O Comunicador

Suspeito de matar a ex-namorada de 17 anos em Apodi se apresenta e é liberado

O jovem Francisco Marcílio da Costa
Lima, de 18 anos, procurou a polícia para se apresentar, na tarde desta
terça-feira (12), na cidade de Apodi. Ele é suspeito de ter matado a
ex-namorada. A adolescente Júlia Mariana Torres de Oliveira, de 17 anos,
foi morta a tiros na noite do domingo (10).

Francisco se
apresentou ao delegado Renato da Silva Oliveira e disse a autoridade
policial que só falava em juízo. Na delegacia de Apodi, o jovem, que
trabalha como gesseiro se reservou ao direito de permanecer em silencio
e, como livrou o flagrante do crime, acabou sendo liberado logo em
seguida. Ele esteve acompanhado do advogado Ravardierison Cardoso
Noronha. Agora, o Francisco Marcílio vai responder ao processo em
liberdade, embora o delegado Renato Oliveira ainda possa solicitar a
prisão dele, no decorrer da investigação.

Júlia Mariana foi
assassinada por dois homens que se aproximaram dela em uma motocicleta. A
jovem estava conversando na calçada de casa com um grupo de amigas.
Após ser atingida, a estudante ainda foi socorrida por policiais
militares e levada ao Hospital Regional Hélio Morais Marinho, mas já deu
entrada na unidade de saúde sem vida. 


 



Na noite do crime que deixou a população apodiense chocada, toda policia
se mobilizou no intuito de capturar os criminosos, mas não obteve
êxito. A Polícia Civil chegou até Francisco como suspeito após relatos
de ameaças feitas por ele, que não estaria aceitando o final do
relacionamento com a adolescente. 
 
Fonte: Portal BO
 
Postado em 12 de novembro de 2013 - 22:29h

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *