27 de março de 2016

“Deu aquela raiva e eu não aguentei”, diz suspeito de matar mulher asfixiada

A Polícia Militar do Estado da Paraíba (PMPB) prendeu na noite deste sábado (26) o principal suspeito de matar a ex-companheira na noite de ontem em São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Natal. 

Segundo a PM ao 190rn, ao tomar conhecimento do crime diligências foram iniciadas até localizarem o suspeito que foi identificado até o momento apenas como Pedro, na cidade de Sapé, distante 180km do local do crime. “Deu aquela raiva e eu não aguentei. Ela encheu minha cabeça dizendo que tinha me traído”, disse o suspeito à PM. 

O suspeito foi transferido em flagrante por uma equipe da Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) ao Estado onde será ouvido e ficará aguardando julgamento.

O crime 
Segundo a PM ao 190rn, na noite de sexta-feira (25) o suspeito mesmo com medida protetiva de se manter distante, pulou o muro da residência da vítima identificada como Sintia Nadia de Sousa Silva, 25 anos, a despiu, estrangulou e a asfixiou. O crime aconteceu no Jardim Lola, em São Gonçalo do Amarante.

 *190 RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário