Sérgio Leocádio, que pretende ouvir outras pessoas nos próximos dias para poder concluir o procedimento investigativo.

 Fonte: Portal BO
Postado em 12 de maio de 2014 - 22:43h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *