17 de agosto de 2016

Saiba quanto cada país pagará por medalhas de ouro

Alcançar o topo do pódio, a glória olímpica, também tem seu preço. Para citar alguns casos, Argentina, México e Brasil pagarão aos esportistas que receberem medalhas de ouro muito mais que os Estados Unidos. Confira os prêmios ao redor do mundo e algumas curiosidades. O presidente do Comitê Olímpico Argentino, confirmou os valores que serão pagos aos atletas do seu país em caso de pódio. 

Cada medalha de ouro valerá 150 mil pesos (R$ 60 mil), a prata premiará 100 mil pesos (R$ 40 mil) e o bronze, 60 mil pesos (R$ 24 mil). Além disso, a Argentina também dará prêmios às equipes que possam sair vitoriosas. Haverá 1 milhão de pesos (R$ 400 mil) pelo ouro, 700 mil pesos (R$ 280 mil) pela prata e 500 mil pesos (R$ 200 mil) pelo bronze. 

O dinheiro é proveniente do Conselho Nacional de Alto Rendimento Esportivo (Enard, na sigla em espanhol). A entidade é financiada por um imposto de 1% da arrecadação das empresas de telefonia celular. Os EUA, uma das grandes potências mundiais do esporte, oferece um prêmio de US$ 25 mil (R$ 50 mil) a cada campeão olímpico. 

Aqueles que conquistarem uma prata terão a premiação de US$ 15 mil (R$ 30 mil), enquanto o bronze valerá US$ 10 mil (R$ 20 mil). Já o México, assim como a Argentina, também supera o seu vizinho do norte. Cerca de 500 mil pesos mexicanos (R$ 72 mil) vão ao possível ganhador em Londres 2012. O pódio é completado com 250 mil pesos (R$ 36 mil) por cada prata e 125 mil pesos (R$ 18 mil) pelos bronzes. 

Entretanto, a projeção de medalhas de ouro dos Estados Unidos é arrasadora. Estima-se que a delegação americana consiga 37 medalhas de ouro, segundo o banco norte-americano Goldman Sachs. Em Londres, o Brasil pagou R$ 100 mil pelo ouro. Em caso de prata, a bonificação será de R$ 50 mil, e cada bronze valerá R$ 30 mil. O país que oferece mais dinheiro aos seus esportistas que levarem o ouro olímpico é a Itália, com uma oferta de R$ 365 mil. A Rússia, forte competidora no quadro de medalhas, pagará R$ 262 mil para cada atleta que chegar ao topo do pódio. 

Veja outros valores da premiação por medalha de ouro no resto do mundo: Coreia do Sul, R$ 105 mil; França, R$ 100 mil; Japão, R$ 56 mil; e Austrália, R$ 32 mil. O Reino Unido, anfitrião dos Jogos de Londres, confirmou que não dará sequer uma libra para quem conquistar medalhas. O incentivo está no que poderão conseguir, a curto ou médio prazo, através de patrocinadores. 

*Com informações da Revista Isto É e do BlogdoBG .


Nenhum comentário:

Postar um comentário