O Comunicador

Escutas revelam que policial caicoense tratava preso da operação como “patrão”

A Operação policial deflagrada na
manhã desta terça-feira, (25), em Caicó, foi fruto de uma investigação feita
pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado – Gaeco do Ministério
Público. Os policiais cumpriram mandado de prisão contra o sargento Valtecler,
que é lotado no 3º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual. Ainda foram
cumpridos dois mandados de busca e apreensão nas residências do soldado Rangel
e de outro que o Blog ainda não identificou.

As escutas telefônicas feitas
pelo Ministério Público, com autorização da Justiça, revelam que os policias
passavam informações para Puã Saldanha, um dos presos, e em todos os contatos o
chamava de “meu patrão”. Policiais rodoviários federais cumpriram o mandado de
prisão contra a pessoa de Puã Saldanha. Ainda na manhã de hoje, ele foi
conduzido até sua locadora de carros localizada na Avenida Ruy Mariz no Bairro
Boa Passagem. Lá, os policiais realizavam buscas.

Fonte: Sidney Silva com
Fotos de Ilmo Gomes


Postado em 25 de fevereiro de 2014 - 12:05h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.