O Comunicador

Ao lado de Aécio, Paulinho diz que Dilma deveria ir para a Papuda por ‘roubos’ na Petrobras

O deputado federal Paulo Pereira
da Silva, o Paulinho da Força (Solidariedade-SP), afirmou, durante breve discurso
que fez na festa do Dia do Trabalho que a Força Sindical promove em São Paulo,
que “pelos roubos que tem feito na Petrobras, a presidente Dilma Rousseff,
deveria estar presa”. “Quem deveria estar presa na Papuda é a
presidente Dilma, pelos roubos que tem feito na Petrobras, empresa que os
brasileiros aprenderam a admirar”, disse Paulinho. Sempre ao lado do
provável candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, o deputado
afirmou do palanque que fará de tudo para ajudar a eleger o tucano. Ele
criticou ainda a ausência da presidente Dilma no evento. “Quem tem coragem
mostra a cara e quem não tem manda representantes”, disse o sindicalista
na presença do ministro do Trabalho, Manoel Dias, e do secretário-geral da
Presidência da República, Gilberto Carvalho, ambos representantes da presidente
da República.
 Fonte: Estadão /Martins em Pauta/Serrinha de
Fato
Postado em 2 de maio de 2014 - 17:31h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.