21 de janeiro de 2019

Diferença entre municípios potiguares com maior e menor investimento em Saúde passa de 1.500% Segundo levantame

Mais da metade dos municípios do Rio Grande do Norte gasta menos de R$ 403,12 por habitante, anualmente, quando o assunto é saúde. Esse valor foi a média investida pelas cidades brasileiras na área em 2017, segundo o Conselho Federal de Medicina (CFM). Um total de 95, das 167 cidades potiguares, que representam 56% do total, desembolsaram valores abaixo da média nacional.
Mesmo assim, a média de investimentos do estado é de R$ 421,32 - valor acima da nacional - puxada pelos maiores valores. Isso porque, enquanto há cidades que gastam menos de R$ 150, outras ultrapassam os R$ 2 mil dispensados por habitante. A discrepância entre o município que mais gasta com saúde e o que menos gasta, chegou a 1.524%, no estado.
Guamaré, na região da Costa Branca, desembolsou R$ 2.298,86 por habitante e ficou na sexta colocação entre todos os municípios brasileiros, no ranking dos que mais gastam com saúde per capita. Por outro lado, Canguaretama, no Litoral Sul potiguar, foi a quem menos gastou com cada habitante, no estado: R$ 141,53.

Os 10 municípios que mais gastam em Saúde (per capita) no RN

  1. Guamaré - R$ 2.298,86
  2. São Bento do Norte - R$ 1.481,29
  3. Bodó - R$ 1.178,36
  4. Ipueira - R$ 1.123,26
  5. Galinhos- R$ 969,64
  6. Pedra Grande - R$ 946,90
  7. Viçosa - R$ 865,18
  8. Severiano Melo - R$ 836,04
  9. Rafael Godeiro - R$ 817,09
  10. Lagoa de Velhos - R$ 813,27

Os 10 municípios que menos gastam em Saúde (per capita)

  1. Canguaretama - R$ 141,53
  2. São José de Mipibu - R$ 148,55
  3. Nísia Floresta- R$ 149,84
  4. Apodi - R$ 153,66
  5. Nova Cruz - R$ 159,01
  6. Touros - R$ 166,96
  7. Caraúbas - R$ 172,07
  8. Montanhas - R$ 175,35
  9. Luís Gomes - R$ 178,39
  10. Monte Alegre- R$ 183,03
A média dos municípios também varia de acordo com a quantidade populacional. As cidades com mais de 500 mil habitantes, por exemplo, tiveram média de R$ 425,84 investidos por habitante, no país. Natal, que tem mais de 885 mil, ficou bem abaixo desse valor, com R$ 362,99. Nesse quesito, o estado ficou abaixo da média nacional em todas as faixas populacionais. *G1 RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário