5 de novembro de 2016

Jovem assuense acusada de matar o filho de 43 dias afogado num balde está grávida de 33 semanas

Aguardando julgamento popular por ter planejado e matado o filho de apenas 43 dias de vida afogado num balde no dia 19 de dezembro de 2014, a assuense Aline Yorrane da Silva Andrade, de 21 anos, está grávida de 33 semanas. A informação foi confirmada ao Mossoró Hoje, em Assu, pela família. A história da gravidez de Aline Yorrane foi confirmada pela família, onde ela mora em Assu (endereço resguardado). Eles não souberam informar se Aline esteve no posto de saúde para fazer o acompanhamento pré­natal do filho, que deve nascer nas próximas 3 ou 4 semanas. 

Aline Yorrane foi notícia em rede nacional quando foi descoberto que seu bebê havia sido encontrado dentro de um balde de água no banheiro da então Casa de Saúde Dix Sept Rosado. Na época, o caso causou grande comoção na região. 

*Focoelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário