O Comunicador

Acreditem se quiser: auxiliar para fazer check-in e carregar as malas dos senadores em Brasília recebem até R$ 20 mil por mês

Essas pessoas que sistematicamente desmoralizam o Congresso Nacional e
jogam a opinião pública contra os políticos deveriam ir para a cadeia. O
diabo é que os que fazem isso dispõem de privilégios como a
prerrogativa de foro e a imunidade parlamentar. Veja-se, a propósito, a
penúltima do Senado.
As repórteres Fernanda Odilla e Gabriela Guerreiro informam que
certas regalias sobreviveram às promessas de corte do presidente Renan
Calheiros (PMDB-AL). Por exemplo: continuam na folha nove servidores
cuja atribuição é fazer o check-in e carregar as malas dos senadores no aeroporto de Brasília.
Você, caro contribuinte, paga régios vencimentos para livrar Suas
Execelências das atribulações a que são submetidos os mortais nos
aeroportos brasileiros. Os nove carregadores de luxo recebem
contracheques que oscilam entre R$ 14 mil e R$ 20 mil. Calma, segure os
palavrões. Você não tem imunidade.
 Por Josias de Souza
Postado em 7 de maio de 2013 - 10:34h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *