O Comunicador

Acusado de tentar matar radialista seridoense apresentou identidade falsa à Polícia

Um dos três homens acusados de
tentar matar o radialista Roberto Oliveira, de 48 anos, preso na tarde desta
quarta-feira (09), apresentou uma identidade falsa à Polícia. Os presos haviam
sido identificados como sendo Francisco Canindé do Nascimento, 45 anos,
Francisco Pereira da Silva, 29 anos e Fredson Barbosa Bezerra, 28 anos.

Este último, no entanto, trata-se
de Paulo Márcio Rodrigues de Araújo (foto), vulgo “Paulinho da Picada”.  Paulo Márcio possui uma extensa ficha
criminal sendo acusado de homicídios na região central e oeste do interior do
estado. Os acusados foram conduzidos até a Delegacia Municipal de Caicó, onde
foram autuados por tentativa de homicídio e associação criminosa.
Fonte: Robson Pires
Postado em 10 de abril de 2014 - 23:29h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.