19 de julho de 2018

Pastor evangélico é preso suspeito de chefiar quadrilha que sequestra gerentes de bancos em 2 estados

Tático Integrado de Grupos de Repressões Especiais (Tigre) prendeu sete pessoas suspeitas de sequestrar gerentes para roubar bancos no Paraná e em Santa Catarina. O chefe da quadrilha, de acordo com o Tigre, é pastor evangélico. 

Com os suspeitos, a polícia apreendeu veículos e quase R$ 250 mil. A operação durou dois meses e foi deflagrada em Curitiba; em Matinhos, no litoral do estado; em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná; e em Itajaí, em Santa Catarina. 

Ainda conforme o Tigre, o chefe da quadrilha gastava parte do dinheiro com carros novos e viagens de luxo. O delegado responsável pelas investigações, Luiz Fernando Artigas, deve apresentar os presos em uma coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira (19). G1-PR

Nenhum comentário:

Postar um comentário