27 de março de 2018

Delegado Rysklyft Factore assume caso Caroline

O delegado Rysklyft Factore assumiu a presidência do inquérito que investiga a morte da soldado da Polícia Militar do Estado de Santa Catarina, Caroline Pletsch, de 32 anos, baleada durante um assalto na noite desta segunda-feira (24), em uma pizzaria, na zona Norte. 

A informação foi anunciada pelo diretor da Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa, o delegado Marcos Vinícius. A primeira ação de Rysklyft foi ouvir o Sargento Marcos Paulo da Cruz, de 43 anos, companheiro de Caroline que também foi ferido durante o assalto. De acordo com o delegado a vítima só reagiu porque o criminoso descobriu que ele era policial. 

"Eles estavam hospedados em Genipabu e saíram da pousada para comprar uma pizza. Quando aguardavam o pedido tomando um suco os bandidos chegaram e anunciaram o assalto", relatou. O delegado ainda informou a reportagem do PortalBO que o Sargento agarrou a arma do assaltante, mas o revólver caiu, assim como a pistola dele que estava na cintura, foi neste momento que o segundo criminoso apanhou a arma no chão. 

A soldado Caroline ainda pegou uma cadeira para atingir o bandido mas acabou atingida. O Sargento foi ferido em seguida. O Sargento Marcos Paulo prestou o depoimento preliminar ainda no hospital onde se recupera dos ferimentos. "Foi uma ação muito rápida, quando ví eles já estavam fugindo", disse o policial ao delegado. O PM segue sem saber que a mulher morreu na sala de cirurgia. Toda informação pode ser passada para a polícia através dos números 3232 1195 da DHPP ou 181, disque denúncia.

*Fonte: Portal BO

Nenhum comentário:

Postar um comentário