19 de novembro de 2018

Passageiro matou mototaxista por não ter dinheiro para pagar corrida

Polícia Militar de Nova Cruz prendeu João Batista de Oliveira Silva, 28 anos, conhecido por Nenê Camarão, na manhã desta segunda-feira. Ele é apontado como suspeito da morte do mototaxista Gerson Kennedy. Foto: PM/Divulgação  

A Polícia Militar da cidade de Nova Cruz, a 98 quilômetros de Natal, prendeu na manhã desta segunda-feira (19) o suspeito da morte do mototaxista Gerson Kennedy, 23 anos, semana passada após ter sido contratado para fazer uma viagem. O suspeito identificado como João Batista de Oliveira Silva, 28 anos, conhecido como Nenê Camarão, confessou ter assassinado o mototaxista por não ter dinheiro para pagar viagem. Ele disse à polícia que entrou em luta corporal com Gerson, golpeando-o na cabeça. Segundo a PM, o suspeito é natural de Nova Cruz e foi encaminhado para Delegacia Regional de Polícia Civil para cumprir mandado de prisão que já havia sido expedido pela Comarca de Goianinha. 

O mototaxista Gerson Kennedy, 23 anos, que era de Santo Antônio do Salto da Onça, município vizinho a Nova Cruz, desapareceu no dia 12 de novembro, após atender um possível cliente para fazer uma corrida. As imagens de uma câmera de monitoramento mostraram que Gerson tinha sido abordado por um homem de camiseta de time de futebol, bermuda preta e boné vermelho. Em seguida ele colocou o capacete e partiu levando esse passageiro suspeito, segundo relatos de testemunhas, em direção à cidade de Goianinha, na mesma região. 

Na quinta-feira (15), após três dias de angústia e desespero, familiares e amigos de Gerson fizeram buscas em uma região de mata de Goianinha e encontraram o corpo do mototaxista desaparecido. Um grupo de familiares da vítima realizou buscas por conta própria na região, quando um deles resolveu entrar em uma trilha após sentir um mau cheiro.  

Os amigos reconheceram logo o corpo como sendo do mototaxista que estava sem camisa, mas com bermuda, calçado e pertences da vítima desaparecida. Eles acionaram a polícia que esteve no local, isolou a área e saiu em diligências. 

*Informações: Op9 RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário