17 de novembro de 2016

Cruzamento de dados indicam mais fraudes no Enem

O cruzamento de dados do INEP – órgão vinculado ao Ministério da Educação – com as investigações da Polícia Federal identificou dezenas de novos indícios de fraudes nas provas do Enem. São flagrantes as semelhanças de gabaritos, o que aumentam as suspeitas de que criminosos repassaram respostas para candidatos. 

Segundo a Coluna Esplanada, as investigações da PF com dados do INEP transcorrem sem alarde para evitar mais ações com pedido de anulação das provas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário