24 de junho de 2016

PF investiga “máfia dos shows públicos”; desvios podem passar de R$ 100 mi

A Polícia Federal, a Receita e o Ministério Público Federal estão investigando uma “máfia” dedicada a fraudar a compra e venda de shows públicos de grandes artistas. 

Segundo levantamento obtido, o volume de dinheiro obtido por meio de fraude na contratação, superfaturamento de cachês ou infraestrutura pode passar de R$ 100 milhões apenas nos últimos três anos. Somente no interior de São Paulo há R$ 15 milhões já bloqueados pela Justiça a pedido do Ministério Público Federal. Por enquanto há investigações em curso em São Paulo, Rio, Pernambuco, Amazonas, Bahia, Pará, Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte. 

A investigação começou em 2010, no interior de São Paulo, e depois se espalhou pelo país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário