O Comunicador

Polícia faz exumação e ao invés de corpo acha itens de ritual

Material foi encontrado dentro de caixão infantil (Foto:
Liberdade News)
O corpo da criança não estava no
caixão

Um fato inusitado aconteceu em
Mucuri, a 975 km de Salvador, nesta quarta-feira (12). Para cumprir uma decisão
judicial, a Polícia Civil da cidade coordenou a exumação de um corpo de uma
criança, mas ao retirar o caixão os peritos encontraram dentro uma galinha,
velas e três corações de bois, entre outras coisas. O corpo da criança não
estava no caixão.

Segundo informações da delegacia
da cidade, a exumação aconteceu no distrito de Itabatã. A polícia começou a
investigar o caso porque a família da criança queria retirar uma declaração de
óbito, mas não havia nenhuma prova do nascimento.

A família reservou um dia para o
sepultamento com o coveiro, mas não compareceu. No dia seguinte, eles voltaram
e enterraram a criança, sem a presença do coveiro. Depois, a mãe foi tirar o
documento no cartório da cidade, mas os funcionários desconfiaram e acionaram a
polícia.

O caso é investigado pelo
delegado Charlton Fraga, que ainda deve ouvir a suposta mãe da criança e outras
pessoas da família. Segundo a polícia, algumas testemunhas já foram ouvidas e
nenhuma confirmou a existência da criança.

A polícia investiga se tudo não
passou de algum ritual e se a criança de fato existiu. Dentro do caixão, de
tamanho infantil, também havia uma foto desbotada. A mulher pode responder por
registro de nascimento inexistente.
Postado em 13 de novembro de 2013 - 13:02h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *