O Comunicador

Ontem foi dia de sessão na Câmara municipal de Cerro Corá

Como já é de conhecimento da
população as sessões na câmara que eram anteriormente às sextas feiras agora passaram
a ser nas quartas e no mesmo horário 19h30min, ainda sem as transmissões ao
vivo pela Rádio Liberdade FM.
Um fato inusitado que aconteceu
na abertura da sessão de ontem foi quando um vereador solicitou que a ata da
ultima sessão fosse lida para que o mesmo tomasse conhecimento e acabou
recebendo a informação do presidente da casa de que a mesma ainda não estaria
pronta, o detalhe é que num prazo de oito dias a tal ata não foi concluída.
O vereador Zeca Araújo no uso da palavra
na tribuna da casa legislativa mostrou sua preocupação com a possibilidade da
não realização de concurso publico na atual gestão o que seria uma falta de
oportunidade para os estudantes que se preparam para buscar seu espaço através
da capacidade. Outras preocupações do vereador foram sobre a desorganização principalmente
do transito no centro da cidade onde ninguém toma as providencias e que vem causando
um desconforto à população, como também a questão da seca no que se diz
respeito ao abastecimento de água da cidade e alertou a população sobre o desperdício,
segundo Zeca é preciso a população se conscientizar sobre a importância de
economizar agua que nos seus cálculos caso não chova o abastecimento estará comprometido
a partir de outubro deste ano.

Já o vereador Evilásio Bezerra em
suas palavras criticou a falta de esclarecimentos em alguns pontos de um
projeto de lei enviado pelo executivo para ser votado nos próximos dias na aquela
casa legislativa referente à contratação de servidores sem concurso, o vereador
também mostrou sua indignação com a falta de concurso publico no município a
mais de quatro anos deixando principalmente a classe estudantil sem
oportunidade de trabalho, Evilásio ainda reclamou da falta de medicamentos na farmácia
básica do hospital e outros descasos na saúde do município e cobrou melhora no
abastecimento d´água das escolas da zona rural principalmente na localizada em “Chico
capote” onde segundo o vereador o abastecimento naquela escola é precário.

O vereador Aldin quando no uso da
tribuna disse que estaria a favor de todos os requerimentos que são para o bem
da população e que na próxima sessão vai apresentar requerimentos solicitando
que o transporte escolar vá até o conjunto barro vermelho no bairro Tancredo Neves
no período noturno no transporte dos alunos para a Escola Municipal Sebastiana
Alves Nôga, como também vai solicitar que o transporte dos alunos da faculdade
em Currais Novos se estenda até a comunidade Ipueiras beneficiando alunos
daquela localidade. Na ocasião o vereador também cobrou uma caixa d’ água para
o povoado Albino.
Postado em 21 de março de 2013 - 11:53h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *