O Comunicador

Polícia de Apodi prende homem que pilotava motocicleta embriagado e descobre que se tratava de um estuprador

Dois dias após sua prisão, o
mesmo prestou fiança à justiça e responderia ao processo em liberdade, mas
graças ao trabalho dos Agentes Penitenciários do Centro de Detenção Provisória
de Apodi (CDPA), em uma pesquisa feita pelo agente Márcio Morais e Carmelita
Sobrinho, junto a Delegacia de Capturas (DECAP) em Natal, fora descoberto que o
mesmo tinha um Mandado de Prisão em aberto expedido pela 3ª Vara Criminal de
Mossoró e assinado pelo juiz, Cláudio Mendes Junior, sobre a acusação de ter
praticado um estupro no bairro Aeroporto em Mossoró contra uma idosa, nome não
revelado pela policia.

Em Apodi, Antônio Alves
Damasceno, mantinha uma vida normal a mais de 10 anos mantinha um
relacionamento amoroso com um homossexual e vinha trabalhando vendendo flanelas
nas imediações do Cemitério Publico São João Batista, sem desperta a atenção da
população para a gravidade do crime no qual vem sendo acusado.

A prisão de Antônio Alves
Damasceno fora efetuada pelos policiais Gerliano Santiago e Genivan Souza ambos
com atuação na 2ª Companhia de Policia Militar de Apodi.

Em 2012 o capitão Inácio
Brilhante juntamente com Policiais do Grupo Tático Operacional (GTO), também
prendeu um estuprador mossoroense que estava morando na Chapada do Apodi e que
mantinha uma vida sem qualquer suspeitas.

A direção do Centro de Detenção
Provisória de Apodi comunicara a prisão de Antônio Alves Damasceno ao juiz
Cláudio Mendes Junior titular da 3ª Vara Criminal de Mossoró que devera
solicitar a transferência do apenado para a Penitenciaria Agrícola Mario
Negocio.
Fonte: Cardoso Silva
Postado em 28 de fevereiro de 2013 - 13:31h

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *