14 de dezembro de 2017

População do RN tem imagem negativa dos políticos e aposta em novidades

Realizada no período compreendido entre 02 de dezembro e 07 de dezembro, a pesquisa Fiern/Consult apontou que os potiguares têm imagem negativa da política. 

O levantamento entrevistou 1.700 pessoas e abrangeu todo o Estado do Rio Grande do Norte Para 37,8% dos entrevistados, a política e os políticos foram associados aos termos, “ladrão”, “quadrilha”, “só tem corruptos”. 

A maioria dos entrevistados, 75,18% apontou também que não irá seguir a orientação de lideranças políticas para definir seu voto. 20% afirmou que não votará nos atuais políticos porque não cumpriram o que prometera; enquanto 19,06%, votará em um candidato que não seja político atualmente para governador ou senador. 17% afirmaram que os atuais políticos não o representam. 

Mudanças 
Para 54% dos entrevistados, estão dispostos a votar em um candidato novo a senador ou governador, seja empresário ou pessoa influente que não esteja atuando na política. 49,18% esperam mudança total e não votariam em nenhum candidato que esteja na política hoje. Para votar em 2018, os potiguares apontaram como principais características, não ser ficha suja (38,1%) e ser novo na política (28,4%). 

*Por Júlio Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário