26 de outubro de 2017

Temer mostra força, mas classe política sai enfraquecida, diz sociólogo

O sociólogo Wagner Tadeu Iglecias, professor de políticas públicas da USP (Universidade de São Paulo) Leste, afirma que a rejeição da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) dá força ao governo, mas enfraquece a classe política em geral, podendo abrir caminho para uma figura fora da política nas eleições de 2018. 

Para Iglecias, Temer “sai fortalecido do jogo institucional”, em sua relação com o Judiciário, na figura da Procuradoria-Geral da República, após a saída de Rodrigo Janot do cargo e a posse de Raquel Dodge. Também ganhou na relação com o Legislativo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário