5 de maio de 2018

Homem e mulher são baleados após atentado dentro de cabaré na cidade de Apodi

Um homem conhecido por Guegão sofreu dois tiros e uma senhora terminou baleada num bar (cabaré) na cidade de Apodi/RN, no início da tarde deste sábado (05). O autor do ataque, que está foragido, é conhecido por 'Queixinho'. O Negão (Antônio Cledno Bezerra de Lima, de 28 anos), que foi socorrido para o Hospital Regional Hélio Marinho pelo SAMU, era o alvo do atirador.

A senhora Fabiana Nunes, de 31 anos, que estava no bar, tomou a frente para não deixar Queixinho matar Guegão e terminou baleada. No local, um enorme número de curiosos revirou a cena do crime. Conforme o relato de várias testemunhas, Guegão teria reagido, mesmo baleado, e dominado o atirador. Tomou o revólver e apertado o gatilho para mata-lo, mas não havia mais bala na arma.

O atirador Queixinho teria se soltado e fugido do local, possivelmente numa motocicleta. Não se sabe ao certo o quadro de saúde de Guegão no Hospital Regional Hélio Marinho, em Apodi. A senhora Fátima Nunes, que tentou defender Guegão, foi levada para o Hospital Regional Hélio Marinho, de Apodi, e depois transferida para o Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró. Queixinho está sendo procurado pela Polícia. 

O caso deve ser apurado em inquérito policial conduzido pelo delegado Rafael Câmara.

*Focoelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário