17 de março de 2018

Polícia Civil prende suspeito de ter matado dois irmãos em Lagoa Salgada/RN

Uma investigação da Delegacia Municipal de Monte Alegre resultou na prisão de João Matheus de Lima, 21 anos, conhecido como “Alemão” e na apreensão de um adolescente, nesta quinta-feira (15). Os dois são suspeitos de terem roubado e depois matado os irmãos Levi Bernardo de Paiva, 14 anos e Bismark Fábio da Silva Ferreira, 15 anos, no dia 25 de fevereiro deste ano, na cidade de Lagoa Salgada. 

Os irmãos foram mortos porque estavam com uma quantia de aproximadamente R$ 8 mil, valor pertencente a Bismark que desejava comprar uma motocicleta com o valor. O dinheiro foi dado ao rapaz pela família, após a venda de um terreno. De acordo com as investigações, Alemão que tinha uma certa relação de aproximação com familiares de Bismark, sabia que a vítima estava com este valor e montou uma armadilha. 

No dia 25 de fevereiro, os irmãos Levi e Bismark foram convidados pelo Alemão e por adolescente para olharem uma motocicleta que estava à venda, em uma estrada carroçável em Lagoa Salgada. No local, Alemão anunciou o roubo armado com um revólver, atirou em Levi e depois matou Bismark. Durante a execução, Levi prometeu que não contaria nada a família. Porém, Alemão soube que o crime havia sido descoberto minutos depois e resolveu voltar ao local para executar Levi. 

Como estava sem carga no revólver, conseguiu comprar munição com um guarda municipal e voltou ao local para consumar o latrocínio de Levi. Desdobramentos – Diante da atuação de um guarda municipal identificado como “Naldo” que teria fornecido munição para “Alemão” no dia do crime, a Delegacia de Monte Alegre cumpriu mandados judiciais de busca e apreensão na sede da Guarda Municipal de Lagoa Salgada e em residências de guardas municipais, na manhã desta sexta-feira (16). A ação resultou no indiciamento de dois integrantes pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. 

O chefe da Guarda Municipal de Lagoa Salgada, Paulo Márcio Câmara, que já responde a processo por porte ilegal de arma, entregou-se na Delegacia com um revólver calibre 38 e responderá em liberdade, mediante pagamento de fiança. O irmão dele, Paulo Roberto Silva Câmara, foi preso em flagrante em uma residência com um revólver calibre 38, uma espingarda calibre 12 e munições. A Polícia Civil pede ajuda da população, que pode enviar informações anônimas para o Disque-Denúncia 181. 

 *Fonte: Nova Cruz Oficial

Nenhum comentário:

Postar um comentário