27 de março de 2017

Mulher que matou adolescente de 15 anos em micareta em Natal já tinha praticado tentativas de homicídios contra outras mulheres

A investigação da DHPP sobre a atuação criminal de Joyce Gislaine Cosme, conhecida como “Joba ou Jojoba”, 21 anos, autora das punhaladas que matou Maria Raquel Silva de Almeida, 15 anos, durante o Nazaré Folia, revelou que Joyce já havia atentado contra a vida de duas outras mulheres. O delegado da DHPP Reginaldo Soares que conduz o inquérito sobre a morte de Maria Raquel, assassinada no dia 18 de fevereiro, revelou que Joyce desferiu facadas contra outras vítimas, em 2015 e em 2016. Em todos os casos, a criminosa agiu motivada por ciúmes próprios ou para defender amigas e familiares envolvidas com relacionamentos amorosos. 

“Descobrimos que Joyce tentou matar a pessoa de Monique Pinto de Oliveira na madrugada do dia 10 de janeiro de 2015. Um boletim de ocorrência foi registrado na DEAM – Zona Sul e apontou que Joyce foi a autora das facadas. O crime ocorreu em frente a sede dos carroceiros, no bairro Dix-Sept Rosado. Uma outra vítima de Joyce foi Luana Oliveira dos Santos. No dia 25 de outubro de 2016, por volta das 17hs50 minutos, ela foi atingida por quatro facadas efetuadas por Joyce, quando ela estava no bairro Dix-Sept Rosado. Luana passou por uma cirurgia e sobreviveu. 

A tentativa de homicídio foi registrada no 8o. Distrito de Polícia Civil de Natal, mas não houve a instauração do inquérito policial sobre a tentativa de homicídio”, detalhou o delegado Reginaldo Soares. Homicídio de Maria Raquel – no dia 18 de fevereiro, deste ano, Joyce Gislaine matou Maria Raquel durante a Festa do Nazaré Folia, que aconteceu no bairro Nossa Senhora de Nazaré, Zona Oeste de Natal. 

O crime teve a participação de Tayse da Silva Felipe, conhecida como “Taís”, 25 anos. Joyce Gislaine foi presa no dia 18 de março, por um soldado da Polícia Militar de Pernambuco, quando estava na cidade de Tuparetama. Tayse da Silva Felipe foi presa no dia 20 de março em Natal. 

*Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário